Capa do Álbum: Antena 1
A Rádio Online mais ouvida do Brasil
Antena 1
Ícone seta para a esquerda Veja todas as Notícias.

Cigarros “light” são os que mais causam problemas à saúde

Um estudo americano publicado recentemente revelou que os cigarros “light” são mais perigosos para a saúde que os normais.

Placeholder - loading - Imagem da noticia "Cigarros “light” são os que mais causam problemas à saúde"

Publicada em  

Cientistas de cinco centros de pesquisas sobre o câncer nos Estados Unidos concluíram que cigarros "light", que têm filtros perfurados, explicariam o aumento nos últimos 50 anos do adenocarcinoma pulmonar. Este tipo de câncer é o mais comum entre os fumantes atualmente.

Os filtros com furos de ventilação foram lançados no mercado há meio século. “Eles foram projetados para enganar os fumantes e as autoridades de saúde pública”, afirmou o doutor Peter Shields, diretor adjunto do Centro Oncológico Integral da Universidade do Estado de Ohio e um dos principais autores do estudo público na revista do Instituto Nacional do Câncer.

“A análise dos nossos dados sugere claramente uma relação entre o número de buracos agregados aos filtros dos cigarros e um aumento nas taxas de adenocarcinomas pulmonares nos últimos 20 anos”, afirma o pesquisador.

Os cientistas avaliam que os filtros perfurados fazem inalar mais fumaça com taxas mais concentradas de carcinógenos e outras toxinas. “Estes filtros modificam a combustão do tabaco, o que produz mais carcinógenos na forma de partículas finas que chegam às partes mais profundas dos pulmões, onde costumam se desenvolver mais os adenocarcinomas”, continuou Shields.

Atualmente, as empresas fabricantes de tabaco são proibidas de colocar nos pacotes de cigarros e em anúncios as palavras “light” e “baixo conteúdo de alcatrão”. Mas os pesquisadores acreditam que o resultado do último estudo deveria fazer com que a agência dos Estados Unidos que supervisiona os alimentos e medicamentos, a FDA, regulasse ou proibisse totalmente os filtros ventilados.

Mesmo assim, especialistas consideram necessárias mais investigações para confirmar que a eliminação dos buracos nos filtros não se traduziria em um aumento de dependência da nicotina ou em uma maior exposição aos agentes tóxicos dos cigarros.

Para ler mais notícias, curta a página Antena 1 News no Facebook!

Escrito por Redação

Últimas Notícias

Placeholder - loading - Imagem da notícia Adele conta a história de “Hello”

Adele conta a história de “Hello”

Adele, em entrevista à revista ELLE, contou as histórias de suas composições. A estrela dividiu suas inspirações e experiencias ao mergulhar na criatividade para criar as mais belas músicas.

“Eu acho que minhas letras provavelmente mudaram ao longo do tempo em questão de crescimento de vocabulário, considerando que comecei com 19 anos. Definitivamente eu li mais LINK desde aquela época, então acho que minha imaginação floresceu”, contou Adele.

“Eu lembro, quando tinha 19 anos, que eu usava muito a palavra ‘por que’. É tão preguiçoso. Uma vez eu estava em um estúdio com a Sia e ela medisse para não usar essa palavra assim, para não ser preguiçosa”.

Easy On Me

“Ela me fala sobre o quão perdida eu estava quando eu saí de meu casamento. Muitos amigos eu estavam comigo nesse período da sua vida disseram que eu tinha que pegar leve comigo e não me cobrar tanto de minhas decisões e coisas assim. Me diziam que eu tinha que me dar um tempo e era realmente isso”, contou a cantora sobre o processo para compor esse sucesso.

Hello

“A canção fala sobre um estranhamento comigo mesma. Eu falava da mudança que minha vida tinha sofrido com a fama e com a chegada de um filho. Quando um filho chega ele muda todas as suas perspectivas e essa música é sobre isso. É uma pergunta de quem sou eu, mas não me sinto mais assim”, explicou a cantora, que diz ser uma ótima canção

Chansing Paper

“Eu tinha terminado com meu namorado e correndo para arrumar uns papéis na cidade e ninguém estava atras de mim, falando de relacionamentos, então era só eu atrás dos papeis”, contou Adele

All I Ask

“Tão dramática, eu escrevi essa música com Bruno Mars e foi um dos melhores momentos da minha vida. Ela fala sobre como pessoas que se amam em um relacionamento podem acabar se odiando tanto. Ela também fala sobre o fechamento que precisa ter no final de uma relação”.

A cantora também falou de outras canções e você pode ver a entrevista inteira a baixo.

Veja também

GEORGE EZRA DIZ QUE PODE SE AFASTAR DOS HOLOFOTES DEPOIS DE SUA TURNÊ

“LINKEE”: JOGO GANHA NOVA VERSÃO DO CANTOR NICK JONAS

8 H
  1. Home
  2. noticias
  3. cigarros light sao os que …

Este site usa cookies para garantir que você tenha a melhor experiência.