alexametrics
Capa do Álbum: Antena 1
ANTENA 1A RÁDIO ONLINE MAIS OUVIDA DO BRASIL

    Consórcio de Pátria Investimentos e GIC oferece R$1,1 bi e vence leilão de rodovias em SP

    Placeholder - loading - news single img
    O consórcio liderado pelo Pátria Investimentos venceu nesta quarta-feira leilão das Rodovias Piracicaba-Panorama, no Estado de São Paulo, oferecendo outorga de 1,1 bilhão de reais. REUTERS/Aluisio Alv

    Publicada em  

    Atualizada em  

    Por Aluisio Alves

    SÃO PAULO (Reuters) - O consórcio formado por Pátria Investimentos e o fundo soberano de Cingapura venceu nesta quarta-feira leilão das Rodovias Piracicaba-Panorama, no Estado de São Paulo, oferecendo outorga de 1,1 bilhão de reais e superando o grupo Ecorodovias, que ofereceu 527 milhões de reais. O lance mínimo do leilão era de 15 milhões de reais.

    O leilão realizado na B3 envolve 1.273 quilômetros de estradas e segundo o governo paulista representou a maior malha já licitada em um único lote no país.

    Representantes do Pátria não comentaram a vitória e não foi possível contatar o representantes do GIC. O grupo de investimento havia tentado obter a concessão da Rodovia de Integração do Sul (RIS) em leilão do governo federal no final do ano passado, oferecendo deságio de 38,7% em tarifa de pedágio, mas acabou perdendo a disputa para a CCR Em 2017, o Pátria venceu leilão da Rodovias Centro Oeste Paulista, com lance de cerca de 900 milhões de reais e ágio de 131%.

    O governador de São Paulo, João Doria, classificou o resultado do leilão desta quarta-feira como um marco histórico devido ao ágio de mais de 7.000% pago pelo vencedor. O valor, porém, é pouco mais da metade da outorga mínima original. Segundo ele, o governo paulista deve intensificar a agenda de leilões de infraestrutura, leiloando no primeiro semestre 21 aeroportos regionais e também licitando os portos de Santos e de São Sebastião ainda neste ano.

    A concessão de 30 anos da Rodovias Piracicaba-Panorama (Pipa) prevê investimentos de 14 bilhões de reais para a infraestrutura rodoviária que atravessa São Paulo desde a região de Campinas até o extremo oeste do Estado, na divisa com o Mato Grosso do Sul, informou a agência estadual de transportes, Artesp.

    O governo paulista havia dito que para obter mais investimentos e modicidade tarifária no pedágio adotou estratégia de reduzir de 2 bilhões para 15 milhões de reais o valor mínimo da outorga.

    Pátria e GIC terão que fazer 600 quilômetros de duplicações e novas pistas na concessão. O modelo tarifário do leilão prevê desconto de 5% para os usuários de sistema de pagamento automático. O contrato também estabelece desconto no pedágio para usuários frequentes, voltado principalmente a moradores de pequenas cidades que usam as rodovias quase que diariamente para acessar a rede de comércio e serviços de municípios vizinhos, afirmou a Artesp.

    Escrito por Reuters

    1. Home
    2. noticias
    3. consorcio liderado por patria …

    Este site usa cookies para garantir que você tenha a melhor experiência.