alexametrics
Capa do Álbum: Antena 1
ANTENA 1A RÁDIO ONLINE MAIS OUVIDA DO BRASIL

    Saiba mais sobre a gripe que matou mais que a Primeira Guerra Mundial e como ela pode voltar

    Desde a gripe espanhola, mais três pandemias aconteceram; saiba mais sobre os sintomas.

    Por Redação

    Placeholder - loading - news single img

    Há um século tinha início a grande epidemia de gripe espanhola que deixou ao menos 50 milhões de mortos. Hoje a guerra contra o vírus da gripe continua e a perspectiva de uma nova pandemia parece inevitável.

    Em uma manhã de março de 1918, um soldado no Kansas (centro dos Estados Unidos) foi admitido na enfermaria com febre, dores musculares e dor de garganta, sintomas da gripe.

    Em poucos meses, um terço da população mundial foi afetada pela epidemia que deixou mais mortos que a Primeira Guerra Mundial – na qual morreram quase 10 milhões de militares e nove milhões de civis.

    A magnitude deste flagelo não foi, felizmente, igualada por outras epidemias. Mas em algum momento uma nova pandemia afetará o mundo, cada vez mais globalizado, afirmam os especialistas.

    A gripe é uma infecção viral aguda que se propaga facilmente de uma pessoa a outra. Os principais sintomas são febre alta, tosse, dores e mal-estar na garganta. Na maioria dos casos é leve, mas há pacientes que experimentam consequências graves.

    Embora não haja uma pandemia, em um ano normal se atribui às epidemias de gripe entre 3 e 5 milhões de casos graves e entre 290 mil e 650 mil mortos em todo o mundo, de acordo com dados da Organização Mundial da Saúde.

    Desde a histórica gripe espanhola, houve três pandemias: a gripe asiática de 1957, a de Hong Kong de 1968 e a A (H1N1) de 2009.

    O sonho da comunidade científica é contar com uma arma definitiva: uma vacina universal que possa ser eficaz. Mas, hoje, isso é impossível, devido à rápida mutação do vírus.

    Para ler mais notícias, curta a página Antena 1 News no Facebook!

    1. Home
    2. noticias
    3. saiba mais sobre a gripe que

    Este site usa cookies para garantir que você tenha a melhor experiência.