Antena 1 - Home

Prince pode ter sido vítima de medicamento adulterado

  • 23/08/2016 14:38
Imagem: Prince pode ter sido vítima de medicamento adulterado

Os responsáveis pela investigação da morte de Prince estão supondo que pílulas adulteradas tenham causado a morte do cantor, de acordo com informações publicadas na última segunda-feira, dia 22.

O jornal local The Star Tribune – de Minneapolis, cidade natal do norte-americano – destaca que as autoridades estão se atentando para a nova hipótese após encontrarem os comprimidos na casa do astro.

O remédio tinha a indicação de hidrocodona, uma droga normalmente prescrita como calmante. No entanto, nela havia fentanil – um forte medicamento para o qual Prince não tinha receita.

A necropsia feita determinou que o cantor faleceu no dia 21 de abril, vítima de overdose de fentanil. O que não se sabe é a forma como o artista conseguiu o medicamento.

O The Star Tribune ainda citou uma fonte anônima, que afirma que os investigadores “se inclinam pela teoria de que ele tomou as pílulas sem saber que continham a droga”.