alexametrics
Capa do Álbum: Antena 1
ANTENA 1A RÁDIO ONLINE MAIS OUVIDA DO BRASIL

    Com dias mais quentes, número de casos de dengue aumenta em São Paulo

    A campanha contra a doença deve acontecer apenas no mês que vem.

    Placeholder - loading - news single img
    Mosquito do Aedes aegypti (Foto: Divulgação)

    2696

    Publicada em  

    Se lá nos Estados Unidos um vírus raro tem deixado a população em alerta para os mosquitos, aqui no Brasil a dengue é que preocupa. Com a chegada de dias mais quentes, a proliferação do Aedes aegypti fica mais fácil.

    Neste ano, foram registrados quase 1,5 milhão de casos no país, o maior patamar desde 2015, segundo dados oficiais.

    Na cidade de São Paulo, os casos da doença aumentaram quase 28 vezes este ano, na comparação com os doze meses de 2018. Enquanto no ano passado foram 586 notificações, em 2019, só até setembro, já são mais de 16 mil. Os dados foram divulgados pela Coordenadoria de Vigilância em Saúde (Covisa).

    Com a chegada do período chuvoso, a partir deste mês, as notificações tendem a aumentar ainda mais. E um novo vírus tem circulado, o tipo 2. Ou seja, quem já pegou dengue, pode pegar a doença novamente, transmitida por um outro tipo de vírus.

    O período mais quente começou bem mais cedo na capital paulista e a campanha contra a dengue deve ser lançada apenas entre a 2° e a 3° semana do mês que vem. Nos outros anos, ela acostumava se realizada em novembro pelo Ministério da Saúde.

    Em julho, as cidades que tiveram os maiores números de casos ficam nas regiões mais quentes do Estado, como Votuporanga (496 casos), Rio Preto (312), Presidente Prudente (274) e Araçatuba (240). Fora dessas regiões houve 357 casos em Campinas e 316 na capital.

     

     

    1. Home
    2. noticias
    3. com dias mais quentes numero …

    Este site usa cookies para garantir que você tenha a melhor experiência.