alexametrics
Capa do Álbum: Antena 1
ANTENA 1A RÁDIO ONLINE MAIS OUVIDA DO BRASIL

    NOTÍCIAS SOBRE hackers

    Veja essas e outras notícias da Antena 1

    Placeholder - loading - Imagem da notícia Ministério Público denuncia hackers suspeitos de roubar mais de R$30 milhões em fraudes virtuais

    Ministério Público denuncia hackers suspeitos de roubar mais de R$30 milhões em fraudes virtuais

    RIO DE JANEIRO (Reuters) - O Ministério Público do Rio de Janeiro apresentou denúncia, nesta segunda-feira, contra 237 integrantes de organização criminosa suspeita de aplicar fraudes bancárias virtuais e de lavagem de dinheiro, causando prejuízo estimado de mais 30 milhões de reais, informou o MPRJ.

    Foram expedidos 45 mandados de prisão a serem cumpridos pela Polícia Civil nos Estados do Rio de Janeiro, São Paulo, Paraná, Minas Gerais e Bahia como parte da denúncia, que foi apresentada como parte da segunda fase da operação Open Doors, deflagrada originalmente em agosto de 2017, disse o Ministério Público em comunicado.

    Nessa nova fase, segundo o MPRJ, são acusados hackers integrantes da organização que tinham domínio sobre os golpes aplicados, entre elas a modalidade conhecida como 'trampo físico'.

    Nesse golpe, os suspeitos enviavam emails ou mensagens de texto, personificando instituições bancárias e alertando sobre a suposta necessidade de atualização de segurança da conta, indicando link de acesso. Ao clicar no link, a vítima era direcionada para site malicioso, que capturava as informações de sua conta, possibilitando a retirada fraudulenta de valores, segundo o MPRJ.

    Em outra modalidade, um componente da quadrilha ligava para as potenciais vítimas, se fazendo passar por funcionário de instituição bancária, para obter dados pessoais, segundo o MPRJ. 'No passo seguinte, o golpe tinha continuidade, conseguindo o agente criminoso ludibriar, inclusive, funcionários do setor financeiro de grandes corporações', informou o Ministério Público.

    Com a aplicação de golpes do tipo, o MPRJ estima que a organização tenha roubado mais de 30 milhões de reais entre 2016 e 2017. A denúncia aponta, ainda, que após as fraudes, os integrantes da organização lavavam o dinheiro roubado com a compra de terrenos, apartamentos e salas comerciais.

    'Somando-se as duas etapas, a Open Doors já identificou e indiciou 320 indivíduos em todo o Brasil -- numa clara demonstração de que o grupo criminoso é extremamente estruturado e, sua atuação, complexa', afirmou o MPRJ.

    (Por Maria Clara Pestre, no Rio de Janeiro)

    LER NOTICIA
    Placeholder - loading - Imagem da notícia Hackers russos tentam atacar grupos de pesquisa conservadores dos EUA, diz Microsoft

    Hackers russos tentam atacar grupos de pesquisa conservadores dos EUA, diz Microsoft

    Por Brendan O'Brien

    (Reuters) - Hackers ligados ao governo da Rússia tentaram atacar os sites de dois grupos de pesquisa norte-americanos de direita, sugerindo que estão ampliando suas ações no período que antecede as eleições de novembro nos Estados Unidos, disse a Microsoft.

    A gigante de tecnologia disse que impediu as tentativas na semana passada, ao tomar controle de sites que os hackers haviam desenvolvido para imitar as páginas do Instituto Republicano Internacional e do Instituto Hudson. Como parte da estratégia, usuários eram redirecionados a endereços falsos, onde suas informações de login e senhas eram solicitadas.

    'Estamos preocupados que essas e outras tentativas representem ameaças à segurança de uma gama cada vez maior de grupos conectados a ambos os partidos políticos norte-americanos no período que antecede as eleições de 2018', disse a Microsoft em publicação em seu blog durante a noite.

    Uma autoridade diplomática russa negou as acusações e descreveu as alegações da Microsoft como parte de um jogo político, informou a agência de notícias Interfax.

    'A Microsoft está jogando jogos políticos', disse a fonte não identificada. 'As eleições (dos Estados Unidos) ainda não aconteceram, mas já há alegações'.

    Classificando as acusações como parte de uma campanha anti-Rússia, elaborada para justificar novas sanções contra o país, a Rússia tem dito que quer melhorar, e não piorar, os laços com Washington.

    O conselho do Instituto Republicano Internacional é composto por importantes republicanos, como o senador John McCain, que já criticou as interações do presidente norte-americano, Donald Trump, com a Rússia e o histórico de direitos de Moscou.

    O Instituto Hudson, outro grupo conservador, já realizou discussões sobre tópicos como cibersegurança, de acordo com a Microsoft. A organização também tem examinado o crescimento da cleptocracia, especialmente na Rússia, e tem criticado o governo russo, relatou o New York Times.

    'Eles (os russos) estão conduzindo ataques que acreditam estar em seu próprio interesse nacional', disse Eric Rosenbach, diretor do projeto de defesa à democracia digital da Universidade de Harvard, ao New York Times.

    'Trata-se de atrapalhar e diminuir qualquer grupo que desafie a maneira como a Rússia de Putin está operando em casa e pelo mundo'.

    LER NOTICIA

    Fique por dentro

    de tudo o que acontece nos bastidores do mundo da música, desde lançamentos, shows, homenagens, parcerias e curiosidades sobre o seu artista favorito. A vinda de artistas ao Brasil, cantores e bandas confirmadas no Lollapalooza e no Rock in Rio, ações beneficentes, novos álbuns, singles e clipes. Além disso, você acompanha conosco a cobertura das principais premiações do mundo como o Oscar, Grammy Awards, BRIT Awards, American Music Awards e Billboard Music Awards. Leia as novidades sobre Phil Collins, Coldplay, U2, Jamiroquai, Tears for Fears, Céline Dion, Ed Sheeran, A-ha, Shania Twain, Culture Club, Spice Girls, entre outros. Aproveite também e ouça esses e outros artistas no aplicativo da Rádio Antena 1, baixe na Apple Store ou Google Play e fique sintonizado.

    1. Home
    2. noticias
    3. tags
    4. hackers

    Este site usa cookies para garantir que você tenha a melhor experiência.