Antena 1 - Home

Estresse faz tão mal quanto se alimentar de forma inadequada, aponta estudo

  • 23/10/2017 16:10
Imagem: Estresse faz tão mal quanto se alimentar de forma inadequada, aponta estudo

Experimento feito com roedores mostrou que passar nervoso pode comprometer o funcionamento da flora intestinal, no mesmo nível de uma alimentação muito gordurosa.

Quando ratas ficaram expostas à situações estressantes, as bactérias da flora intestinal delas mudava, comportando-se como as de roedores obesos.Esses elementos têm função relevante na regulação da digestão e no metabolismo. O mau funcionamento dessas bactérias pode desencadear em problemas voltados à alimentação, sendo as consequências mais prováveis: o ganho de peso e a perda de nutrientes essenciais dos alimentos.

Fêmeas são mais atingidas

Além disso, a conclusão do estudo apontou para diferenças no que diz respeito aos gêneros. Os machos que comiam de forma inadequada pareciam mais ansiosos quando comparado as fêmeas que passavam por esses momentos. No entanto, por fim, os animais do sexo masculino eram menos afetados por essas situações estressantes.

Já os efeitos na vida das fêmeas foram bem mais intensos. A flora intestinal, por exemplo, começou a agir como a dos ratos que haviam consumido fast food por 16 semanas.

Segundo os cientistas, a pesquisa, também, pode ser associada à vida humana. Pois, por exemplo, na sociedade atual, mulheres estão mais suscetíveis aos níveis mais altos de depressão e ansiedade, e isso está relacionado ao estresse.