alexametrics
Capa do Álbum: Antena 1
ANTENA 1A RÁDIO ONLINE MAIS OUVIDA DO BRASIL

    NOTÍCIAS SOBRE eclipse

    Veja essas e outras notícias da Antena 1

    Placeholder - loading - Imagem da notícia 'Lua de sangue' encanta observadores no maior eclipse lunar do século 21

    'Lua de sangue' encanta observadores no maior eclipse lunar do século 21

    Por Baz Ratner e Cecilie Kallestrup

    NAIRÓBI (Reuters) - Uma lua de cor de sangue deslumbrou admiradores do céu em várias partes do mundo nesta sexta-feira, quando o satélite natural da Terra se moveu para a sombra de nosso planeta para o mais longo eclipse lunar do século 21.

    Do Cabo da Boa Esperança ao Oriente Médio, e do Kremlin à Baía de Sydney, milhares de pessoas viraram seus olhos para as estrelas para observar a lua, que ficou escura antes de brilhar laranja, marrom e carmesim conforme se movia para a sombra da Terra.

    O eclipse total duraria uma hora, 42 minutos e 57 segundos, embora precedido e sucedido por um eclipse parcial, o que significa que a lua passaria um total de 3 horas e 54 minutos na sombra da Terra, de acordo com a Nasa.

    O eclipse completo foi visível da Europa, Rússia, África, Oriente Médio, grande parte da Ásia e Austrália, embora nuvens tenham bloqueado a lua em alguns lugares.

    Fotógrafos da Reuters registraram a lua por todo o mundo, da Grande Mesquita do xeique Zayed, em Abu Dhabi, ao Templo de Poseidon, no Cabo Sunião, perto de Atenas.

    Em Nairóbi, quenianos observavam conforme a lua escurecia.

    “Isto é o que a vida é: momentos mágicos como este”, disse Teddy Muthusi, ao olhar a lua do Parque Uhuru, em Nairóbi. “É simplesmente lindo. Vale a pena”.

    Nas margens do Ganges, na Índia, templos foram fechados antes do eclipse. Em Cingapura, entusiastas observaram através de telescópios no píer de Marina South. Centenas de pessoas na Austrália pagaram para observar o eclipse no Observatório de Sydney antes do amanhecer.

    Quando a lua se moveu da sombra cônica da Terra, deixou de ser iluminada pelo sol e ficou escura. Alguma luz, no entanto, ainda chega ao satélite porque é curvada pela atmosfera da Terra.

    'Ele é chamado de 'lua de sangue' porque a luz do sol atravessa a atmosfera da Terra a caminho da lua e a atmosfera da Terra a torna vermelha, da mesma maneira que o sol fica vermelho quando se põe', disse à Reuters Andrew Fabian, professor de astronomia da Universidade de Cambridge.

    Ao mesmo tempo, Marte está na sua posição mais perto da Terra desde 2003, então alguns observadores podem ver o que parece uma estrela vermelha alaranjada – e na verdade é o planeta vermelho.

    “É uma coincidência muito incomum ter um eclipse lunar total e Marte em oposição na mesma noite”, disse Robert Massey, vice-diretor-executivo da Sociedade Astronômica Real, que observou o eclipse no Mar Mediterrâneo.

    Por milhares de anos, a humanidade tem olhado para os céus atrás de presságios de desgraças, vitórias e alegrias. A bíblia contém referências à lua ficando vermelha e alguns judeus ultra ortodoxos consideram eclipses lunares presságios e um motivo para contemplação moral.

    De acordo com algumas crenças hindus, corpos celestiais como o sol e a lua emitem energias negativas durante um eclipse, então alguns templos na Índia são fechados para minimizar quaisquer distúrbios.

    Astrônomos, no entanto, disseram que não há motivos para preocupações.

    “Não há razão para acreditar que luas de sangue pressagiam desgraças”, disse Massey. “Isto não anuncia o apocalipse: ver um eclipse lunar e Marte no céu é algo que as pessoas deveriam aproveitar, ao invés de se preocuparem.”

    O próximo eclipse lunar com tamanha duração será em 2123.

    (Reportagem adicional de Dan Williams, em Jerusalém, Amr Abdallah Dalsh, no Cairo, Alkis Konstantinidis, no Cabo Sunião, Christopher Pike, em Abu Dhabi, e Colin Packham, em Sydney)

    LER NOTICIA

    Fique por dentro

    de tudo o que acontece nos bastidores do mundo da música, desde lançamentos, shows, homenagens, parcerias e curiosidades sobre o seu artista favorito. A vinda de artistas ao Brasil, cantores e bandas confirmadas no Lollapalooza e no Rock in Rio, ações beneficentes, novos álbuns, singles e clipes. Além disso, você acompanha conosco a cobertura das principais premiações do mundo como o Oscar, Grammy Awards, BRIT Awards, American Music Awards e Billboard Music Awards. Leia as novidades sobre Phil Collins, Coldplay, U2, Jamiroquai, Tears for Fears, Céline Dion, Ed Sheeran, A-ha, Shania Twain, Culture Club, Spice Girls, entre outros. Aproveite também e ouça esses e outros artistas no aplicativo da Rádio Antena 1, baixe na Apple Store ou Google Play e fique sintonizado.

    1. Home
    2. noticias
    3. tags
    4. eclipse

    Este site usa cookies para garantir que você tenha a melhor experiência.