alexametrics
Capa do Álbum: Antena 1
ANTENA 1A RÁDIO ONLINE MAIS OUVIDA DO BRASIL

    NOTÍCIAS SOBRE sbt

    Veja essas e outras notícias da Antena 1

    Placeholder - loading - Imagem da notícia Ex-assessor de Flávio Bolsonaro diz ao SBT que movimentação atípica vem de seus negócios

    Ex-assessor de Flávio Bolsonaro diz ao SBT que movimentação atípica vem de seus negócios

    (Reuters) - Fabrício Queiroz, ex-assessor do deputado estadual e senador eleito Flávio Bolsonaro (PSL-RJ), filho do presidente eleito Jair Bolsonaro, afirmou em entrevista ao SBT que entre suas atividades está a de revenda de carros, após o Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf) apontar 'movimentação atípica' de mais de 1,2 milhão de reais do ex-assessor.

    'Eu sou um cara de negócios, eu faço dinheiro, compro, revendo, compro, revendo, compro carro, revendo carro, eu sempre fui assim, gosto muito de comprar carro de seguradora, na minha época lá atrás, comprava um carrinho, mandava arrumar, revendia', afirmou na entrevista ao SBT divulgada nesta quarta-feira.

    Ele disse que ganhava cerca de 10 mil reais por mês quando fazia assessoria a Flávio Bolsonaro e que seus rendimentos mensais eram de cerca de 24 mil reais, incluindo remuneração como policial.

    Queiroz faltou duas vezes em depoimento marcado pelo Ministério Público do Rio de Janeiro para explicar os rendimentos.

    Na sexta-feira, Flávio Bolsonaro foi chamado para prestar esclarecimentos após Queiroz ter alegado problemas de saúde pela segunda vez para não comparecer a depoimento para explicar movimentação atípica de mais de 1,2 milhão de reais entre 2016 e 2017 identificada pelo Coaf.

    De acordo com o relatório do Coaf, entre a movimentação suspeita de Queiroz de 1,2 milhão de reais estão depósitos à futura primeira-dama, Michelle Bolsonaro. O presidente eleito já justificou os depósitos afirmando que eram pagamentos de um empréstimo que havia feito a Queiroz, e disse que se tiver errado por não ter registrado a operação na declaração do Imposto de Renda irá reparar o erro.

    Na semana passada, ao ser questionado por jornalistas, Flávio Bolsonaro disse ter conversado recentemente com Queiroz e ouvido do ex-assessor como justificativa para a movimentação financeira que ele tinha gerido recursos da família no período apontado pelo Coaf.

    0

    0

    36

    3 S

    Placeholder - loading - Imagem da notícia Bolsonaro diz que advertiu filho por 'absurdo' de fala sobre fechar STF

    Bolsonaro diz que advertiu filho por 'absurdo' de fala sobre fechar STF

    RIO DE JANEIRO (Reuters) - O candidato do PSL à Presidência, Jair Bolsonaro, afirmou nesta segunda-feira em entrevista ao SBT que repreendeu o filho Eduardo Bolsonaro pelo 'absurdo' da declaração gravada em um vídeo em que o deputado reeleito fala na possibilidade de fechar o Supremo Tribunal Federal (STF).

    'Eu já adverti o garoto, o meu filho, a responsabilidade é dele. Ele já se desculpou. Isso aconteceu há quatro meses, ele aceitou responder uma pergunta que não tinha nem pé nem cabeça, e resolveu levar para o lado desse absurdo', disse Bolsonaro em entrevista gravada em sua casa na zona oeste do Rio de Janeiro.

    'Nós temos todo o respeito e a consideração pelos demais Poderes, e o Judiciário, obviamente, é importante. Eu até fui pesado com o meu garoto, quem fala isso tem que buscar o psiquiatra. Ele já assumiu a responsabilidade, repito, se desculpou, e no que depender de nós, obviamente, isso é uma página virada na história'.

    Eduardo Bolsonaro afirmou em um vídeo que viralizou no fim de semana que bastaria enviar um soldado e um cabo para fechar o Supremo. Após a repercussão gerada pelo vídeo, Eduardo tuitou negando que tenha defendido o fechamento do STF, afirmando que apenas repetiu uma brincadeira.

    Questionado no domingo sobre a declaração dada pelo filho, Bolsonaro já havia dito que 'não existe' hipótese de fechar o STF, e que quem falou em fechar o Supremo deveria 'consultar um psiquiatra'.

    Dentro da campanha, a fala de Eduardo Bolsonaro também repercutiu mal e só reforçou a orientação já dada pelo presidenciável para que a equipe se exponha o menos possível na reta final, disse uma fonte.

    'Agora é a hora da gente jogar parado, administrar a vantagem e evitar declarações como a do filho', disse à Reuters um integrante da equipe, que pediu para não ser identificado. 'É uma coisa infeliz e desnecessária', classificou ele, sobre o comentário, ao avaliar que esta será a semana 'mais longa' da campanha.

    O presidente do STF, ministro Dias Toffoli, disse em nota nesta segunda-feira que 'atacar o Poder Judiciário é atacar a democracia', e outros ministros da corte também se manifestaram sobre a declaração de Eduardo Bolsonaro. O decano do STF, Celso de Mello, a classificou de 'inconsequente e golpista'.

    (Por Pedro Fonseca, no Rio de Janeiro; reportagem adicional de Ricardo Brito, em Brasília)

    0

    0

    35

    3 M

    Fique por dentro

    de tudo o que acontece nos bastidores do mundo da música, desde lançamentos, shows, homenagens, parcerias e curiosidades sobre o seu artista favorito. A vinda de artistas ao Brasil, cantores e bandas confirmadas no Lollapalooza e no Rock in Rio, ações beneficentes, novos álbuns, singles e clipes. Além disso, você acompanha conosco a cobertura das principais premiações do mundo como o Oscar, Grammy Awards, BRIT Awards, American Music Awards e Billboard Music Awards. Leia as novidades sobre Phil Collins, Coldplay, U2, Jamiroquai, Tears for Fears, Céline Dion, Ed Sheeran, A-ha, Shania Twain, Culture Club, Spice Girls, entre outros. Aproveite também e ouça esses e outros artistas no aplicativo da Rádio Antena 1, baixe na Apple Store ou Google Play e fique sintonizado.

    1. Home
    2. noticias
    3. tags
    4. sbt

    Este site usa cookies para garantir que você tenha a melhor experiência.