alexametrics
Capa do Álbum: Antena 1
ANTENA 1A RÁDIO ONLINE MAIS OUVIDA DO BRASIL

    Novo estudo mostra que consumir muita carne pode ser perigoso

    Pesquisadores descobriram que pessoas que consomem muita carne vermelha e processada têm mais risco de desenvolver câncer de intestino.

    Placeholder - loading - news single img

    Publicada em  

    Segundo uma nova pesquisa da Universidade de Oxford, no Reino Unido, mesmo o consumo de quantidades pequenas de carne vermelha e processada pode aumentar o risco de câncer de intestino. O estudo foi financiado pela Center Research UK e considera perigoso, por exemplo, consumir uma fatia de bacon por dia.

    Os pesquisadores reforçaram as evidências de que o consumo de carne vermelha e processada por der prejudicial à saúde, algo que a Organização Mundial da Saúde (OMS) já alertava.

    Foram analisadas informações de quase meio milhão de pessoas cadastradas no banco de dados de saúde do Reino Unido, o UK Biobank. Em seis anos de estudo, os pesquisadores descobriram que 2.609 participantes desenvolveram câncer de intestino.

    Eles identificaram alguns fatos importantes: comer três fatias de bacon por dia, em vez de apenas uma, pode aumentar o risco de câncer de intestino em 20%; para cada 10 mil pessoas que consumiram 21g por dia de carne vermelha e processada, 40 foram diagnosticadas com câncer de intestino; o valor comparativo para aqueles que ingeriram 76g, foi de 48 casos.

    Não está claro qual seria exatamente a quantidade indicada de consumo. Mas a Cancer Research UK afirma que 5,4 mil dos 41.804 casos de câncer de intestino registrados a cada ano no Reino Unido podem ser evitados se as pessoas não comerem carne processada de maneira alguma.

    O NHS afirma que há alguns benefícios na carne vermelha - rica em ferro e proteína, por exemplo - que devem ser equilibrados com os riscos potenciais.

    As pessoas podem comer carne e ser saudáveis.

    Para ler mais notícias, curta a página Antena 1 News no Facebook!

     

      1. Home
      2. noticias
      3. novo estudo mostra que …

      Este site usa cookies para garantir que você tenha a melhor experiência.