alexametrics
Capa do Álbum: Antena 1
ANTENA 1A RÁDIO ONLINE MAIS OUVIDA DO BRASIL

    NOTÍCIAS SOBRE neymar

    Veja essas e outras notícias da Antena 1

    Placeholder - loading - Imagem da notícia Neymar admite ter 'exagerado' na Copa em depoimento para vídeo de patrocinador

    Neymar admite ter 'exagerado' na Copa em depoimento para vídeo de patrocinador

    Por Andrew Downie

    (Reuters) - Criticado em todo o mundo por simular faltas e se jogar durante atuação decepcionante na Copa do Mundo da Rússia, Neymar admitiu ter 'exagerado' em algumas reações, e disse que ainda está aprendendo a lidar com a frustração.

    Em vídeo de 90 segundos feito pela patrocinadora Gillette e divulgado em redes sociais e na televisão, Neymar tentou reconquistar fãs que reprovaram seu comportamento.

    'Trava de chuteira na panturrilha, joelhada na coluna, pisão no pé', disse. 'Você pode achar que eu exagero e, às vezes, eu exagero mesmo. Mas, a real, é que eu sofro dentro de campo'.

    'Dentro de mim, ainda existe um menino. Às vezes ele encanta o mundo e, às vezes, ele irrita todo mundo'.

    O atacante do Paris Saint-Germain esperava que a Copa do Mundo da Rússia o ajudasse a atingir status semelhante ao de Lionel Messi e Cristiano Ronaldo, que têm dividido o prêmio de melhor jogador do ano da Fifa durante a última década.

    Ao invés disso, Neymar deixou o torneio nas quartas de final quando o Brasil perdeu para a Bélgica, com fãs focando menos em seu desempenho e mais nas quedas e lágrimas que protagonizou.

    O jogador de 26 anos, que sofreu uma séria lesão no pé em fevereiro e que voltou a jogar apenas dias antes do início da Copa do Mundo, disse aos fãs que está tentando ser uma pessoa melhor e lidar com as decepções do futebol.

    'Quando eu pareço mal criado, não é porque eu sou um moleque mimado, mas é porque eu ainda não aprendi a me frustrar', disse em narração de vídeo em preto e branco.

    'Eu demorei para aceitar suas críticas, eu demorei a me olhar no espelho e me transformar em um novo homem. Mas hoje eu tô aqui, de cara limpa, de peito aberto. Eu caí, mas só quem cai, pode se levantar'.

    'Você pode continuar jogando pedra, ou pode jogar essas pedras fora e me ajudar a ficar de pé. E quando eu fico de pé, parça, o Brasil inteiro levanta comigo'.

    (Reportagem de Andrew Downie)

    LER NOTICIA
    Placeholder - loading - Imagem da notícia Difícil encontrar forças para querer voltar a jogar futebol, diz Neymar após eliminação

    Difícil encontrar forças para querer voltar a jogar futebol, diz Neymar após eliminação

    (Reuters) - O astro da seleção brasileira Neymar disse neste sábado em uma rede social que está difícil encontrar forças para querer voltar a jogar futebol após a derrota do Brasil na véspera por 2 x 1 para a Bélgica, que eliminou a seleção brasileira nas quartas de final da Copa do Mundo da Rússia.

    O jogador mais caro do mundo, que atua no Paris Saint-Germain, também disse viver o momento mais triste de sua carreira, pois entendia que a equipe comandada pelo técnico Tite tinha condições de fazer história no Mundial.

    Posso dizer que é o momento mais triste da minha carreira, a dor é muito grande porque sabíamos que poderíamos chegar, sabíamos que tínhamos condições de irmos mais além, de fazer história .. mas não foi dessa vez , escreveu o atacante de 26 anos em sua conta no Instagram, acompanhado de uma foto sua ajoelhado e cabisbaixo no gramado com a camisa da seleção.

    Difícil encontrar forças pra querer voltar a jogar futebol, mas tenho certeza que Deus me dará força suficiente pra enfrentar qualquer coisa, por isso nunca deixarei de te agradecer Deus, até mesmo na derrota , acrescentou o jogador.

    Neymar, que teve atuação apagada na derrota para os belgas, foi bastante criticado durante a Copa, principalmente pela imprensa estrangeira e por ex-jogadores de outros países, que apontaram o que acreditam ser simulações e exageros do jogador quando sofre faltas. O atacante brasileiro não quis falar com a imprensa após a derrota de sexta.

    Muito feliz em fazer parte desse time, estou orgulhoso de todos, interromperam nosso sonho mas não tiraram da nossa cabeça e nem dos nossos corações , concluiu Neymar.

    (Por Eduardo Simões, em São Paulo)

    LER NOTICIA
    Placeholder - loading - Imagem da notícia Tite defende Neymar de críticas e diz que está concentrado em ter atacante em 'altíssimo nível'

    Tite defende Neymar de críticas e diz que está concentrado em ter atacante em 'altíssimo nível'

    Por Ian Ransom

    KAZAN, Rússia (Reuters) - O técnico Tite defendeu o atacante Neymar das críticas sobre seu comportamento em campo e disse que está interessado em ter o jogador novamente em sua melhor forma para o jogo de sexta-feira contra a Bélgica pelas quartas de final da Copa do Mundo.

    Neymar marcou dois gols em quatro jogos do Brasil no Mundial, mas tem sido alvo de críticas de ex-jogadores e analistas, principalmente do exterior, por supostas simulações de faltas e exagero ao cair em campo quando é atingido pelos adversários.

    O atacante, no entanto, também tem sofrido um número exagerado de faltas durante a competição, com 23 faltas a mais que os atacantes uruguaios Luis Suárez e Edinson Cavani juntos.

    Olhem os vídeos e acompanhem. O que me interessa é ele estar em altíssimo nível de novo , disse Tite em entrevista coletiva em Kazan na véspera da partida.

    E mais do que isso, não é só com bola e em dribles. Há ações de transições defensivas, vocês verão como ele tem participado em termos coletivos. Retomada de posse de bola, ocupação de espaços, até desarme, que não é a característica, e nem quero que atacante desarme, mas o senso de equipe que ele vem desenvolvendo”, acrescentou.

    A boa atuação da equipe contra o México reforçou o favoritismo do Brasil para conquistar o título mundial na Rússia, mas Tite ressaltou que será necessário um grande esforço coletivo para a equipe vencer a seleção belga comandada por Roberto Martínez.

    Será um grande jogo. Os dois times notabilizados pelo futebol bonito. A Bélgica tem grandes jogadores e um grande técnico também. Eu sempre os coloquei no grupo de favoritos. Continua assim , disse.

    LER NOTICIA
    Placeholder - loading - Imagem da notícia Neymar ganha mural em cidade russa que já homenageou Cristiano Ronaldo e Messi

    Neymar ganha mural em cidade russa que já homenageou Cristiano Ronaldo e Messi

    KAZAN, Rússia (Reuters) - Essa tem sido uma Copa do Mundo movimentada para os artistas de Kazan e, no início desta quinta-feira, eles voltaram ao trabalho pintando o rosto de Neymar em um prédio perto do hotel onde a seleção brasileira ficará hospedada na cidade russa.

    O atacante brasileiro, que está em Kazan para a partida das quartas de final da Copa do Mundo contra a Bélgica na sexta-feira, é o terceiro jogador a ser homenageado nas paredes da cidade, junto com Cristiano Ronaldo e Lionel Messi.

    Enquanto os desenhos de Cristiano Ronaldo e Messi foram feitos lado a lado perto do hotel Ramada, com uma mensagem desafiando o argentino a igualar o número de gols marcado por seu rival português, Neymar ganhou seu próprio canto perto do outro hotel oficial das seleções, o Mirage.

    O mural de três andares de Cristiano Ronaldo foi pintado para receber o jogador eleito cinco vezes o melhor do mundo quando Portugal jogou na cidade durante a Copa das Confederações de 2017.

    Para o constrangimento de autoridades da cidade, a Argentina se hospedou no mesmo hotel antes de sua eliminação em partida contra a França nas oitavas de final da Copa do Mundo, com Messi possivelmente vendo o mural de Cristiano Ronaldo da janela de seu quarto.

    Para evitar parecer estar escolhendo um lado no eterno debate sobre qual dos dois jogadores é o melhor, a cidade encomendou um mural de Messi, também eleito cinco vezes o melhor jogador do mundo.

    Com Cristiano Ronaldo e Messi já eliminados do torneio após derrotas nas oitavas de final, o caminho está aberto para Neymar desafiar o domínio que a dupla tem exercido em discussões do tipo durante a última década.

    (Reportagem de Nick Mulvenney e John Sibley)

    LER NOTICIA
    Placeholder - loading - Imagem da notícia Ronaldo defende Neymar de críticas, jogadores ingleses também são acusados de simulação

    Ronaldo defende Neymar de críticas, jogadores ingleses também são acusados de simulação

    Por Andrew Downie

    SOCHI, Rússia (Reuters) - O ex-atacante brasileiro Ronaldo defendeu Neymar nesta quarta-feira e fez críticas a analistas e ex-jogadores que têm condenado supostas simulações do camisa 10 da seleção brasileira, mas ignoram exageros de outros jogadores.

    Neymar foi criticado, especialmente no Reino Unido, por simular faltas, rolar em campo e exagerar em suas quedas.

    O técnico mexicano, Juan Carlos Osorio, classificou a atuação do brasileiro como palhaçada , e os ex-jogadores Alan Shearer, Pat Nevin, Peter Schmeichel e Eric Cantona estão entre os que criticaram o suposto teatro de Neymar durante os quatro primeiros jogos do Brasil no Mundial.

    Mas Ronaldo disse que Neymar --que é um dos jogadores que mais sofre faltas na Copa do Mundo-- precisa de mais proteção.

    Há muitas maneiras de ver o futebol e interpretá-lo , disse Ronaldo a repórteres.

    Eu sou contra todas essas opiniões (sobre simulações de Neymar). Eu acho que o Neymar usa de maneira muito inteligente a sua mobilidade para se defender de todas as pancadas que leva durante o jogo. Acho que os árbitros têm sido pouco protetores com ele.

    Eu era alvo de jogadas violentas repetidamente e me sentia injustiçado. Essas críticas são bobagens , acrescentou.

    Os comentários de Ronaldo ocorrem num momento em que torcedores e críticos esportivos, muitos deles brasileiros, criticam o que viram como simulações de jogadores ingleses em sua vitória sobre a Colômbia.

    Brasileiros que viram Jordan Henderson cair com a mão no rosto após ser atingido sob o queixo e Harry Maguire mergulhando na área sem ser tocado cobraram que o mesmo critério rígido usado para julgar Neymar seja aplicado aos ingleses.

    O técnico da Colômbia, José Pekerman, também acusou os jogadores ingleses de caírem muito facilmente em busca de faltas.

    O técnico do Manchester United, José Mourinho, criticou Maguire, normalmente um cara muito honesto... por mergulhar na área .

    As pessoas estão se concentrando em Neymar, mas se fosse apenas Neymar, eu ficaria feliz, mas não é só Neymar , disse Mourinho ao Russia Today, após a vitória da Inglaterra.

    LER NOTICIA
    Placeholder - loading - Imagem da notícia Neymar deveria parar de exagerar quando sofre faltas, diz ex-campeão alemão Matthaeus

    Neymar deveria parar de exagerar quando sofre faltas, diz ex-campeão alemão Matthaeus

    Por Karolos Grohmann

    MOSCOU (Reuters) - O atacante Neymar é um jogador de nível mundial que não precisa exagerar quando sofre faltas, porque isso não lhe traz nenhuma solidariedade dos torcedores, disse o ex-capitão e campeão mundial alemão Lothar Matthaeus nesta quarta-feira.

    Neymar, que já marcou dois gols e ajudou o Brasil a chegar às quartas de final da Copa do Mundo da Rússia, nas quais enfrentará a Bélgica na sexta-feira, vem sendo muito criticado por uma série de reações exageradas em choques com adversários.

    Neymar não precisa disso. Ele é um jogador excelente, um dos cinco melhores do mundo , disse Matthaeus, de 57 anos, que conquistou o Mundial de 1990 com a Alemanha, aos repórteres. Por que ele precisa da encenação?

    Isso não lhe traz solidariedade. Diego Maradona (campeão mundial em 1986) não fingia, (o capitão da Argentina) Lionel Messi não está fingindo. Precisamos de jogadores como Neymar, mas não da encenação.

    Matthaeus disse que cabe aos árbitros pôr fim a isso, acrescentando que em sua época o colombiano Carlos Valderrama também tinha esse hábito, mas que hoje há jogadores demais assim.

    Lembro da Colômbia (contra a Inglaterra na terça-feira), como estavam fingindo , disse. Os ingleses venceram por 4 x 3 nos pênaltis em um jogo mal humorado que foi interrompido quase constantemente pelo árbitro Mark Geiger, que deu cartões a seis colombianos e dois ingleses.

    Nos anos 1990 eles tinham um Carlos Valderrama, agora a Colômbia têm seis. Não gosto dessa provocação e encenação e não consigo entender por que um jogador gosta de fingir. Com o árbitro de vídeo (VAR) isso não deveria ser possível.

    Matthaeus também culpou Geiger por não punir os jogadores pelo comportamento.

    É preciso cortar isso. Ele (Geiger) esqueceu de cortá-lo na hora certa. Ele deixou (os colombianos) fazerem.

    Geiger marcou um pênalti à Inglaterra aos 12 minutos do segundo tempo, mas Harry Kane precisou de vários minutos para batê-lo, já que os colombianos cercaram o árbitro questionando sua decisão.

    Com o pênalti perdemos três minutos de futebol por causa das discussões. Não precisamos desta encenação. Queremos ver jogos de futebol, as pessoas sempre vêm assistir um jogo de futebol. Se elas quiserem encenação deveriam ir a outro lugar , disse o alemão.

    LER NOTICIA
    Placeholder - loading - Imagem da notícia Tite não deixa Neymar responder a Osorio e elogia melhora de comportamento do atacante

    Tite não deixa Neymar responder a Osorio e elogia melhora de comportamento do atacante

    (Reuters) - O técnico Tite impediu que Neymar respondesse às críticas feitas pelo treinador do México, Juan Carlos Osorio, ao atacante após a vitória do Brasil por 2 x 0 sobre a seleção mexicana pelas oitavas de final da Copa do Mundo, e disse que o camisa 10 tem melhorado tanto no desempenho como em seu comportamento.

    As hierarquias se mantêm. Técnico fala com técnico, atleta fala com atleta, direção fala com direção , disse Tite nesta segunda-feira, interrompendo após Neymar ser questionado em entrevista coletiva sobre as palavras de Osorio.

    Segundo o treinador colombiano que comanda o México, o futebol é um jogo de homens que se joga com muita intensidade e não com tanta palhaçada , sem mencionar diretamente, mas numa clara alusão ao tempo gasto com a atenção dada a Neymar quando ele sofria faltas e às jogadas em que ele considerou que o astro brasileiro exagerava.

    Numa delas, Neymar levou um pisão no tornozelo do mexicano Miguel Layún e se contorceu do lado de fora do campo, o que fez com que o jogo fosse paralisado por alguns minutos.

    Não vou responder ao Osorio. Eu vi o lance. Todas as pessoas que estão me assistindo que tirem sua própria conclusão. O vídeo está aí, e contra a imagem a gente não questiona , afirmou Tite na coletiva, após Neymar deixar a sala de entrevistas.

    Para o treinador brasileiro, o atacante tem melhorado seu desempenho e também seu comportamento, reclamando menos com arbitragem e os adversários.

    Ele está melhorando também nesse aspecto, quando a gente gasta energia em outras coisas que não seja jogar, isso tira o foco , afirmou Tite, para depois voltar a defender seu camisa 10. É pecado driblar? Não é pecado... o futebol brasileiro tem essa característica.

    Neymar fez o primeiro gol da partida e participou do segundo, marcado por Firmino, sendo eleito pela primeira vez na Rússia o melhor jogador em campo durante uma partida.

    Perguntado sobre as críticas em geral que vem recebendo por simular algumas faltas e por seu comportamento em campo, Neymar disse não se importar.

    Eu acho que é mais para tentar minar do que qualquer outra coisa. Não ligo muito para crítica nem para elogio, pois isso pode influenciar a cabeça do atleta , afirmou.

    Nesses últimos dois jogos eu não falei nada, porque eu não queria polêmica, tem muita gente falando, alguns se alteram. E eu só tenho que jogar futebol, eu vim aqui para isso, não vim para outra coisa. Eu vim para ganhar e espero que eu possa melhorar cada vez mais.

    Depois de passar três meses sem jogar por causa de uma cirurgia no pé direito no começo de março, o atacante do Paris Saint-Germain voltou aos gramados justamente nos amistosos pré-Copa e disse que está se sentindo cada vez melhor.

    Eu sabia que ia precisar de ritmo e hoje me sinto muito melhor e estou muito feliz pela partida de hoje, parabenizo toda equipe pela partida , acrescentou o atacante, que começou o Mundial com atuações abaixo do esperado.

    EQUILÍBRIO

    Tite elogiou a atuação do Brasil contra o México, afirmando ter sido um baita jogo , com qualidade das duas equipes.

    O técnico, no entanto, não quis falar em favoritismo da seleção no Mundial após as eliminações de outros campeões mundiais, como Alemanha e Espanha.

    O nível que atingimos é para quartas de final, a equipe tem que consolidar e crescer. Não quero falar de favoritismo , disse. A expectativa era repetir um padrão do jogo anterior (vitória contra a Sérvia por 2 x 0) e se possível crescer e ela o fez , acrescentou.

    Depois de um primeiro tempo em que sofreu pressão do México, principalmente no início, o Brasil melhorou muito após o intervalo e, segundo a comissão técnica, uma mudança de posicionamento do meia-atacante Willian foi fundamental para o crescimento da equipe.

    Com apenas um gol tomado em quatro partidas no Mundial, a defesa brasileira tem sido muito elogiada, mas Tite preferiu ressaltar o equilíbrio da equipe.

    A gente marca setor, a gente não marca individual... A característica mais forte é o equilíbrio. Acho que é a equipe que mais finaliza na competição , destacou, sem fazer qualquer projeção para a partida de quartas de final contra Bélgica ou Japão.

    (Por Tatiana Ramil, em São Paulo)

    LER NOTICIA
    Placeholder - loading - Imagem da notícia Neymar diz que mexicanos 'falaram demais' e foram para casa; considera pisão 'desleal'

    Neymar diz que mexicanos 'falaram demais' e foram para casa; considera pisão 'desleal'

    (Reuters) - Eleito melhor jogador em campo na vitória de 2 x 0 do Brasil sobre o México, Neymar ressaltou a eficiência defensiva da seleção brasileira para segurar o bom início de jogo dos mexicanos nesta segunda-feira, e disse que os adversários estão voltando para casa depois de falarem demais antes do duelo.

    O camisa 10 brasileiro marcou o primeiro gol no início do segundo tempo, completando de carrinho um cruzamento de Willian, e também participou da jogada do segundo, quando sua finalização foi defendida pelo goleiro do México mas sobrou para Firmino empurrar para o fundo do gol.

    Tem momentos na partida que temos que aprender a sofrer, e hoje a gente demonstrou que sabe, foi sofrido em alguns momentos, um jogo muito difícil, mas mais uma vez a equipe mostrou toda qualidade que tem”, disse Neymar em entrevista à transmissão oficial de TV após a partida.

    O atacante também ressaltou a qualidade da defesa brasileira, que ficou sem tomar gols pela terceira partida seguida. Pela qualidade que temos atrás, pelos zagueiros que a gente tem, temos que fazer o gol lá na frente porque sabemos que atrás não vamos tomar”, disse.

    Neymar reclamou do pisão que sofreu do jogador mexicano Miguel Layún fora das quatro linhas em um lance com a bola parada, e disse que a seleção do México foi eliminada depois de ter falado demais antes da partida.

    “Tomei um pisão desleal fora de campo , disse. Eles falaram demais antes da partida e foram embora pra casa.

    Depois que o México se classificou para enfrentar o Brasil nas oitavas de final do Mundial, o meio-campista mexicano Andrés Guardado criticou o comportamento de Neymar, a quem acusou de exagerar nas quedas quando sofre faltas e de se jogar demais no chão.

    Com a vitória sobre o México, o Brasil enfrentará nas quartas de final o ganhador do duelo entre Bélgica e Japão, que se enfrentam mais tarde nesta segunda-feira.

    (Por Pedro Fonseca, no Rio de Janeiro)

    LER NOTICIA
    Placeholder - loading - Imagem da notícia Ajuda ou atrapalha? Fase de Neymar na seleção é contestada

    Ajuda ou atrapalha? Fase de Neymar na seleção é contestada

    Por Toby Davis

    SAMARA (Reuters) - Chamado de egoísta e dramático demais, Neymar têm tido tantas dificuldades na Copa do Mundo que os críticos do jogador mais caro do mundo estão começando a ser ouvidos, no momento em que a seleção brasileira se preparara para enfrentar o México pelas oitavas de final, na segunda-feira.

    Enquanto apoiadores ressaltam as façanhas de Neymar no passado e apontam para a lesão no pé sofrida em fevereiro que o tirou de atividade até junho, prejudicando seu ritmo de jogo, seus críticos têm o apoio dos números para questionar o jogador.

    Depois de três jogos com desempenhos abaixo do esperado, onde seus erros o fizeram parecer mais um atleta que tentava ser o centro das atenções do que um jogador que buscava voltar à sua forma e ajudar sua equipe, as perguntas sobre seu papel no time se tornaram cada vez mais frequentes. 

    De acordo com a Fifa, Neymar tentou mais dribles do que qualquer outro jogador na Rússia, com 42 tentativas, 14 a mais que o rival mais próximo, o argentino Lionel Messi.  

    No entanto, uma das coisas mas frustrantes em assistir aos jogos da fase de grupos do Brasil foi a persistência das tentativas de Neymar em driblar, e, sem surpresa, as estatísticas mostram um retrato péssimo sobre sua performance. 

    Neymar perdeu a bola 84 vezes no torneio, o que, depois da vitória de 2 x 0 do Brasil sobre a Sérvia no último jogo do Grupo E, foi 22 vezes mais do que qualquer outro jogador, de acordo com a empresa de dados esportivos Opta. 

    Se as outras partes de seu jogo ainda estivessem afiadas, ele ainda poderia ser perdoado pelas extravagâncias com a bola. Ainda assim, sua ineficiência diante do gol também é motivo de preocupação. 

    O atleta de 26 anos teve 18 oportunidades de gol , de acordo com a Fifa, mais do que qualquer outro no torneio, e ainda assim marcou apenas uma vez. O português Cristiano Ronaldo teve 10 e marcou quatro vezes. 

    Além disso, o torneio mostrou a instabilidade emocional de Neymar --depois que ele sentou e chorou após a vitória de 2 x 0 sobre a Costa Rica-- e sua tendência de cair ao menor sinal de contato. 

    O atacante passou tanto tempo no chão que um bar no Rio de Janeiro ofereceu uma rodada de shots para cada queda de Neymar no jogo contra a Sérvia. Nessa partida, Neymar rolou no chão por exatas quatro vezes e meia antes de parar após sofrer uma falta.

    Talvez, como sugere o técnico Tite, ele esteja sentindo o peso de levar sobre os ombros as esperanças da nação mais exigente do mundo do futebol. Ainda assim, suas dificuldades deixam torcedores e críticos pensando se na atual forma ele é uma ajuda ou um obstáculo para uma seleção brasileira que tem outros vários jogadores de destaque. 

    Na segunda-feira, o Brasil enfrenta uma seleção mexicana que foi eliminada por seis vezes consecutivas nas oitavas de final, mas que venceu sete dos últimos 15 encontros contra o Brasil, perdendo apenas cinco vezes. 

    Há poucas chances reais de que Neymar, um dos principais ícones mundiais do esporte, esteja de fora da partida em Samara -- agora cabe a ele mostrar que as preocupações sobre sua fase estão equivocadas.

    LER NOTICIA
    Placeholder - loading - Imagem da notícia Mexicano Guardado diz esperar que árbitro contenha simulações de Neymar

    Mexicano Guardado diz esperar que árbitro contenha simulações de Neymar

    MOSCOU (Reuters) - A seleção mexicana precisa conter Neymar no duelo contra o Brasil se quiser avançar para as quartas de final da Copa do Mundo, mas o meio-campista Andrés Guardado disse que o México também precisa que o árbitro contenha as simulações do atacante brasileiro.

    México e Brasil vão se enfrentar em Samara na segunda-feira pelas oitavas de final da Copa do Mundo, para a qual o México se classificou em segundo lugar do Grupo F após perder por 3 x 0 para a Suécia em sua última partida da primeira fase.

    Todos nós conhecemos Neymar, não cabe a mim julgá-lo, mas sim aos árbitros, à Fifa, e agora o VAR têm que analisar , disse Guardado a repórteres nesta sexta-feira.

    É o estilo dele e o árbitro saberá controlá-lo. Sabemos que ele gosta de exagerar as faltas, se jogar muito no chão, mas é ele (o árbitro) que tem que julgar, os que devem colocar um limite são os árbitros, não nós , acrescentou o meio-campista de 31 anos.

    Neymar tem sido muito criticado ao longo de sua carreira por sua tendência de simular faltas e se jogar no chão após qualquer contato, comportamento que tem se repetido nos jogos do Brasil na Rússia.

    A atual equipe mexicana é composta por vários jogadores que estão disputando seu último Mundial --como o próprio Guardado, Rafael Márquez, Javier Hernández e Jesús Corona--, mas o meio-campista disse que os mais experientes do grupo não se conformam apenas em eliminar o Brasil.

    O que nos motiva não é que seja nossa última partida, nossa última oportunidade de mudar a história. Não, não passa pela nossa cabeça que seja nossa última oportunidade, nos motiva o fato de que estamos nas oitavas, com o Brasil pela frente, e a uma partida de chegar às quartas de final , disse.

    O México não chega às quartas de final de uma Copa do Mundo desde 1986, quando jogou em casa.

    (Reportagem de Arturo Silva)

    LER NOTICIA
    Placeholder - loading - Imagem da notícia Neymar precisa de tempo para retomar padrão e Brasil não tem de ser dependente dele, diz Tite

    Neymar precisa de tempo para retomar padrão e Brasil não tem de ser dependente dele, diz Tite

    (Reuters) - O técnico Tite afirmou que a seleção brasileira não tem que depender de Neymar na Copa do Mundo e acredita numa evolução do atacante depois de mais uma partida com pouco brilho do jogador na Rússia, nesta sexta-feira, quando ele chorou após a vitória de 2 x 0 sobre a Costa Rica.

    Ele ficou três meses e meio (sem jogar) e a partida anterior foi a primeira que ele jogou inteira. Ele é um ser humano e precisa de um tempo para retomar um padrão alto, mas antes desse padrão alto, que ele vem retomando, tem uma equipe que tem que ser forte e não tem que ser dependente , disse o treinador em entrevista coletiva, após a vitória em São Petersburgo que levou o Brasil a 4 pontos no Grupo E do Mundial.

    Toda individualidade aparece se o coletivo estiver forte. É desumano colocar em um atleta apenas a responsabilidade de uma equipe. Todos têm que assumir a responsabilidade para que a individualidade apareça.

    O choro de Neymar após seu gol aos 52 minutos do segundo tempo, marcado após Philippe Coutinho abrir o placar seis minutos antes, foi classificado como um ato de coragem por Tite, que inicialmente disse que não comentaria porque não viu o desabafo do camisa 10.

    De uma coisa eu posso falar, a alegria, a satisfação e o orgulho de representar a seleção brasileira é muito grande. Ele tem a responsabilidade, a alegria, a pressão e a coragem para externar o sentimento. Cada um externa da forma que tem. Eu sou um cara emotivo e respeito as características de cada um , declarou.

    Tite admitiu que o Brasil teve dificuldades no primeiro tempo contra a Costa Rica, porém elogiou o segundo tempo, que teve Douglas Costa no lugar de Willian e Roberto Firmino na vaga de Paulinho, como aula .

    Fez grande segundo tempo. Conseguiu botar volume, teve finalizações, (goleiro) Navas jogou muito. Início muito nervoso, errando passes , afirmou o treinador, que caiu no gramado ao comemorar o primeiro gol, ao ser empurrado pelo goleiro reserva Ederson.

    Rompeu a fibra , disse ele, sorrindo, sobre a queda e a volta mancando ao banco de reservas.

    Segundo Tite, a seleção, que empatou por 1 x 1 na estreia com a Suíça, está devendo em termos criatividade e de construção e precisa ser um pouco mais equilibrada .

    O treinador fez elogios ao desempenho da dupla de zaga formada por Miranda e Thiago Silva e também a Douglas Costa, que deu mais mobilidade ao time, porém não quis adiantar se fará mudanças no time para as próximas partidas.

    Ao colocar o atacante Firmino no lugar do meio-campista Paulinho no segundo tempo, Tite admitiu que fez uma mudança que ainda não tinha sido treinada, porém foi estudada com o atacante do Liverpool.

    Preparamos o atleta para essa função, nós criamos algumas alternativas táticas, a gente ainda está descobrindo as virtudes dos atletas , declarou. O Douglas tem amplitude, na direita ou esquerda, essa é a vantagem de ter peças de reposição. Preparar os atletas é responsabilidade nossa.

    Sobre o pênalti assinalado em Neymar e retirado após análise do árbitro de vídeo, Tite afirmou que teria marcado a penalidade, mas respeita a posição da arbitragem, e pediu que os lances sejam todos revisados, se referindo a lances do jogo anterior, contra a Suíça, em que o Brasil reclamou de falta em Miranda no gol do rival e de um pênalti em Gabriel Jesus.

    Eu assisti o lance (sobre Neymar). Tanto pode dar como não dar. Se eu sou eu árbitro, cal, mas respeito porque é passível de interpretação , disse ele, que orienta sua equipe a não reclamar com a arbitragem, embora alguns atletas tenham se dirigido ao árbitro no final do primeiro tempo.

    Não precisamos de arbitragem para vencer. Queremos que ela seja justa e que, tal como foi olhado agora, tivesse sido olhado antes. Olhe para todos, seja igual para todos , acrescentou o treinador brasileiro, que disse que não está vendo os jogos da Copa do Mundo para se dedicar à seleção.

    (Por Tatiana Ramil, em São Paulo)

    LER NOTICIA

    Fique por dentro

    de tudo o que acontece nos bastidores do mundo da música, desde lançamentos, shows, homenagens, parcerias e curiosidades sobre o seu artista favorito. A vinda de artistas ao Brasil, cantores e bandas confirmadas no Lollapalooza e no Rock in Rio, ações beneficentes, novos álbuns, singles e clipes. Além disso, você acompanha conosco a cobertura das principais premiações do mundo como o Oscar, Grammy Awards, BRIT Awards, American Music Awards e Billboard Music Awards. Leia as novidades sobre Phil Collins, Coldplay, U2, Jamiroquai, Tears for Fears, Céline Dion, Ed Sheeran, A-ha, Shania Twain, Culture Club, Spice Girls, entre outros. Aproveite também e ouça esses e outros artistas no aplicativo da Rádio Antena 1, baixe na Apple Store ou Google Play e fique sintonizado.

    1. Home
    2. /
    3. noticias
    4. /
    5. tags
    6. /
    7. neymar
    8. /

    Este site usa cookies para garantir que você tenha a melhor experiência.