alexametrics
Capa do Álbum: Antena 1
ANTENA 1A RÁDIO ONLINE MAIS OUVIDA DO BRASIL

    NOTÍCIAS SOBRE sucesso

    Veja essas e outras notícias da Antena 1

    Placeholder - loading - Imagem da notícia Trump e Kim preveem sucesso em encontro sobre programa nuclear norte-coreano

    Trump e Kim preveem sucesso em encontro sobre programa nuclear norte-coreano

    Por Jeff Mason e Soyoung Kim

    HANÓI (Reuters) - O líder norte-coreano, Kim Jong Un, e o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, se encontraram em Hanói nesta quarta-feira para uma segunda cúpula que, os EUA esperam, vai persuadir a Coreia do Norte a abrir mão de suas armas nucleares em troca de promessas de paz e desenvolvimento.

    Trump publicou no Twitter após jantar com Kim no hotel Metropole de Hanói que os dois tiveram 'ótimas reuniões' e um 'diálogo muito bom', enquanto a Casa Branca disse que os líderes planejam assinar um 'acordo conjunto' após conversas adicionais na quinta-feira.

    Kim e Trump trocaram um aperto de mãos e sorriram brevemente diante de uma fileira de bandeiras dos dois países no hotel.

    Trump disse aos repórteres que acredita que as conversas serão muito bem-sucedidas e, ao ser indagado se está 'recuando' na desnuclearização, respondeu 'não'.

    Em sua histórica primeira cúpula em Cingapura, ocorrida em junho, Trump e Kim prometeram trabalhar para a desnuclearização completa e pela paz permanente da península coreana, mas pouco progresso foi alcançado desde então.

    Kim disse que os dois superaram obstáculos para realizar a segunda cúpula e elogiou Trump por sua 'decisão corajosa' de iniciar o diálogo.

    'Agora que estamos nos encontrando aqui novamente desta forma, tenho confiança de que haverá um desfecho excelente que todos saudarão, e farei meu melhor para que isso aconteça', afirmou.

    Trump e Kim tiveram uma conversa sozinhos de 20 minutos, antes de sentarem para jantar com o secretário de Estado dos EUA, Mike Pompeo, com o chefe de gabinete em exercício de Trump, Mick Mulvaney, com o principal embaixador de Kim, Kim Yong Chol, e com o ministro de Relações Exteriores da Coreia do Norte, Ri Yong Ho.

    Na quinta-feira, os dois líderes participarão de uma série de reuniões no Metropole, começando com uma segunda sessão individual de 45 minutos, disse a Casa Branca.

    Os dois ainda realizarão uma 'cerimônia de assinatura de um acordo conjunto' ao final das reuniões, seguida por uma coletiva de imprensa de Trump às 15h50 (horário local), acrescentou.

    A Casa Branca não deu nenhuma indicação do que pode ser abordado na cerimônia de assinatura, embora os dois lados tenham discutido a possibilidade de emitir um comunicado político declarando o fim da Guerra da Coreia, de 1950-1953. As Coreias do Norte e do Sul estão tecnicamente em guerra desde o conflito, no qual os EUA apoiaram Seul e que terminou em uma trégua, não um tratado de paz.

    Questionado se declarará o fim formal da Guerra da Coreia, o que Pyongyang pede há tempos, mas que alguns analistas têm dito que seria prematuro, Trump disse: 'Veremos.'

    'Nós teremos um dia muito ocupado amanhã', disse um sorridente e aparentemente relaxado Trump, antes do jantar, sentado ao lado de Kim em uma mesa redonda com as outras quatro autoridades e dois intérpretes.

    'Nosso relacionamento é um relacionamento muito especial.'

    Especialistas disseram que a dupla está ansiosa para demonstrar que seu relacionamento melhorou desde a primeira cúpula, com suas linguagens corporais estreitamente refletindo um ao outro.

    0

    0

    9

    2 M

    Placeholder - loading - Imagem da notícia Para equipe econômica, garantir aprovação da reforma da Previdência é mais importante que tramitação rápida

    Para equipe econômica, garantir aprovação da reforma da Previdência é mais importante que tramitação rápida

    Por Ricardo Brito

    BRASÍLIA (Reuters) - A equipe econômica do governo do presidente Jair Bolsonaro quer garantir a aprovação da reforma da Previdência, mesmo diante da constatação de que a proposta terá uma tramitação na Câmara dos Deputados mais lenta do que se esperava --o que contribuiu para a forte queda da Bolsa de Valores e a alta do dólar nesta quarta-feira--, disse à Reuters uma fonte da área.

    Líderes partidários afirmaram mais cedo que há consenso na Câmara contra eventual apensamento da nova reforma à Proposta de Emenda à Constituição (PEC) já enviada à Casa pelo ex-presidente Michel Temer sobre o tema --esse texto está pronto para ser votado em plenário.

    O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), já deu declarações públicas e também em conversas com parlamentares destacando que não haverá qualquer espécie de atropelo regimental para acelerar a tramitação da proposta.

    Na prática, isso significa que não deve haver uma abreviação do rito de tramitação e a reforma de Bolsonaro terá de passar pelas comissões de Constituição e Justiça (CCJ) e especial para analisar a matéria e, somente após isso, chegará ao plenário da Câmara.

    Essa mudança não preocupa a equipe econômica, segundo a fonte, porque o importante é o resultado final, isto é, o governo ter os votos suficientes para aprovar a reforma. São necessários os votos de pelo menos 308 dos 513 deputados para a proposta ser aprovada, em dois turnos de votação.

    Na equipe econômica, disse a fonte, o próprio Maia tem sido visto como uma espécie de fiador da reforma na Câmara, com capacidade de arregimentar votos na base aliada e ainda conversar com a oposição, com quem --apesar da resistência dela à proposta-- tem trânsito há anos.

    MINUTA

    O vazamento na segunda-feira de um dos cenários feitos para a reforma preocupou a equipe econômica, avaliou a fonte. Isso porque, embora o mercado tenha reagido positivamente à contundência do texto (com forte impacto fiscal, se for aprovado), ele ainda não tinha sido chancelado por Bolsonaro e o vazamento também poderia abrir margem para a oposição de setores organizados contra a proposta, como ocorreu na reforma de Temer, considerou a fonte.

    Representantes do mercado financeiro chegaram a procurar integrantes da equipe econômica para entender o vazamento, informou a fonte.

    Essa equipe destacou nas conversas com representantes do mercado que a minuta era uma dos cenários em estudo há pelo menos uma semana. Destacaram que ela não foi vazada por eles para forçar uma negociação mais dura do texto que será referendado por Bolsonaro para ser encaminhado ao Congresso Nacional.

    0

    0

    31

    3 M

    Placeholder - loading - Imagem da notícia Michael Bublé alcança o topo do parada

    Michael Bublé alcança o topo do parada

    No dia 16 de novembro, Michael Bublé voltou aos holofotes com o álbum Love. O artista estava há dois anos afastado para cuidar de sua família. O seu filho Noah, hoje com cinco anos, teve câncer de fígado e o cantor, e a esposa Luisiana Lopilato, decidiram se dedicar exclusivamente ao tratamento da criança e dos cuidados com os outros filhos.

     

    Após o lançamento do disco, o músico alcançou a primeira posição da parada do Reino Unido. Love vendeu o equivalente a 66.794 cópias do trabalho, sendo 88% delas em CDs e apenas 8 mil e 500 a mais que o segundo lugar: Delta, dos Mumford & Sons.

     

    O terceiro lugar, LM5, do Little Mix também era um forte concorrente para liderar a parada. O top 10 teve ainda as estreias dos novos trabalhos da boyband Boyzone e do veterano Paul Heaton (em sexto e 10°).

     

    Este é o oitavo CD da carreira de Bublé, conhecido por diversas baladas românticas, como "Home" e "Haven't met you yet". "I only have eyes on you" é o primeiro single do novo trabalho.

     

    Confira o Top 10 do ranking britânico a seguir:

     

    01) “Love” – Michael Bublé (lançamento)

    02) “Delta” – Mumford & Sons (lançamento)

    03) “LM5” – Little Mix (lançamento)

    04) “O Rei do Show” – Trilha Sonora (3-4)

    05) “Bohemian Rhapsody” – Trilha Sonora (11-5)

    06) “Thank You & Good Night” – Boyzone (lançamento)

    07) “Si” – Andrea Bocelli (-)

    08) “Nasce Uma Estrela” – Trilha Sonora (6-8)

    09) “You Know I Know” – Olly Murs (2-9)

    10) “The Last King of Pop” – Paul Heaton (lançamento)

     

    16

    0

    305

    5 M

    Fique por dentro

    de tudo o que acontece nos bastidores do mundo da música, desde lançamentos, shows, homenagens, parcerias e curiosidades sobre o seu artista favorito. A vinda de artistas ao Brasil, cantores e bandas confirmadas no Lollapalooza e no Rock in Rio, ações beneficentes, novos álbuns, singles e clipes. Além disso, você acompanha conosco a cobertura das principais premiações do mundo como o Oscar, Grammy Awards, BRIT Awards, American Music Awards e Billboard Music Awards. Leia as novidades sobre Phil Collins, Coldplay, U2, Jamiroquai, Tears for Fears, Céline Dion, Ed Sheeran, A-ha, Shania Twain, Culture Club, Spice Girls, entre outros. Aproveite também e ouça esses e outros artistas no aplicativo da Rádio Antena 1, baixe na Apple Store ou Google Play e fique sintonizado.

    1. Home
    2. noticias
    3. tags
    4. sucesso

    Este site usa cookies para garantir que você tenha a melhor experiência.