Capa do Álbum: Antena 1
A Rádio Online mais ouvida do Brasil
Antena 1
    Veja todas as Notícias.

    Agências nacionais devem estudar efeitos colaterais de vacinas, diz OMS

    Placeholder - loading - news single img
    FILE PHOTO: A logo of the World Health Organization (WHO), is seen before a news conference in Geneva, Switzerland, June 25, 2020. REUTERS/Denis Balibouse/File Photo

    Publicada em  

    GENEBRA (Reuters) - Quaisquer efeitos colaterais de vacinas contra Covid-19 devem ser estudados por autoridades nacionais, disse a Organização Mundial da Saúde (OMS) nesta sexta-feira quando indagada a respeito do alerta do Reino Unido para que pessoas com histórico de anafilaxia evitem a vacina da Pfizer-BioNTech.

    'Mas as pessoas não deveriam ficar muito preocupadas. Lembrem que existem várias candidatas a vacina aparecendo ao mesmo tempo', disse a porta-voz da OMS, Margaret Harris, em uma entrevista coletiva da ONU em Genebra.

    'Uma vacina pode não ser adequada para certos indivíduos, mas você pode muito bem descobrir que outra vacina é.'

    Na terça-feira, o Reino Unido se tornou o primeiro país a distribuir a vacina da Pfizer-BioNTech. Subsequentemente, sua agência reguladora disse que pessoas com histórico de anafilaxia ao ingerir um remédio ou alimento não deveriam recebê-la, já que duas delas relataram incidentes de reação.

    Na quinta-feira, uma comissão de conselheiros externos da FDA, a agência de alimentos e medicamentos dos Estados Unidos, votou majoritariamente a favor do uso emergencial da vacina nos EUA, abrindo caminho para a agência autorizar o medicamento para um país que já perdeu mais de 285 mil vidas para a Covid-19.

    A OMS está analisando dados de testes de estágio avançado de muitas candidatas a vacina contra Covid-19, disse Harris. A agência ainda não emitiu uma autorização de uso emergencial para nenhuma vacina, mas 'a principal coisa que analisamos é a segurança', acrescentou.

    (Por Stephanie Nebehay e Emma Farge)

    Escrito por Reuters

    1. Home
    2. noticias
    3. agencias nacionais devem …

    Este site usa cookies para garantir que você tenha a melhor experiência.