Capa do Álbum: Antena 1
A Rádio Online mais ouvida do Brasil
Antena 1
    Veja todas as Notícias.

    Conheça porto robotizado em funcionamento na China

    Seres humanos são parte importante do processo

    Placeholder - loading - Porto em cidade no noroeste da China se destaca. Crédito: iStock
    Porto em cidade no noroeste da China se destaca. Crédito: iStock

    Publicada em  

    Na China, um porto chama a atenção. Esse é o primeiro terminal de contêineres totalmente automatizado da Ásia e um dos mais avançados do mundo. Seres humanos estão presentes no local em uma área considerada pequena, de 660 metros, porém, desempenham função crucial, atuam supervisionando as tarefas por meio de um centro de controle, de acordo com informação publicada pelo site argentino, ‘’La Nacion’’.

    O local, que fica em Qianwan, noroeste do país asiático, foi inaugurado em maio de 2017. Depois de uma obra feita em só três anos, um ano a menos do que o habitual.

    O lugar comporta os maiores contêineres do planeta, capazes de transportar mais de 20 mil toneladas.

    Como funciona

    Vários tipos de tecnologia fazem o ambiente funcionar perfeitamente… Uma série de braços robóticos solta e âncora cada caixa metálica, sete gruas sem nenhum operário desembarcam as imensas estruturas do barco na terra, 38 veículos autônomos elétricos fazem o transporte preciso.

    Mais gruas são usadas na última fase do processo, antes do carregamento dos caminhões que vão abastecer o destino final. Aliás, as portas desses automóveis, também, são automáticas, e reconhecem cada enorme peça para evitar erros.

    Um dos detalhes mais interessante com esse tipo de operação: os custos laborais foram reduzidos em 70% e a produtividade aumentou em 30%.

    Antes eram necessários cerca de 60 colaboradores para descarregar as embarcações e agora são apenas nove, que controlam tudo a partir da sala computadorizada.

    Outro diferencial: por lá, eles utilizam leitores movidos a laser para localizar de modo certeiro todos os pontos de ancoragem no canto dos contêineres, assim, conseguem trabalhar em total escuridão. Ou seja, até de noite, mantêm o mesmo ritmo operacional.

    Últimas Notícias

    Placeholder - loading - Imagem da notícia ‘Cry Maho’: novo filme de Clint Eastwood fala sobre o significado do sucesso

    ‘Cry Maho’: novo filme de Clint Eastwood fala sobre o significado do sucesso

    Neste mês de setembro foi lançado Cry Macho, o mais novo filme do consagrado ator e diretor, Clint Eastwood. Mesmo com 91 anos e com uma certa fragilidade na aparência, o astro se mostra incansável, chegando a montar a cavalo e cavalgar em uma cena. “Trate o cavalo como um amigo e ele vai cuidar de você", disse sobre a tensão sentida por todos no set ao verem um homem dessa idade subir no animal.

    No longa, Clint assume o papel de Mike Milo, um ex-peão de rodeio que está velho e bem distante de seus dias de glória. Devendo um favor a seu chefe, Mike aceita a tarefa de resgatar seu filho, Rafo, de sua mãe abusiva. O único porém é que o garoto mora no México.

    A obra, baseada no livro homônimo de 1975 escrito por N. Richard Nash, já teve outras diversas tentativas frustradas de adaptação para as telonas, das quais se destacam duas: uma que seria estrelada por Roy Scheider (ator de Tubarão) em 1991 e uma por Arnold Schwarzenegger em 2011, após seu mandato como governador da Califórnia. 

    Durante a produção, que sofreu com a pandemia do coronavírus, houve um grande susto com a ocorrência de um caso de infecção entre uma das atrizes - que, felizmente, era um falso positivo e não atrapalhou o processo de filmagem.

    Cry Macho está em cartaz nos cinemas e disponível no serviço de streaming HBO Max. Veja o trailer:

    Clint Eastwood e sua trajetória em Hollywood

    Eastwood começou sua carreira em 1955, mas ascendeu ao estrelato com seus papéis em filmes de faroeste, como a consagrada Trilogia dos Dólares do diretor italiano Sergio Leone, com Por um Punhado de Dólares (1964), Por uns Dólares a Mais (1965) e Três Homens em Conflito (1966)

    Tal como em suas últimas realizações como diretor, como Gran Torino (2008) e A Mula (2018), ele aproveita para refletir a relação entre o Clint ícone - imponente e classicamente sério - e o Clint homem, agora mais velho e com a simples preocupação de contar uma história.

    Dê play no vídeo abaixo para conferir os trailers de Gran Torino (2008) e A Mula (2018):

    ‘Gran Torino’ (2008) 



    ‘A Mula’ (2018)

    24 min
    1. Home
    2. noticias
    3. conheca porto robotizado em …

    Este site usa cookies para garantir que você tenha a melhor experiência.