Capa do Álbum: Antena 1
A Rádio Online mais ouvida do Brasil
Antena 1
    Ícone seta para a esquerda Veja todas as Notícias.

    Desistência de Doria, Zelensky no Fórum Econômico Mundial e mais desta segunda

    Veja o que foi notícia na manhã de hoje

    Placeholder - loading - Antena 1 Notícias - Resumo das principais notícias da manhã | Crédito da imagem: Antena 1
    Antena 1 Notícias - Resumo das principais notícias da manhã | Crédito da imagem: Antena 1

    Publicada em  

    Confira um resumo das principais notícias do Brasil e do mundo!

    Nacional

    O ex-governador de São Paulo João Doria comunicou nesta segunda-feira a desistência da pré-candidatura à Presidência. Ele enfrentava resistência interna no PSDB, além de outros partidos aliados da chamada terceira via. A senadora Simone Tebet, do MDB, deve ser escolhida como a única candidata do grupo para disputar a eleição.

    O presidente Jair Bolsonaro revogou o decreto que criou um comitê de coordenação nacional para enfrentamento da Covid-19. Além de Bolsonaro, o grupo era formado pelos presidentes do Senado, Rodrigo Pacheco, e da Câmara, Arthur Lira. O presidente do Conselho Nacional de Justiça, ministro Luiz Fux, participava como observador. Outros 22 decretos que tratavam da pandemia também foram revogados.

    Economia

    Os peritos médicos do INSS voltaram ao trabalho nesta segunda-feira, após 52 dias em greve. O Ministério do Trabalho e Previdência firmou um acordo com a categoria, que reivindicava reajuste salarial, revisão de benefícios e ajustes no plano de carreira. A paralisação levou a uma fila de mais de um milhão de pessoas que aguardam atendimento.

    O presidente da Câmara, Arthur Lira, disse que o Brasil precisa acabar com a taxação excessiva de bens essenciais. Os deputados podem votar nesta terça-feira um projeto que classifica combustíveis, energia elétrica, telecomunicações e transportes como bens e serviços essenciais, com alíquota máxima de ICMS de 17%. Antes da votação, Lira deve se reunir com líderes partidários para discutir o tema.

    O mundo ganhou 573 ultrarricos durante a pandemia, segundo um relatório da ONG Oxfam. Os dados foram divulgados neste domingo, dia da abertura do Fórum Econômico Mundial, que acontece em Davos, na Suíça. A organização se baseia nas listas da revista Forbes e em dados do Banco Mundial.

    Internacional

    O presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelensky, discursou nesta segunda-feira no Fórum Econômico Mundial. Ele apelou que as lideranças mundiais criem mecanismos para evitar novas guerras. A Rússia foi proibida de participar do evento este ano.

    O número de refugiados no mundo ultrapassou a marca de 100 milhões pela primeira vez, segundo a ONU. O dado inclui tanto os que foram obrigados a deixar os países de origem quanto os que se deslocaram internamente. A guerra na Ucrânia contribuiu para o recorde.

    Em visita ao Japão, o presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, afirmou nesta segunda-feira que o país pode intervir militarmente se a China invadir Taiwan. Para desestimular Pequim, Biden defendeu que o presidente russo, Vladimir Putin, pague caro pela invasão da Ucrânia. Ele disse que a comunidade internacional deve deixar claro que esse tipo de ação resultará em uma desaprovação de longo prazo.

    A farmacêutica americana Pfizer e o laboratório alemão BioNTech anunciaram que três doses da vacina que desenvolveram contra a Covid-19 geram resposta imune robusta em crianças de 6 meses a 5 anos de idade. O imunizante também foi considerado seguro e bem tolerado nos testes realizados. As companhias pretendem enviar os dados para autoridades sanitárias dos Estados Unidos ainda esta semana.

    Escrito por Jornalismo - Gabriella Paques

    Últimas Notícias

    1. Home
    2. noticias
    3. desistencia de doria zelensky …

    Este site usa cookies para garantir que você tenha a melhor experiência.