alexametrics
Capa do Álbum: Antena 1
ANTENA 1A RÁDIO ONLINE MAIS OUVIDA DO BRASIL

    NOTÍCIAS SOBRE chega

    Veja essas e outras notícias da Antena 1

    Placeholder - loading - Imagem da notícia Guaidó retorna à Venezuela em afronta a Maduro

    Guaidó retorna à Venezuela em afronta a Maduro

    CARACAS (Reuters) - O líder da oposição na Venezuela, Juan Guaidó, voltou ao seu país nesta segunda-feira, depois de desrespeitar uma proibição de viajar imposta pela Justiça para visitar países latino-americanos a fim de reunir apoio em sua campanha para tirar o presidente Nicolás Maduro do poder.

    Uma multidão de apoiadores recebeu Guaidó e sua esposa na chegada à área de desembarque do Aeroporto Internacional Maiquetía e depois partiram para uma manifestação da oposição no leste de Caracas, onde milhares de pessoas se reuniram para recebê-lo.

    O retorno de Guaidó, reconhecido por várias nações ocidentais como legítimo chefe de Estado da Venezuela, indica que os adversários de Maduro, pelo menos temporariamente, evitaram a prisão de um líder que uniu a oposição tradicionalmente fragmentada.

    Mas também aumentará a pressão sobre Maduro para agir contra Guaidó enquanto sua autoridade continua a diminuir e o colapso econômico do país alimenta a desnutrição e a fome.

    'A esperança nasceu e não vai morrer - as coisas estão indo bem', disse Guaidó à multidão em uma praça no distrito de Las Mercedes. 'Vamos celebrar essa pequena vitória hoje.'

    Ele anunciou planos de se reunir na terça-feira com funcionários públicos, que foram historicamente pressionados pelo Partido Socialista no poder para participar de comícios pró-governo, bem como para uma grande marcha no sábado.

    Guaidó deixou a Venezuela secretamente pela Colômbia, em violação de uma ordem da Suprema Corte, para coordenar esforços no país vizinho em 23 de fevereiro para enviar ajuda humanitária para a Venezuela para aliviar a escassez de comida e remédios.

    Tropas, porém, bloquearam os caminhões com ajuda enviados da Colômbia e do Brasil, levando a conflitos que mataram pelo menos seis pessoas na fronteira com o Brasil, disseram grupos de direitos humanos.

    Da Colômbia, ele viajou para Argentina, Brasil, Equador e Paraguai para reunir apoio latino-americano para um governo de transição que precedesse eleições livres e justas.

    No domingo, ele partiu de avião da cidade equatoriana de Salinas, mas não apareceu em público desde então. A imprensa venezuelana publicou que ele viajou da Cidade do Panamá para Caracas.

    Ele manteve detalhes de sua viagem sob sigilo e chegou sem aviso prévio, encontrando-se com embaixadores de países europeus no aeroporto.

    Guaidó chama Maduro de usurpador e diz que sua presidência é ilegítima depois que ele conseguiu a reeleição no ano passado em uma votação amplamente considerada uma farsa. Maduro mantém o controle de instituições estatais e a aparente lealdade de figuras importantes das forças armadas.

    Perguntado por um repórter como foi recebido no aeroporto pelas autoridades de imigração, que poderiam ter impedido sua entrada por violar a proibição de viagens, Guaidó disse que se dirigiram a ele como presidente - um golpe em Maduro, que o chama de fantoche dos EUA.

    'Aqui está meu passaporte, são e salvo', disse Guaidó, mostrando para a multidão.

    O Ministério da Informação não respondeu imediatamente a um pedido de comentário.

    'ENCARAR A JUSTIÇA'

    Maduro, que nega que haja uma crise humanitária na Venezuela, afirmou que a prisão de seu opositor depende do sistema judiciário.

    'Ele não pode entrar e sair como quiser. Ele tem que encarar a Justiça, e a Justiça o proibiu de deixar o país', disse, à ABC News, semana passada.

    Manifestantes em Caracas, muitos usando branco e carregando bandeiras da Venezuela, disseram que a prisão de Guaidó levaria a novos protestos.

    'Se o regime tem pelo menos um pouco de consciência, não deveria prender Guaidó porque as pessoas realmente não tolerariam isso', disse Franklin López, um administrador de 60 anos.

    O governo prendeu dúzias de líderes opositores e ativistas que tentaram derrubar Maduro por meio de manifestações violentas entre 2014 e 2017, incluindo o mentor de Guaidó, Leopoldo López, que segue em prisão domiciliar.

    ((Tradução Redação São Paulo, 55 11 56447753)) REUTERS PAL

    0

    0

    87

    2 S

    Placeholder - loading - Imagem da notícia Trump desembarca no Reino Unido após questionar plano de May para o Brexit

    Trump desembarca no Reino Unido após questionar plano de May para o Brexit

    Por Jeff Mason e Michael Holden

    LONDRES (Reuters) - O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, chegou ao Reino Unido nesta quinta-feira após expressar dúvidas sobre o plano da primeira-ministra britânica, Theresa May, para a saída da União Europeia, e com protestos planejados contra ele por todo o país.

    Após cúpula da Otan onde provocou uma reunião de crise para forçar aliados a aumentar seus gastos com defesa, Trump desembarcou no Reino Unido para sua primeira visita como presidente, tendo dito que o maior aliado dos Estados Unidos na Europa está em crise devido ao Brexit.

    May espera que Trump, que pousou no aeroporto de Stansted antes de pegar um helicóptero para a residência do embaixador dos Estados Unidos em Londres, ajudará a acelerar um futuro acordo de livre comércio, mas seus comentários públicos sobre o Brexit deixam em dúvida os efeitos de sua visita.

    Estou indo para uma área bem tensa agora, não é? Com muitas renúncias , disse Trump em coletiva de imprensa na cúpula da Otan em Bruxelas.

    A visita de Trump coincide com uma semana instável para May, depois que dois de seus principais ministros renunciaram em protesto contra seus planos de comércio com a União Europeia após a saída do Reino Unido do bloco no próximo mês de março.

    A proposta pró-mercado de May para o Brexit foi aceita por seu gabinete somente na última sexta-feira, após dois anos de divergências desde que os britânicos votaram para deixar o bloco em 2016, embora alguns defensores do Brexit tenham considerado a proposta uma traição.

    O povo votou para se separar, então imagino que é isso que eles vão fazer. Mas, talvez eles esteja tomando uma rota um pouco diferente, então não sei se é para isso que eles votaram , disse Trump.

    Questionada sobre os comentários de Trump em reunião com jornalistas, May disse que está cumprindo os desejos do povo britânico.

    Mais de 60 mil pessoas se inscreveram para protestar contra o presidente dos Estados Unidos em Londres na sexta-feira, quando manifestantes pretendem sobrevoar o Parlamento com um boneco inflável representando Trump como um bebê laranja.

    Nesta quinta-feira, o prefeito de Londres, Sadiq Khan, disse que os atos precisam ser pacíficos .

    Minha mensagem para aqueles que vêm aos protestos em Londres é que isso precisa ser pacífico , disse. Para aqueles que pretendem causar problemas ou quebrar a lei, eu simplesmente digo: você não é bem-vindo , acrescentou em comunicado.

    Trump, que tem elogiado repetidamente o Brexit, tem expressado entusiasmo para um amplo acordo comercial com o Reino Unido após sua saída da União Europeia.

    Defensores do Brexit dizem que um acordo comercial do tipo com a maior economia do mundo é uma das grandes vantagens de deixar o bloco.

    (Reportagem adicional de Elizabeth Piper e Alistair Smout)

    0

    0

    41

    8 M

    Fique por dentro

    de tudo o que acontece nos bastidores do mundo da música, desde lançamentos, shows, homenagens, parcerias e curiosidades sobre o seu artista favorito. A vinda de artistas ao Brasil, cantores e bandas confirmadas no Lollapalooza e no Rock in Rio, ações beneficentes, novos álbuns, singles e clipes. Além disso, você acompanha conosco a cobertura das principais premiações do mundo como o Oscar, Grammy Awards, BRIT Awards, American Music Awards e Billboard Music Awards. Leia as novidades sobre Phil Collins, Coldplay, U2, Jamiroquai, Tears for Fears, Céline Dion, Ed Sheeran, A-ha, Shania Twain, Culture Club, Spice Girls, entre outros. Aproveite também e ouça esses e outros artistas no aplicativo da Rádio Antena 1, baixe na Apple Store ou Google Play e fique sintonizado.

    1. Home
    2. noticias
    3. tags
    4. chega

    Este site usa cookies para garantir que você tenha a melhor experiência.