Antena 1 - Home
Você está lendo as notícias da Antena1 Nacional Mudar Filial

Violino do Titanic ficará exposto em Belfast antes de ser leiloado

  • 02/09/2013 00:00
Imagem: Violino do Titanic ficará exposto em Belfast antes de ser leiloado

Um violino que foi usado durante a travessia do Titanic e que afundou junto com o transatlântico em 1912 ficará exposto ao público a partir do dia 18 de setembro no museu Titanic Belfast, antes de ser leiloado.

O violino pertencia a Wallace Hartley, o diretor da orquestra do cruzeiro, que, junto com os outros sete músicos, entrou para a história do Titanic ao tocar seu instrumento ao mesmo tempo em que o lendário navio afundava, após se chocar com um iceberg na madrugada de 15 de abril, há mais de um século.

Tanto o instrumento como o corpo do músico foram recuperados das águas do Atlântico dias depois do acidente, junto com as cartas de sua amada, Maria Robinson, que tinha dado o violino de presente para celebrar o compromisso.

Mas as coisas não foram assim até 2006, quando o instrumento reapareceu e suscitou um intenso debate sobre sua autencidade, que foi investigada durante sete anos até ficar provado, em 2011, que Wallace Hartley tinha tocado este mesmo violino no Titanic.

Agora o violino ficará exposto, junto com seu estojo de pele com as iniciais do músico (W.H.H.), em uma das maiores exposições sobre o transatlântico, no museu Titanic Belfast, situado junto aos estaleiros de Hartland & Wolf, onde a embarcação foi construída.

"O violino estava atado ao corpo de Wallace Hartley quando foi descoberto. É uma bonita história que surgiu da cena do desastre. (O instrumento) volta ao berço do Titanic em Belfast", disse nesta segunda-feira Tim Husband, porta-voz do museu.

O instrumento estará exposto pela última vez em Belfast antes que a casa de leilões Henry Aldridge & San o leve a leilão em 19 de outubro, com um preço que ainda não foi estipulado.


Agência EFE