alexametrics
Capa do Álbum: Antena 1
ANTENA 1A RÁDIO ONLINE MAIS OUVIDA DO BRASIL

    NOTÍCIAS SOBRE ultimachance

    Veja essas e outras notícias da Antena 1

    Placeholder - loading - Imagem da notícia May submete acordo simplificado do Brexit a 'última chance' no Parlamento

    May submete acordo simplificado do Brexit a 'última chance' no Parlamento

    Por William James e Kylie MacLellan e Elizabeth Piper

    LONDRES (Reuters) - A primeira-ministra do Reino Unido, Theresa May, submeteu uma versão simplificada do acordo para a desfiliação britânica da União Europeia a uma votação no Parlamento nesta sexta-feira, na tentativa de romper o impasse sobre o Brexit após duas derrotas.

    A votação, que acontece no dia em que o país sairia da UE oficialmente, ilustra a profundidade da crise de três anos do Brexit, e ainda não se sabe como, quando ou sequer se o Reino Unido se separará algum dia.

    Os parlamentares votarão por volta das 11h30 (horário de Brasília) o Acordo de Saída de 585 páginas de May, mas não a Declaração Política de 26 páginas sobre as relações futuras, em uma manobra para contornar um impedimento à apresentação repetida do mesmo documento a uma votação.

    'De fato é a última chance que temos para votar no Brexit como o entendemos', disse Liam Fox, ministro do Comércio pró-Brexit.

    Fox disse existir, entre os apoiadores do Brexit no Parlamento, o temor de que o divórcio do bloco seja frustrado -- uma medida que, segundo ele, criaria 'um abismo de desconfiança' entre os eleitores e os líderes políticos.

    Para vencer a votação, May precisa do apoio de dezenas de parlamentares pró-Brexit de seu próprio partido e de mais de 20 parlamentares do Partido Trabalhista, de oposição.

    O presidente do Parlamento, John Bercow, disse que a casa não votará nenhuma emenda, mas o advogado-geral, Geoffrey Cox, insinuou que o governo teria aceitado uma proposta do parlamentar trabalhista Gareth Snell para aumentar o poder do Legislativo sobre a segunda fase das conversas.

    Mas o Partido Unionista Democrático da Irlanda do Norte (DUP), que sustenta o governo de minoria de May, disse que não mudará de ideia e que seus 10 parlamentares votarão contra o acordo.

    Enquanto a premiê busca salvar seu pacto e alguns parlamentares tentam assumir o controle do processo, milhares de defensores da separação planejam protestar no centro de Londres com uma marcha sobre a 'Traição do Brexit' liderada pelo ativista Nigel Farage que terminará diante do Parlamento.

    Em meio ao caos, May combinou com a UE adiar o Brexit de 29 de março, a data planejada originalmente, para 12 de abril, e existe um novo adiamento para 22 de maio na mesa se ela conseguir que os parlamentares ratifiquem seu pacote de saída nesta semana.

    A libra esterlina caiu para 1,3004 dólar, seu menor valor em três semanas.

    Na quarta-feira, May prometeu renunciar se seu acordo for aprovado, mas nem isso convenceu de imediato muitos parlamentares pró-Brexit de seu partido.

    (Reportagem adicional de Kate Holton)

    10

    2 M

    Placeholder - loading - Imagem da notícia Líderes da UE dão 'última chance' ao Reino Unido para Brexit organizado

    Líderes da UE dão 'última chance' ao Reino Unido para Brexit organizado

    Por Alastair Macdonald e Thomas Escritt

    BRUXELAS (Reuters) - Líderes da União Europeia disseram nesta sexta-feira que o Reino Unido tem uma última chance de deixar o bloco de modo organizado, após darem ao Parlamento britânico prazo até 12 de abril para aprovarem um plano ou escolherem a separação sem um acordo.

    Ao chegar para o segundo dia de uma cúpula dominada por conversas sobre a saída do Reino Unido, o primeiro-ministro belga, Charles Michel, disse que espera por uma decisão racional dos parlamentares britânicos em apoio ao acordo que May deliberou com Bruxelas.

    As preparações para uma retirada sem acordo, na qual o Reino Unido enfrentaria súbitas barreiras comerciais e restrições aos negócios, entretanto, ainda estavam em andamento, disse Michel a repórteres.

    'Essa provavelmente é a última chance para o Reino Unido informar o que quer para o futuro,' disse Michel. 'Mais do que nunca, isso está nas mãos do Parlamento britânico,' afirmou, acrescentando que os 27 líderes da UE não estavam cegos para os riscos de não haver acordo.

    O primeiro-ministro de Luxemburgo, Xavier Bettel, disse que acredita que May, que não compareceu ao segundo dia da cúpula, tem 50 por cento de chance de conseguir aprovar o acordo na Câmara dos Comuns.

    'Para mim, a esperança é a última que morre', disse Bettel.

    Na quinta-feira, sete horas de debate na cúpula mantiveram uma série de opções em aberto para os líderes, que dizem lamentar a decisão do Reino Unido de deixar o bloco, mas estar ansiosos para prosseguir em relação ao que consideram uma distração.

    18

    2 M

    Placeholder - loading - Imagem da notícia Messi fracassa em provável última chance com a seleção argentina

    Messi fracassa em provável última chance com a seleção argentina

    Por Mark Gleeson

    NIZHNY NOVGOROD, Rússia (Reuters) - A provável última chance de Lionel Messi somar um grande título pela seleção argentina a uma carreira repleta de troféus individuais e conquistas pelo Barcelona escapou com a eliminação da Argentina da Copa do Mundo da Rússia neste sábado.

    Na semana de seu aniversário de 31 anos, Messi teve novamente uma atuação praticamente apagada na derrota por 4 x 3 para a França pelas oitavas de final do Mundial da Rússia, em Kazan. 

    Jogando na chamada posição de falso nove , Messi fechou um torneio decepcionante com mais um desempenho abaixo do esperado na Arena Kazan.

    Temos o melhor jogador do mundo e tínhamos que tentar criar situações coletivas para realmente usar esse jogador que pode ter muitos momentos brilhantes , disse o técnico da Argentina, Jorge Sampaoli, a jornalistas. 

    Tentamos muitas táticas diferentes -- cercá-lo, criar espaço para ele ... tentamos usar tudo que tínhamos para que ele conseguisse fazer o que ele pode fazer. Algumas vezes conseguimos, outras vezes não , reconheceu.

    Foi a quarta Copa do Mundo para Messi, que assegurou um lugar na história do torneio com um belo gol contra a Nigéria na fase de grupos que o tornou o primeiro jogador a marcar gols em Mundiais com menos de 20 anos, na case dos 20 e na casa dos 30.

    Mas o gol da coxa de Deus se provou o único destaque para o homem por muitos considerado um dos maiores de todos os tempo. Um passe de longa distância foi controlado com a coxa, e a bola preparada antes de tocar o campo para ser finalizada com o pé direito, do outro lado do goleiro -- mais um gol impressionante que marca uma carreira estrelar. 

    Essa pode ser a última imagem positiva de Messi vestindo a camisa listrada de branco e azul claro. O argentino provavelmente não deve jogar mais por seu país, tendo já saído de uma primeira aposentadoria da seleção após perder um pênalti na final da Copa América há dois anos. 

    Apesar de 128 participações na Argentina, representar seu país têm parecido cada vez mais complicado para Messi, em oposição à alegria que o jogador apresenta nas cores do Barcelona. 

    Mesmo saindo de mais uma temporada extraordinária com o Barça, nunca foi certeza que Messi conseguiria repetir o desempenho com sua seleção, e a Rússia quase não notou sua presença. 

    O histórico de Messi com a Argentina têm quatro finais em oito grandes torneios, mas nunca uma medalha de campeão. 

    Por três vezes ele esteve entre os perdedores na final da Copa América, além de ter levado a Argentina à final da última Copa do Mundo, onde a seleção perdeu para a Alemanha no Rio de Janeiro. 

    Discussões sobre se Messi ou seu rival Cristiano Ronaldo são os melhores jogadores da história inevitavelmente apresentarão o fato de o argentino nunca ter conquistado um título com sua seleção, principalmente porque Cristiano conquistou a Eurocopa com Portugal há dois anos atrás.

    34

    11 M

    Fique por dentro

    de tudo o que acontece nos bastidores do mundo da música, desde lançamentos, shows, homenagens, parcerias e curiosidades sobre o seu artista favorito. A vinda de artistas ao Brasil, cantores e bandas confirmadas no Lollapalooza e no Rock in Rio, ações beneficentes, novos álbuns, singles e clipes. Além disso, você acompanha conosco a cobertura das principais premiações do mundo como o Oscar, Grammy Awards, BRIT Awards, American Music Awards e Billboard Music Awards. Leia as novidades sobre Phil Collins, Coldplay, U2, Jamiroquai, Tears for Fears, Céline Dion, Ed Sheeran, A-ha, Shania Twain, Culture Club, Spice Girls, entre outros. Aproveite também e ouça esses e outros artistas no aplicativo da Rádio Antena 1, baixe na Apple Store ou Google Play e fique sintonizado.

    1. Home
    2. noticias
    3. tags
    4. ultimachance

    Este site usa cookies para garantir que você tenha a melhor experiência.