alexametrics
Capa do Álbum: Antena 1
ANTENA 1A RÁDIO ONLINE MAIS OUVIDA DO BRASIL

    Célula existente no organismo pode combater o câncer

    O linfócito possui um receptor que detecta e ataca células cancerígenas

    Placeholder - loading - news single img
    Novo método para tratamento de câncer está em fase de teste. Crédito da imagem: iStock

    Publicada em  

    O sistema imunológico pode se tornar uma arma contra infecções e, até mesmo, para o tratamento de vários tipos de câncer. A descoberta foi feita por uma equipe de cientistas da Universidade de Cardiff, no País de Gales.

    Os pesquisadores encontraram uma célula T, que possui um novo tipo de receptor. Ele identifica e ataca células cancerígenas, salvando as saudáveis.

    Este linfócito T tem a finalidade de escanear o organismo em busca de ameaças que devem ser eliminadas do corpo.

    As células imunológicas possuem uma superfície que permite identificar um nível químico. Assim, é possível destruir uma gama de células cancerosas na pele, no cólon, nos ossos, na próstata, no sangue, nos rins e na coluna cervical.

    De acordo com os cientistas, o receptor da célula T interage com uma molécula, denominada MR1. No entanto, o processo em que o linfócito “ataca” outras células ainda não foi compreendido pelos pesquisadores.

    Vale lembrar que terapias com a célula T já existem.

    Para o tratamento do câncer, a ideia é retirar uma amostra de sangue do paciente que esteja com a doença. A partir daí, as células T seriam extraídas e modificadas geneticamente, com o objetivo de construir o receptor que encontrará os tumores. Antes disso, os linfócitos seriam cultivados em laboratórios.

    Por enquanto, a pesquisa da Universidade de Cardiff foi testada apenas em animais. Os testes em humanos devem ser realizados quando os cientistas desenvolverem mais etapas da pesquisa.

    1. Home
    2. noticias
    3. celula existente no organismo …

    Este site usa cookies para garantir que você tenha a melhor experiência.