alexametrics
Capa do Álbum: Antena 1
ANTENA 1A RÁDIO ONLINE MAIS OUVIDA DO BRASIL

    NOTÍCIAS SOBRE escola

    Veja essas e outras notícias da Antena 1

    Placeholder - loading - Imagem da notícia Bolsonaro diz que um dos motivos para piora no ensino é a perda de autoridade do professor

    Bolsonaro diz que um dos motivos para piora no ensino é a perda de autoridade do professor

    DUQUE DE CAXIAS, Rio de Janeiro (Reuters) - O presidente eleito Jair Bolsonaro afirmou nesta segunda-feira que um dos motivos para a queda de qualidade do ensino nas escolas brasileiras foi a perda de autoridade e disciplina por parte dos professores, algo que os colégios com formação militar ainda mantêm.

    Para Bolsonaro, a qualidade do professor é boa em todas as escolas públicas, mas o que tem feito diferença no resultado é a falta de disciplina e hierarquia.

    “Não tem nada a ver com a qualidade do professor, mas é que perdeu-se ao longo do tempo a possibilidade do exercício da autoridade por parte do mestre“, disse Bolsonaro em discurso durante a inauguração de uma escola para famílias de policiais militares em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense.

    O colégio foi batizado com o nome do falecido pai de Bolsonaro, Percy Geraldo Bolsonaro.

    Voltada para a formação de filhos de PMs, a escola pode ser, segundo Bolsonaro, um novo modelo de educação no Brasil, citando casos já adotados por Estados como Amazonas e Goiás.

    Ele afirmou que é preciso priorizar a educação e lembrou que o Brasil investe “quase nada“ em ciência e inovação.

    “Quem não tem uma base sólida nesses quesitos está condenado a ser escravo de quem os tem”, disse ele, reiterando a necessidade de se explorar, por exemplo, o grafeno, material produzido a partir do grafite com importantes propriedades físicas.

    Bolsonaro reiterou o desejo de repensar a demarcação de terras indígenas no país, e voltou a falar na possibilidade de exploração racional da reserva Raposa Serra do Sol.

    “Área mais rica do mundo. Você tem como explorar de forma racional. E no lado do índio dando royalties e integrando o índio à sociedade”, finalizou.

    O presidente eleito também tornou a criticar a ideologia de gênero que, segundo ele, foi implantada nas escolas públicas brasileiras. “Isso é uma negação a quem realmente acredita no ser humano, ou se nasce homem ou se nasce mulher”, afirmou.

    Bolsonaro visitou a escola acompanhado pelo filho Flávio Bolsonaro, deputado estadual e senador eleito, além de autoridades locais, e não quis falar sobre os casos de movimentações atípicas de recursos no gabinete do parlamentar fluminense.

    (Reportagem de Rodrigo Viga Gaier)

    1

    0

    24

    1 M

    Placeholder - loading - Imagem da notícia Mais da metade das crianças refugiadas do mundo não frequenta escolas, diz ONU

    Mais da metade das crianças refugiadas do mundo não frequenta escolas, diz ONU

    Por Sonia Elks

    LONDRES (Thomson Reuters Foundation) - Mais da metade dos refugiados em idade escolar do mundo não têm acesso à educação, uma vez que os países que os acolhem estão sobrecarregados por crescentes crises humanitárias, disse ONU nesta quarta-feira.

    Quatro milhões de crianças refugiadas por todo o mundo não frequentam escolas, um aumento de meio milhão em relação ao ano anterior, informou o Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados (Acnur) em relatório.

    'A educação é uma maneira de ajudar os jovens a se curarem, mas também é a maneira de ressuscitar países inteiros', disse o Alto Comissário da ONU para os Refugiados, Filippo Grandi.

    'Com base nos padrões atuais, a menos que um investimento urgente seja feito, centenas de milhares de crianças a mais se juntarão a estas estatísticas perturbadoras'.

    O Acnur disse que até o final de 2017 tinha quase 20 milhões de refugiados sob seus cuidados, o que exclui cerca de 5 milhões de refugiados palestinos, já que o número de pessoas deslocadas cresceu em todo o mundo.

    Mais da metade eram crianças, com 7,4 milhões em idade escolar.

    Apenas 61 por cento das crianças refugiadas frequentam a escola primária, frente a mais de 90 por cento de todas as crianças do mundo, segundo o relatório.

    O número é ainda mais baixo para crianças mais velhas, com menos de um em cada quatro refugiados com idade para frequentar a escola secundária tendo acesso à educação.

    Apenas um por cento frequenta universidades, comparado a mais de um terço dos jovens do mundo.

    Mais de 500 mil crianças refugiadas foram matriculadas em escolas no ano passado, mas o crescimento rápido da população de refugiados faz com que a proporção de pessoas fora de escolas não diminua.

    Katherine Begley, assessora técnica de educação da agência humanitária Care USA, disse que o estudo é um passo vital para ajudar famílias refugiadas a reconstruírem suas vidas.

    'A educação protege e a educação empodera', disse à Thomson Reuters Foundation.

    'Ela fornece oportunidades para cultivar amizades e apoia o trabalho de estabelecer uma rotina, o que crianças que estão saindo de circunstâncias traumáticas precisam o mais rápido possível'.

    A pouca educação disponível muitas vezes acontece em abrigos temporários e precários a céu aberto.

    0

    0

    24

    4 M

    Fique por dentro

    de tudo o que acontece nos bastidores do mundo da música, desde lançamentos, shows, homenagens, parcerias e curiosidades sobre o seu artista favorito. A vinda de artistas ao Brasil, cantores e bandas confirmadas no Lollapalooza e no Rock in Rio, ações beneficentes, novos álbuns, singles e clipes. Além disso, você acompanha conosco a cobertura das principais premiações do mundo como o Oscar, Grammy Awards, BRIT Awards, American Music Awards e Billboard Music Awards. Leia as novidades sobre Phil Collins, Coldplay, U2, Jamiroquai, Tears for Fears, Céline Dion, Ed Sheeran, A-ha, Shania Twain, Culture Club, Spice Girls, entre outros. Aproveite também e ouça esses e outros artistas no aplicativo da Rádio Antena 1, baixe na Apple Store ou Google Play e fique sintonizado.

    1. Home
    2. noticias
    3. tags
    4. escola

    Este site usa cookies para garantir que você tenha a melhor experiência.