alexametrics
Capa do Álbum: Antena 1
ANTENA 1A RÁDIO ONLINE MAIS OUVIDA DO BRASIL

    NOTÍCIAS SOBRE futuro

    Veja essas e outras notícias da Antena 1

    Placeholder - loading - Imagem da notícia Governo inicia conversas sobre futuro da usina de Itaipu; tratado vence em 2023

    Governo inicia conversas sobre futuro da usina de Itaipu; tratado vence em 2023

    Por Luciano Costa

    BRASÍLIA (Reuters) - O governo brasileiro começou a se preparar para discutir junto ao Paraguai o futuro da hidrelétrica binacional de Itaipu, maior usina do mundo em geração de energia, tendo em vista o vencimento em 2023 de um tratado assinado entre os países para viabilizar o empreendimento, informou nesta quarta-feira o Ministério de Minas e Energia.

    A antecipação das discussões no Brasil tem como objetivo permitir negociações detalhadas com o Paraguai sobre como será dividida e comercializada a produção de Itaipu após 2023-- as regras atuais definem que a estatal Eletrobras é responsável por comercializar os 50 por cento da energia da usina que cabem ao Brasil e mais excedentes não utilizados pelos paraguaios.

    Mas o Paraguai prevê usar uma fatia cada vez maior da energia a que tem direito na usina e espera vender os excedentes ao Brasil com novas regras no futuro, enquanto a própria Eletrobras avalia que é preciso estudar se caberiam novas formas de distribuir a energia da hidrelétrica no Brasil-- a produção é hoje direcionada a distribuidoras do Sul, Sudeste e Centro-Oeste.

    A preparação para as negociações foi assunto de uma ampla reunião no Ministério de Minas e Energia nesta quarta-feira, com presença de membros do Ministério de Relações Exteriores, da Defesa e do Gabinete de Segurança Institucional da Presidência, além do presidente Eletrobras, que representa o governo brasileiro na operação e gestão da usina.

    'O ministro (de Minas e Energia, Moreira Franco) reforçou a importância da usina, a importância de se ter um grupo de trabalho que enderece todas questões estratégicas, negociais, para que a gente possa enfim montar um grupo de negociadores e começar a interagir com o Paraguai', disse a jornalistas o CEO da Eletrobras, Wilson Ferreira Jr., após o encontro.

    'Essa usina está há 50 anos funcionando do mesmo jeito. Óbvio que o mundo mudou ao longo do tempo... a gente tem que buscar conseguir explorar ao máximo possível esse patrimônio', disse Ferreira, adicionando que o grupo de negociadores do governo brasileiro deve ser anunciado 'nos próximos dias'.

    'Há uma preocupação legítima, paraguaia e brasileira, de começar a raciocinar... e há uma demanda crescente paraguaia pela energia de Itaipu. Há vários estudos, cenários', afirmou a jornalistas o embaixador do Brasil em Assunção, Carlos Alberto Simas Magalhães.

    Ele disse que, de acordo com algumas simulações, o Paraguai poderia alcançar uma demanda suficiente para utilizar toda sua fatia na energia de Itaipu até 2050.

    'Só de cogitar que não teremos eventualmente, em algum momento, a energia excedente de Itaipu significa que teremos que encontrar essa energia em algum lugar. E também tem um interesse estratégico nisso sobre como nos relacionamos com nosso vizinho. Bem ou mal, Itaipu para eles representa um terço do PIB', adicionou o embaixador.

    Entre outras questões que poderão ser envolvidas nas negociações está a própria precificação da energia da usina, hoje feita em dólares devido a seu caráter binacional.

    O presidente da Eletrobras, no entanto, disse que as discussões não envolvem no momento uma possível cisão da usina para separá-la dos ativos da estatal, uma ideia que chegou a ser cogitada devido a planos do governo brasileiro de privatizar a elétrica.

    Ferreira disse que a hipótese não foi considerada porque o governo 'hibernou' por enquanto um projeto de lei sobre a privatização da Eletrobras.

    Também não há uma expectativa de decisões finais sobre o tema ainda neste ano, segundo o ministério de Minas e Energia, que prevê apenas o início das discussões.

    (Por Luciano Costa)

    LER NOTICIA
    Placeholder - loading - Imagem da notícia Aleatório foi cruel conosco, é duro de engolir, afirma Tite após eliminação

    Aleatório foi cruel conosco, é duro de engolir, afirma Tite após eliminação

    (Reuters) - Eliminado da Copa do Mundo em sua primeira derrota em jogo oficial com a seleção brasileira, o técnico Tite elogiou a atuação da equipe na derrota de 2 x 1 para a Bélgica e acredita que as circunstâncias da partida levaram ao resultado.

    Antes de os belgas abrirem o placar com um gol contra de Fernandinho, aos 13 minutos, o Brasil teve duas chances, uma delas com bola na trave de Thiago Silva.

    Dói estar falando isso, não é um desprezo, (a Bélgica) é uma grande equipe, foi um grande jogo, mas o aleatório foi cruel conosco, foi duro demais e duro de engolir , disse Tite em entrevista coletiva nesta sexta-feira após o duelo das quartas de final em Kazan.

    Não gosto de falar de sorte. É desprezo de competência. Teve competência do outro lado por ser efetivo , completou.

    A Bélgica foi efetiva e conseguiu traduzir não uma superioridade em termos de desempenho, mas uma superioridade em termos de efetividade.

    A seleção teve mais finalizações que a Bélgica e pressionou no segundo tempo, depois que o rival já tinha feito 2 x 0 aos 31 minutos, em chute colocado de Kevin De Bruyne.

    Tite acredita que seu time teve controle emocional na tentativa de buscar o empate e afirmou que o goleiro Thibaut Courtois fez a diferença .

    Que jogaço. Quem aprecia o grande futebol vai ver que foi um grande espetáculo... com duas equipes com qualidade técnica impressionante, oportunidades, finalizações, transições , avaliou ele, admitindo que estava muito difícil falar com vocês durante a entrevista.

    Tivemos dois terços do jogo na nossa mão, quase que todo o segundo tempo na nossa mão, com equilíbrio emocional, jogando com 2 x 0 atrás e buscando. Botou volume, antes de tomar o gol já tinha tido duas oportunidades reais , acrescentou.

    No entanto, o técnico admitiu que talvez tenha faltado competência para nós em algum momento , e disse que gostaria que o árbitro tivesse visto no vídeo um lance no começo da segunda etapa em que Gabriel Jesus reclamou de pênalti.

    Única coisa que eu gostaria era de ter visto o VAR no lance do Gabriel. Só. O resto é do jogo , declarou.

    Tite não quis avaliar o desempenho individual dos atletas do Brasil, mas afirmou que Fernandinho joga muito , em referência ao volante que substituiu o suspenso Casemiro e errou muitos passes, além de ter marcado o gol contra.

    FUTURO

    Tite afirmou após eliminação do Brasil que o momento não é apropriado para falar de seu futuro na seleção brasileira. Não falo nada a respeito de futuro, agora é inapropriado, é momento de emoção, não tenho condição de responder a essa pergunta , disse.

    Tite assumiu o Brasil há dois anos e comandou uma recuperação da equipe nas eliminatórias, tendo perdido apenas um amistoso até essa derrota para a Bélgica, a primeira em jogos oficiais.

    Perguntado sobre o legado de seu trabalho, Tite afirmou que o tempo vai permitir isso .

    Agora fica a emoção do jogo. Passam-se 15 dias e a gente tem um discernimento maior para fazer avaliação , disse.

    (Por Tatiana Ramil, em São Paulo)

    LER NOTICIA

    Fique por dentro

    de tudo o que acontece nos bastidores do mundo da música, desde lançamentos, shows, homenagens, parcerias e curiosidades sobre o seu artista favorito. A vinda de artistas ao Brasil, cantores e bandas confirmadas no Lollapalooza e no Rock in Rio, ações beneficentes, novos álbuns, singles e clipes. Além disso, você acompanha conosco a cobertura das principais premiações do mundo como o Oscar, Grammy Awards, BRIT Awards, American Music Awards e Billboard Music Awards. Leia as novidades sobre Phil Collins, Coldplay, U2, Jamiroquai, Tears for Fears, Céline Dion, Ed Sheeran, A-ha, Shania Twain, Culture Club, Spice Girls, entre outros. Aproveite também e ouça esses e outros artistas no aplicativo da Rádio Antena 1, baixe na Apple Store ou Google Play e fique sintonizado.

    1. Home
    2. noticias
    3. tags
    4. futuro

    Este site usa cookies para garantir que você tenha a melhor experiência.