Antena 1 - Home
Você está lendo as notícias da Antena1 Nacional Mudar Filial

Moleskine Words: público é convidado a customizar cadernos usando carimbos

  • 18/05/2015 17:01
Imagem: Moleskine Words: público é convidado a customizar cadernos usando carimbos

Na manhã do último sábado, dia 16, a Livraria Freebook realizou o evento “Moleskine Words” no bairro de Pinheiros, em São Paulo. A proposta da celebração era aguçar a criatividade do público, junto ao artista Paulo Von Poser, respondendo a pergunta: “Quantas histórias podem ser escritas com uma caixa de 400 palavras diferentes?”.

Para isso, a organização disponibilizou aos visitantes cadernetas postais Moleskine que poderiam ser customizadas com 400 carimbos divididos por sessões: nomes, adjetivos, verbos e ícones do artista desenhados a mão. As pessoas presentes puderam criar suas próprias micro-histórias nas cadernetas ou nos postais distribuídos, vivenciando uma experiência intuitiva e experimental.

No evento, o público também teve a chance de manusear desenhos do artista feitos em cadernos Moleskine e guardados cuidadosamente em cúpulas de vidro. Os visitantes só puderam tocar as folhas com luvas de tecido - que impediam a danificação.

A livraria Freebook é uma empresa familiar, especializada em livros ilustrativos importados - a maioria de artes – vendidos a preços competitivos. Inicialmente, a loja era fechada ao público e atendia apenas amigos dos proprietários e clientes habituè de outras livrarias.

A equipe de jornalismo da Antena 1 esteve no evento e conversou com o próprio fundador da livraria, Manuel Teixeira Neto, de 64 anos - mais conhecido no meio editorial como Petit. Segundo ele, o estabelecimento foi aberto para o mercado há pouco mais de 3 anos: “agora queremos mesmo é que todos venham até nós”, enfatizou.  A coleção de livros da Freebook inclui desde revistas de arte, como a Visionaire, até um box exclusivo com desenhos do estilista Yves Saint Laurent - o último exemplar das 500 unidades produzidas. Uma raridade!

O evento aconteceu no espaço E-Arte, que se trata de um conglomerado da galeria de arte e fotografia contemporânea Mira e da livraria Freebook. Os movimentos de espaços coletivos vêm tomando força em metrópoles, principalmente na Grande São Paulo, pela praticidade e interação entre as áreas do mundo das artes, design, literatura, moda, cultura e gastronomia.

Um dos precursores desse ambiente multidisciplinar, que mistura cultura e arte em um só lugar, foi o Cartel 011, também em Pinheiros. Logo em seguida, surgiu o Brooklin Coletivo que agregou ainda a música à programação, apresentando ao público uma casa de jazz – assim que o sol se põe.