alexametrics
Capa do Álbum: Antena 1
ANTENA 1A RÁDIO ONLINE MAIS OUVIDA DO BRASIL

    NOTÍCIAS SOBRE tregua

    Veja essas e outras notícias da Antena 1

    Placeholder - loading - Imagem da notícia Taliban rejeita trégua no Afeganistão e sequestra 200 pessoas em ônibus

    Taliban rejeita trégua no Afeganistão e sequestra 200 pessoas em ônibus

    Por Abdul Qadir Sediqi e Rupam Jain

    CABUL (Reuters) - O Taliban rejeitou nesta segunda-feira uma oferta de cessar-fogo do governo do Afeganistão e continuará com seus ataques, disseram dois comandantes militantes do grupo, e insurgentes emboscaram três ônibus e sequestraram quase 200 pessoas que viajavam de férias.

    Os dois comandantes do Taliban disseram que seu líder supremo recusou a oferta de três meses de trégua feita pelo presidente afegão, Ashraf Ghani, no domingo, que começaria nesta semana no feriado muçulmano de Eid al-Adha.

    Em junho o Taliban respeitou um cessar-fogo do governo durante os três dias do festival Eid al-Fitr, o que levou a cenas inéditas de soldados e militantes se abraçando nas linhas de frente e aumentou a esperança de negociações.

    Mas um dos comandantes do Taliban disse que a pausa de junho só ajudou as forças dos Estados Unidos, que o Taliban está tentando expulsar do país, e o líder do grupo, o xeique Haibatullah Akhunzada, rejeitou a nova oferta alegando que só ajudaria a missão liderada pelos norte-americanos.

    'Nossa liderança sente que eles prolongarão sua estadia no Afeganistão se anunciarmos um cessar-fogo agora', disse um comandante do alto escalão do Taliban, que não quis ser identificado, por telefone.

    Uma autoridade do gabinete de Ghani disse que a trégua de três meses declarada por Cabul era condicional e que, se o Taliban não a cumprisse, o governo manteria suas operações militares.

    O Taliban lançou uma onda de ataques em várias partes do país nas últimas semanas, inclusive na cidade de Ghazni, ao sudoeste de Cabul. Centenas de pessoas morreram nos combates.

    A rejeição do cessar-fogo de Ghani veio no momento em que autoridades do governo tentam obter a libertação de ao menos 170 civis e 20 membros das forças de segurança que foram raptados pelo Taliban em três ônibus em Kunduz, província do norte do país.

    Esmatullah Muradi, porta-voz do governador de Kunduz, disse que o sequestro ocorreu quando os veículos atravessavam Kunduz depois de partirem da província de Takhar rumo à capital Cabul.

    'Os ônibus foram parados pelos combatentes do Taliban, os passageiros foram forçados a descer e foram levados a um local desconhecido', disse Muradi.

    O Taliban confirmou ter capturado 'três ônibus cheios de passageiros'.

    'Decidimos tomar os ônibus depois que nossas informações de inteligência revelaram que muitos homens que trabalham com forças de segurança afegãs estavam viajando a Cabul', disse Zabihullah Mujahid, porta-voz do Taliban, por telefone.

    (Reportagem adicional de Jibran Ahmad, em Peshawar)

    LER NOTICIA
    Placeholder - loading - Imagem da notícia Israel e Hamas acertam trégua para encerrar confrontos em Gaza, dizem palestinos

    Israel e Hamas acertam trégua para encerrar confrontos em Gaza, dizem palestinos

    Por Nidal al-Mughrabi e Eli Berlzon

    GAZA/SDEROT, Israel (Reuters) - Israel e o Hamas, grupo palestino que controla a Faixa de Gaza, concordaram com uma trégua nesta quinta-feira, disseram duas autoridades palestinas, em um entendimento de que irá encerrar um agravamento em confrontos que geraram ameaças mútuas de guerra.

    Não houve comentário formal de Israel, mas uma autoridade israelense que falou sob condição de anonimato negou que um cessar-fogo havia sido feito. Israel raramente reconhece qualquer tipo de acordo com o Hamas, um grupo que classifica como uma organização terrorista e contra o qual lutou três guerras na última década.

    Um aumento em ataques aéreos e de foguetes entre as fronteiras nas semanas recentes fizeram com que a Organização das Nações Unidas e o Egito tentassem mediar uma trégua para impedir outro conflito em larga escala.

    Na noite de quarta-feira e nesta quinta-feira, aeronaves israelenses atingiram mais de 150 alvos em Gaza e militantes palestinos dispararam dezenas de foguetes, incluindo um míssil de longa distância contra Israel, aumentando disputas apesar das conversas de trégua em andamento.

    “Esforços egípcios conseguiram restaurar a calma entre facções palestinas e Israel que irá encerrar o agravamento atual”, disse uma autoridade palestina, que também falou em condição de anonimato. “Facções palestinas irão respeitar a calma enquanto Israel fizer isto”, acrescentou à Reuters.

    Uma segunda autoridade palestina com conhecimento das conversas disse que o cessar-fogo iria começar às 17h45, no horário de Brasília.

    Abu Mujahed, porta-voz dos Comitês de Resistência Popular, uma facção menor em Gaza, disse em sua página no Facebook: “Em consequência de esforços egípcios e internacionais, um cessar-fogo entre resistência palestina começou condicional ao comprometimento da ocupação”.

    Horas antes, após o ataque palestino com míssil de longo alcance – o primeiro do tipo desde uma guerra em 2014, ataques aéreos israelenses foram retomados após uma breve pausa, destruindo um prédio que o Exército israelense descreveu como uma sede do Hamas.

    Uma palestina grávida e seu filho de 18 meses foram mortos nos ataques israelenses durante a noite de quarta-feira, assim como um militante do Hamas, disseram autoridades médicas de Gaza. Centenas de pessoas participaram do funeral da mulher e da criança.

    O Exército israelense informou que sete pessoas ficaram feridas por foguetes e morteiros palestinos, e que sua aeronave havia atingido mais de 150 alvos do Hamas durante a noite, enquanto mais de 180 foguetes e morteiros palestinos atingiram o sul de Israel.

    A 40 quilômetros da fronteira, sirenes de ataques aéreos soavam na principal cidade do sul de Israel, Beersheba.

    A rádio militar israelense informou que militantes palestinos haviam disparado um míssil Grad capaz de atingir o centro de Israel. A polícia disse ter encontrado seus restos em uma área aberta nos arredores da cidade de 200 mil habitantes e que ninguém ficou ferido.

    Israel respondeu ao atingir o prédio, primeiro com pequenas bombas aparentemente para que pessoas se retirassem, e então destruindo o prédio com uma grande explosão que abalou a cidade e levantou nuvens de poeira e fumaça

    Moradores disseram que o prédio funcionava principalmente como um centro cultural. Autoridades locais da saúde disseram que 18 transeuntes ficaram feridos na explosão. O Hamas negou que usava o prédio.

    LER NOTICIA

    Fique por dentro

    de tudo o que acontece nos bastidores do mundo da música, desde lançamentos, shows, homenagens, parcerias e curiosidades sobre o seu artista favorito. A vinda de artistas ao Brasil, cantores e bandas confirmadas no Lollapalooza e no Rock in Rio, ações beneficentes, novos álbuns, singles e clipes. Além disso, você acompanha conosco a cobertura das principais premiações do mundo como o Oscar, Grammy Awards, BRIT Awards, American Music Awards e Billboard Music Awards. Leia as novidades sobre Phil Collins, Coldplay, U2, Jamiroquai, Tears for Fears, Céline Dion, Ed Sheeran, A-ha, Shania Twain, Culture Club, Spice Girls, entre outros. Aproveite também e ouça esses e outros artistas no aplicativo da Rádio Antena 1, baixe na Apple Store ou Google Play e fique sintonizado.

    1. Home
    2. noticias
    3. tags
    4. tregua

    Este site usa cookies para garantir que você tenha a melhor experiência.