Capa do Álbum: Antena 1
A Rádio Online mais ouvida do Brasil
Antena 1
    Veja todas as Notícias.

    Demo rara de David Bowie será leiloada

    A faixa “I Do Believe I Love You” tem previsão de ser vendida por quase 30 mil reais; outros itens raros do artista também estarão à venda no leilão inglês

    Placeholder - loading - news single img
    Photoshoot/Divulgação

    Publicada em  

    Uma demo rara do cantor e compositor inglês David Bowie será leiloada nesta sexta-feira (24). Intitulada “I Do Believe I Love You”, a faixa será vendida na cidade de Chippenham, na Inglaterra, e tem estimativa de arrecadação de quase 30 mil reais (5 mil euros), segundo a revista britânica de música NME.

    Veja também: Discos de David Bowie vão ganhar versões em quebra-cabeça

    Originalmente escrita em 1966, a composição foi publicada pela Orbit Music Publishing, gravadora que pertencia ao produtor musical Shel Talmy, também conhecido por ter trabalhado com bandas como The Who e The Kinks. Anos mais tarde, a obra foi encontrada no fundo de uma coleção de catálogos por um vendedor de Londres.  

    Como uma das poucas pessoas no mundo que ouviram a gravação, ainda me surpreendo que esse tesouro musical tenha sido descoberto depois de todos esses anos", declarou o leiloeiro Martin Hughes em entrevista à BBC News

    Além da demo especial, o leilão também vai colocar à venda outros itens raros de Bowie, como uma cópia assinada de “The Man Who Sold The World”, LP de hard rock e heavy metal publicado em 1970. O álbum é considerado um dos responsáveis pela formação do glam rock, movimento musical e cultural marcado pela androginia, além do uso de trajes e performances elétricos.

    Memórias    

    A primeira vez que Bowie estampou a capa de uma revista de domingo foi lembrada pelas redes sociais do saudoso artista nesta segunda-feira (20).  

    Talvez não pareça um grande negócio hoje em dia, mas David Bowie enfeitar a capa de um suplemento de domingo pela primeira vez no Reino Unido foi realmente um grande negócio, quarenta e cinco anos atrás hoje”, diz a publicação.

    À época, o britânico revelou inseguranças quanto ao seu futuro na música, chegando a cogitar uma mudança de carreira – que acabou não se cumprindo:

    "Eu e o rock and roll nos separamos", ele declara após um giro preliminar em sua cadeira. Lippman [empresário do artista], patrulhando disfarçadamente a passagem do lado de fora, aparece na porta, com o rosto enrugado de ansiedade. “Não se preocupe”, assegura Bowie, “ainda farei álbuns com amor e diversão, mas meu efeito está terminado. Estou muito satisfeito. Acho que já causei tumultos suficientes para alguém que nem sequer está convencido de que é um bom músico”, diz um trecho da entrevista, veiculada pela revista Sunday Times. “Ele coloca um par de óculos castanhos gigantes. "Agora eu vou ser um diretor de cinema". 

    1. Home
    2. noticias
    3. demo rara de david bowie sera …

    Este site usa cookies para garantir que você tenha a melhor experiência.