alexametrics
Capa do Álbum: Antena 1
ANTENA 1A RÁDIO ONLINE MAIS OUVIDA DO BRASIL

    Bill Gates fala sobre desnutrição e fim da malária

    O fundador da Microsoft tem certeza que a ciência é a chave para isso.

    Placeholder - loading - news single img
    Bill Gates, fundador da Microsoft (Foto: Time/Luke MacGregor)

    Publicada em  

    Bill Gates disse durante uma audiência na Universidade de Cambridge na segunda-feira, 7, que a desnutrição global será resolvida e a malária será praticamente erradicada até 2040 se os líderes mundiais optarem por financiar a inovação científica.

    O fundador da Microsoft foi nomeado destinatário de 2019 da bolsa de estudos fundada pela Cambridge Union Society em 2017 em homenagem à contribuição de Stephen Hawking para a universidade. Citando uma pergunta que Hawking fez em seu livro “Breves respostas para grandes questões”, Gates perguntou à platéia: "Como moldamos o futuro?"

    O filantropo bilionário está tentando moldar o futuro, enfrentando questões de saúde global e desigualdade na Fundação Bill e Melinda Gates. Na ocasião, ele previu que os cientistas resolverão a desnutrição e reduzirão significativamente o número de mortes relacionadas à nutrição em todo o mundo nos próximos 20 anos. "Ao resolver a desnutrição, podemos consertar um dos maiores contribuintes para a desigualdade", disse ele.

    A desnutrição contribui para cerca de metade das mortes em crianças com menos de cinco anos, de acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS).

    Gates aponta como os cientistas desenvolveram soluções nos últimos anos, incluindo alimentos fortificados ou suplementos cheios de vitaminas e minerais, vacinas e medicamentos para infecções, além de melhorar a saúde materna.

    Mas ele disse que outro componente essencial para solucionar a desnutrição é entender o papel das bactérias. Em um corpo saudável, as "boas bactérias" nos protegem contra infecções e são essenciais para a digestão - se as bactérias do seu corpo não estiverem adequadas, pode levar a casos graves de desnutrição, acrescentou Gates.

    Nos últimos anos, os cientistas fizeram avanços no entendimento de como o intestino se torna menos eficaz devido a anormalidades nos microbiomas ou bactérias e como mudar isso, incluindo o desenvolvimento de probióticos. De acordo com Gates, com mais inovação e pesquisa, os cientistas serão capazes de resolver a desnutrição em 20 anos criando "pílulas probióticas que contêm combinações ideais de bactérias”.

    Gates também falou sobre a malária, um dos focos da Fundação. A doença mata 435 mil pessoas em todo o mundo a cada ano. “Eu previ que a malária será praticamente eliminada até 2040, mas as drogas não serão suficientes para fazer isso. A chave para parar a malária é o controle de vetores - e para a malária, o vetor são mosquitos."

    Para o fundador da Microsoft, uma solução em potencial está na edição de genes, que permite aos cientistas atingir apenas mosquitos portadores de malária. “A inserção de um gene que impeça a reprodução desses mosquitos ruins nos daria tempo para curar todas as pessoas. Então poderíamos deixar a população de mosquitos retornar sem o parasita ”, disse ele.

    Gates disse que investir em inovações em saúde é a chave para melhorar a saúde global, fechar a lacuna entre as iniquidades em saúde e reduzir a pobreza em todo o mundo.

    As informações são da revista Time.

    1. Home
    2. noticias
    3. bill gates fala sobre …

    Este site usa cookies para garantir que você tenha a melhor experiência.