Antena 1 - Home
Você está lendo as notícias da Antena1 Nacional Mudar Filial

10 clipes mais dançantes para o Dia da Dança

  • 29/04/2016 16:15
Imagem: 10 clipes mais dançantes para o Dia da Dança

O Dia Internacional da Dança é celebrado hoje, dia 29 de abril, desde 1982. A data foi instituída pelo Comitê Internacional da Dança da UNESCO, como maneira de recordar e dar mais visibilidade à dança – uma das manifestações artísticas mais antigas do mundo.

A importância da dança vai muito além, tendo a capacidade de transmitir traços culturais, além de estar presente nos momentos mais importantes da história. O dia 28 de abril surgiu para aumentar a atenção em torno do assunto, dando mais importância à dança, incentivando os governos de todo o mundo para oferecerem melhores políticas públicas para a modalidade.

Isso sem contar os benefícios para a saúde. Segundo o site da academia Companhia Athletica, a dança traz o aumento da flexibilidade, o aprimoramento da coordenação motora, a melhora cardiorrespiratória e também a otimização do condicionamento aeróbico.

Para celebrar esta data, a equipe da Antena 1 selecionou os 10 clipes mais dançantes da história, que farão você sair da cadeira e comemorar o Dia Internacional da Dança da maneira mais correta: dançando!

“Flashdance What A Feeling” – Irene Cara

A faixa foi escrita pela própria cantora em parceria de Giorgio Moroder e Keith Forsey para compor a trilha sonora do filme “Flashdance”, de 1983. Uma das mais marcantes faixas desta década recebeu o Oscar e o Globo de Ouro, ambos na mesma categoria, de Melhor Canção Original.



“Dancing Queen” – ABBA

Lançada em 1976 pela banda sueca, a canção é até hoje um dos maiores hits das discotecas. Em pouco tempo de divulgação, a faixa atingiu o topo das paradas, inclusive da norte-americana, a Billboard Hot 100. Atualmente, “Dancing Queen” é um dos singles mais vendidos do grupo, já foi regravada por diversos artistas e além disso, diversos críticos consideram a melhor canção do gênero disco.



“Let’s Dance” – David Bowie

A faixa título do quinto disco de estúdio do camelão do rock é um de seus maiores sucessos, sendo também, uma de suas canções mais vendidas. Na primeira semana de lançamento, “Let’s Dance” apareceu no Top 5 da parada do Reino Unido e, em seguida, emplacou a primeira posição da Billboard Hot 100.


O clipe da faixa foi gravado em alguns lugares da Austrália e contou com direção de David Mallet.



“Do You Wanna Dance” – Johnny Rivers

Assim que lançada, em 1968, a canção logo ganhou o coração dos brasileiros, além de aparecer entre as 100 mais tocadas daquele ano.



“Rock With You” – Michael Jackson

Apesar de Michael Jackson ser uma máquina de hits, podemos considerar que “Rock With You” é uma de suas mais famosas faixas. Lançada em 1979, no disco Off the Wall, a dançante canção, que mistura o disco com R&B, alcançou o topo das duas paradas mais cobiçadas do mundo da música, a britânica e a norte-americana.



“I’d Rather Dance With You” – Kings Of Convenience

A música, que compõe o álbum Riot On A Empty Street, de 2004, teve seu clipe considerado o melhor daquele ano.  Uma das maiores características do grupo são suas melodias de violão e sua influência da bossa nova brasileira.



“Dance Into The Light” – Phil Collins

A canção foi o primeiro single do disco de mesmo nome, de 1996. Naquele ano, mesmo com o sucesso, a canção não alcançou uma boa posição na parada norte-americana, mas, emplacou a nona colocação no ranking britânico.



“I Wanna Dance With Somebody” – Whitney Houston

A música, produzida por Narada Michael Walden, é o primeiro single da cantora norte-americana e um de seus maiores sucessos. A faixa rendeu à Houston seu segundo prêmio Grammy, na categoria de Melhor Performance Vocal Feminina Pop. O clipe também é um dos mais famosos da artista, com direção de Brian Grant.



“Don’t Stop The Dance” – Bryan Ferry

A música foi lançada em 1985, como um dos sucessos da época e, até hoje, é utilizada por DJs do mundo todo.



“He’s The Greatest Dancer” – Sister Sledge

A música, do gênero disco, foi escrita por Bernard Edwards e Nile Rodgers para o material nomeado We Are Family, de 1979.

Mais tarde, alguns trechos da canção foram utilizados por Will Smith para o hit "Gettin' Jiggy Wit It", de 1998.