alexametrics
Capa do Álbum: Antena 1
ANTENA 1A RÁDIO ONLINE MAIS OUVIDA DO BRASIL

    Novo estudo evidencia o lado positivo do estresse

    Pesquisadores americanos observaram a reação de pessoas relativas às notícias positivas e negativas

    Por Larissa Valença

    Placeholder - loading - news single img

    Segundo um estudo feito por cientistas dos Estados Unidos, publicado recentemente na revista especializada 'Journal of Neuroscience' e em um famoso periódico latino-americano, o ser humano tende a processar melhor más notícias mediante ao estado de estresse, porque as ameaças são capazes de dissolver a propensão existente a um otimismo exagerado.

    Então, em resumo, essa inquietação pode ajudar na hora de assimilar mais facilmente notícias ruins.

    Estudiosos da Universidade de Princeton, em Nova Jersey, induziram o estresse em um experimento de laboratório feito com grupos. Houve simulação de várias situações que produzem agonia, como, foi dito a eles que seria necessário fazer um discurso público. Os voluntários foram surpeendidos com a iniciativa.

    Após os níveis de nervosismo terem se expandido significativamente, foi pedido que os participantes imaginassem a possibilidade de serem vítimas de um acidente de carro ou de uma fraude com cartão ao longo de toda a vida, entre outros eventos do tipo.

    Depois, os cientistas perguntaram aos envolvidos no estudo por cenários positivos hipotéticos e solicitaram novas estimativas.

    As mesmas perguntas foram feitas ao outro grupo o qual não foi exposto as situações, que geram grande desassossego.

    No final do teste, a equipe de pesquisadores comparou as respostas dos dois agrupamentos, considerando a probabilidade real de que essas pessoas vivessem os cenários  citados.

    Os resultados mostram que, aqueles que não tinham sido submetidos a momentos de agonia prestaram mais atenção nas notícias positivas e consideraram existir mais possibilidades de que isso, de fato, ocorresse do que as coisas negativas, por exemplo.

    Em contrapartida, de acordo com os autores do levantamento, quem passou por momentos de agitação e irritação não apresentou o traço excessivamente otimista. Além disso, tal público mostrou um melhor processamento das notícias ruins, ou seja, de forma mais ajustada a realidade.

    1. Home
    2. noticias
    3. novo estudo evidencia o lado …

    Este site usa cookies para garantir que você tenha a melhor experiência.