alexametrics
Conectando

    Consumo excessivo de sal também pode aumentar risco de diabetes

    Que o sal é o grande inimigo dos hipertensos já se sabia, mas agora um estudo aponta que o excesso no consumo dele pode aumentar o risco de diabetes.

    Por Redação

    Placeholder - loading - news single img

    De acordo com os pesquisadores, cada grama de sódio além do limite diário recomendado pode elevar em 43 por cento o risco de desenvolver diabetes tipo 2 e em 73 por cento o risco de diabetes autoimune latente em adultos.

    Segundo orientações da Organização Mundial da Saúde, o consumo diário de sal deve ser limitado a cinco gramas, equivalente a duas gramas de sódio.

    De acordo com os pesquisadores, do Instituto Karolinska, de Estocolmo, na Suécia, além de levar à hipertensão, o sódio pode impactar a resistência insulínica. Estudos anteriores já haviam indicado uma associação entre o consumo excessivo de sal e o diabetes tipo 2, mas nenhum observou como o consumo do sal também poderia afetar a forma autoimune da doença.

    “Dada a característica autoimune do diabetes latente, uma dieta com alto teor de sódio pode acelerar a ação dos anticorpos e desempenhar um papel na patogênese da doença”, disse Bahareh Rasouli, líder da equipe de pesquisa.

    O diagnóstico do diabetes autoimune latente é frequentemente confundido com o diabetes tipo 2, já que as duas têm sintomas semelhantes. No entanto, na variação da doença, o próprio sistema imunológico ataca as células que produzem insulina, de forma muito parecida com o diabetes tipo 1.

    A diferença é que a latente tem uma progressão muito mais lenta, surgindo apenas na vida adulta. Muitas vezes um paciente com diabetes latente recebe um tratamento para diabetes tipo 2 e não percebe melhora, pois os anticorpos continuam a atacar.

    Para ler mais notícias, curta a página Antena 1 News no Facebook!

     

     

    Este site usa cookies para garantir que você tenha a melhor experiência.