alexametrics
Conectando

    Exame revela que o músico estava altamente intoxicado

    Prince morreu com alta quantidade de fentanil no corpo

    Por Redação, antena 1

    Placeholder - loading - news single img

    Há quase dois anos, o mundo da música perdia Prince, um dos principais nomes de toda a história. No entanto, os detalhes sobre a sua morte continuam sendo pesquisados.

    Após exame toxicológico descobriu-se níveis altíssimos de fentanil no sangue do artista. A informação revela que a overdose fatal teria resultado da quantidade "extremamente elevada" de fentanil, uma droga 50 vezes mais poderosa do que a heroína.

    A concentração de fentanil no sangue de Prince era de 67,8 microgramas por litro. Uma overdose fatal pode ocorrer quando essa concentração é de apenas três microgramas.

    Já o fígado do cantor de 57 anos continha 450 microgramas por quilo, um nível também elevado, considerando que 69 microgramas por quilo pode levar à morte.

    Os responsáveis pela investigação da morte de Prince já haviam confirmado que tinham sido encontrados vários medicamentos em Paisley Park, no Minnesota, residência do músico.

    As autoridades que ainda investigam a morte de Prince decidirão, em breve, se existiu algum tipo de crime ou se a morte do músico foi puramente acidental.

    Este site usa cookies para garantir que você tenha a melhor experiência.