Antena 1 - Home
Imagem Miniatura do Artista: Bee Gees

Bee Gees

Bee Gees, um dos trios mais famosos do mundo, formado pelos irmãos Maurice, Barry e Robin Gibb, nasceu ainda na década de 1950, na Austrália – embora sejam naturais da Ilha de Man.

Depois de descobrir o talento e harmonia entre os filhos, o pai Hugh Gibb incentivou os irmãos a fazerem apresentações em shows de calouros. O reconhecimento veio pouco tempo depois, na década de 1960, quando assinaram contrato com a Festival Records.

Eles gravaram a faixa “Wine And Women” – que os destacou – e conseguiram lançar, em 1965, o primeiro álbum, intitulado The Bee Gees Sing and Play 14 Barry Gibb Songs. O segundo disco, chamado Spicks And Specks, foi divulgado em 1966 e chamou atenção na Austrália pela canção-título. Foi nesta época que os músicos foram embora para a Inglaterra, onde fecharam com outra gravadora.



Já na Europa, como uma banda oficial, os artistas contrataram mais dois integrantes para assumirem a bateria e a guitarra: Colin Petersen e Vince Melouney, respectivamente. Em 1967, os Bee Gees estrearam o terceiro álbum de estúdio deles, nomeado Bee Gees’ 1st, e estouraram com o single “To Love Somebody”. Depois veio “Massachusetts”, presente no disco do ano seguinte, Horizontal.

Ainda em 1968, chegou às lojas o quinto álbum da banda, com o título Idea. O material foi um dos mais bem-sucedidos da carreira deles e revelou os hits “I’ve Gotta Get A Message To You” e “I Started A Joke”.

Já em 1969, com a chegada do álbum Odessa, promovido pelos singles “First Of May” e “Lamplight”, também veio a demissão do guitarrista Vince e a grande polêmica entre os irmãos Robin e Barry, que disputavam liderança de voz. Robin decidiu deixar o grupo. Pouco depois, o baterista Colin também se despediu.

Barry e Maurice seguiram fazendo algumas músicas, que resultaram no disco Cucumber Castle. O single deste trabalho foi “Don’t Forget To Remember”. Em meados de 1970, os irmãos se reconciliaram, Robin retornou a banda e os Bee Gees passaram a ser, oficialmente, um trio. A volta foi marcada pelo álbum 2 Years On, que contou com a faixa “Lonely Days”.

Um ano depois, os músicos lançaram Trafalgar, responsável pelo single “How Can You Mend A Broken Heart?”. A canção assumiu o primeiro lugar nas paradas de vários países. Em 1972, foi a vez de “Run To Me”, parte do disco To Whom It May Concern, conquistar a Europa e a América Latina.

Depois destes sucessos, os artistas enfrentaram uma fase bastante difícil na carreira, sem alcançar notoriedade nos novos lançamentos. Os irmãos Gibb se mudaram para os Estados Unidos em 1973 e divulgaram o álbum Mr.

Natural – que também não triunfou, mas marcou a mudança no estilo musical do grupo, voltado mais para o soul.

Eles não desistiram. Em 1975, desenvolveram um material extremamente bem trabalhado e tiveram de volta o topo dos rankings internacionais. Chegou às lojas Main Course, dono dos hits “Fanny”, “Nights On Broadway” e “Jive Talkin”. 

No ano de 1976, começou a “Era Disco” da banda, com o álbum Children Of The World, integrado por “You Should Be Dancing” – que apresentou ao mundo o famoso falsete de Barry.

O verdadeiro estouro ainda estava por vir. Os cantores foram convidados para participar da trilha sonora do filme “Os Embalos de Sábado à Noite”, de 1977. Foi quando “More Than A Woman”, “How Deep Is Your Love” e, é claro, “Stayin’ Alive” viraram febre.

Em 1979, lançaram o álbum Spirits Having Flown, o qual emplacou vários sucessos, como “Tragedy, Love You Inside Out”, “Reaching Ou”t e “Too Much Heaven”. O material vendeu mais de 30 milhões de unidades. Neste ano, os músicos deram início a turnê Spirits, que passou por diversos países. O avião que os levava tinha o logotipo do disco, com o nome “Bee Gees”.

Ninguém segurava mais os Bee Gees. Eles conquistaram diversos prêmios e foram considerados os reis da disco music. Passado o auge da fama, no início dos anos 1980, a banda fez uma pausa – com o lançamento de Living Eyes, que não teve destaque, neste meio tempo – e os Gibb passaram a atuar como produtores de outros artistas, colaborando em álbuns de grandes nomes da música.

O trio retornou em 1987, desta vez com uma nova gravadora, e estreou o disco E.S.P, promovido por “You Win Again”. Depois veio One, que alcançou popularidade nos Estados Unidos. Já em março de 1991, é lançado o disco High Civilization, com som experimental, repleto de efeitos eletrônicos. Os fãs consideram, este, um álbum conceitual.

No ano de 1993, os artistas estrearam Size Isn’t Everything, com o single For Whom The Bell Tolls, tocado em muitas rádios. Após três anos trabalhando no novo álbum, veio Still Waters, de 1997. O disco foi bastante aclamado e presenteou o público com a faixa “I Could Not Love You More”.

Após um documentário sobre a carreira, intitulado “Keppel Road”, e diversos shows, os músicos anunciaram seu último álbum, nomeado This Is Where I Came In, de 2001.

Em 2003, Maurice sofre uma parada cardíaca e morre. Alguns anos depois, em 2012, Robin também faleceu, vítima de câncer. Os Bee Gees, contudo, permanecerão sempre vivos no coração dos apaixonados pelos seus hits.

Ao todo, o trio vendeu mais de 250 milhões de discos, foram incluídos no Hall da Fama do Rock na Roll e levaram dez Grammys.

DISCOGRAFIA

Imagem em Miniatura do Álbum: The Ultimate Bee Gees The Ultimate Bee Gees
2009

Imagem em Miniatura do Álbum: Number Ones Number Ones
2004

Imagem em Miniatura do Álbum: One Night Only (Live) One Night Only (Live)
1988

CARREGAR MAIS

ARTISTAS

a-ha
ABBA
Adele
Air Supply
Al Jarreau
Alanis Morissette
Alejandro Sanz
Alicia Keys
Alle Farben
Alphaville
  >