alexametrics
Capa do Álbum: Antena 1
ANTENA 1A RÁDIO ONLINE MAIS OUVIDA DO BRASIL

    Algumas mulheres com Dissecção Coronária Espontânea decidem ter filhos

    No geral, mulheres com estas condições são orientadas a não engravidar.

    Placeholder - loading - news single img

    46

    Publicada em  

    A dissecção coronária espontânea, ou Scad, na sigla em inglês, é uma condição rara e, com frequência, não diagnosticada e que causa ataques cardíacos. Além da crise coronária, as mulheres que sobrevivem a estes infartos passam por outro trauma: em geral, ouvem que não podem mais ter filhos por causa do risco de que outro ataque aconteça.

    A Scad é a principal causa de infartos em mulheres em idade fértil e acontece quando uma das artérias coronárias se rompe repentinamente, impedindo a chegada de sangue ao coração.

    Felizmente, com apoio de especialistas e clínicas específicas, esse quadro começa a mudar. A cardiologista Abi Al-Hussaini, em sua clínica no Chelsea and Westminster Hospital, em Londres, tem passado orientações diferente das que são comuns para pacientes com o problema.

    A doutora Al-Hussaini avalia o dano causado ao coração pela doença e analisa a medicação que a paciente está tomando - em geral, reduzindo as doses. Ela utiliza essas informações para aconselhar as pacientes sobre os riscos envolvidos numa gravidez. Isso, às vezes, significa que ela tem de dizer às mulheres que o risco é muito alto, mas o importante é que a paciente tome a decisão, e não que se siga automaticamente o aconselhamento comum de não engravidar.

    Se uma de suas pacientes decide levar a gravidez adiante, ela é encaminhada a uma "equipe de gravidez de alto risco" no hospital, que vai monitorá-la ao longo do processo.

    Ela acha que a falta de pesquisa sobre a doença explica por que muitos cardiologistas preferem apenas recomendar que a mulher não engravide.

    O que é a doença?

    É uma doença cardíaca pouco diagnosticada e afeta principalmente mulheres, às vezes durante, ou logo após, uma gestação. A menopausa, o estresse e o esforço físico também estão associados à ocorrência da doença.

    Durante o ataque, há um rompimento ou um hematoma numa das artérias coronárias, impedindo a chegada do sangue ao coração. Pode levar à morte, insuficiência ou parada cardíaca.

    Para ler mais notícias, curta a página Antena 1 News no Facebook!

     

     

     

     

    1. Home
    2. noticias
    3. algumas mulheres com …

    Este site usa cookies para garantir que você tenha a melhor experiência.