alexametrics
Capa do Álbum: Antena 1
ANTENA 1A RÁDIO ONLINE MAIS OUVIDA DO BRASIL

    Após 32 anos, banda Bon Jovi rompe com Mercury Records

    O grupo escreveu uma canção nomeada “Burning Bridges” para explicar o rompimento com a gravadora

    Por Redação

    Placeholder - loading - news single img

    No último final de semana, o grupo Bon Jovi anunciou que rompeu laços com a gravadora Mercury Records – com quem trabalhava há 32 anos. Em entrevista à revista norte-americana Billboard, o vocalista Jon Bon Jovi revelou que a próxima canção da banda, nomeada “Burning Bridges” revela os motivos da saída da gravadora, que pertence ao grupo Universal Music. “A música acerta bem na cabeça", afirmou o cantor sobre a letra da faixa que é claramente uma crítica.

    A banda Bon Jovi trabalhou desde o início da carreira com a Mercury – lançando 13 discos, inclusive o mais recente, divulgado neste mês. Na entrevista, o vocalista revelou ainda que “não pensava em lançar o último álbum, mas o fez unicamente para cumprir contrato com a gravadora, que tem seu futuro em dúvida desde que foi comprada pela Universal, em 2013”.

    "Depois de trinta anos de lealdade, eles deixam você cavar a cova / Talvez agora você possa aprender a cantar ou tocar / Nós te daremos metade do negócio / Você é o motivo de eu ter escrito esta canção" – diz um trecho de “Burning Bridges”.

    Além disso, o músico revelou que a banda pensa em gravar um novo álbum com lançamento para o primeiro semestre de 2016. Uma das inspirações para compor o novo material foi a saída do guitarrista, Richie Sambora, do grupo. "A partida de Richie, minha tentativa de comprar o time de futebol americano Buffalo Bills e agora isso com a gravadora. Há muito material para escrever", afirmou Jon Bon Jovi.

    Confira a canção “Burning Bridges” no vídeo a seguir: 

    1. Home
    2. /
    3. noticias
    4. /
    5. aps 32 anos banda bon jovi …
    6. /

    Este site usa cookies para garantir que você tenha a melhor experiência.