alexametrics
Capa do Álbum: Antena 1
ANTENA 1A RÁDIO ONLINE MAIS OUVIDA DO BRASIL

    Estudo revela hábitos que ajudam a ajustar o relógio biológico

    Não tomar café depois de determinada hora e tomar sol pela manhã fazem parte da lista.

    Placeholder - loading - news single img
    Mulher com dificuldade para dormir (Foto: Antonio Guillem)

    1654

    Publicada em  

    Cientistas australianos descobriram que mudanças simples de hábitos podem auxiliar no ajuste do relógio biológico. Para chegar aos resultados, o estudo se concentrou nos “corujões”, indivíduos com predisposição natural a ficar acordados até tarde.

    Primeiramente, os participantes foram orientados a adotar costumes simples, como horários regulares para dormir, redução do consumo de cafeína e exposição ao sol pela manhã. Apesar de bastante previsível, a abordagem fez uma grande diferença na vida destas pessoas, concluiram os pesquisadores. Todos temos um relógio biológico interno, que é influenciado pela variação da luminosidade. Mais precisamente, pelo nascer e o pôr do sol.

    Os "relógios" de algumas pessoas, no entanto, são mais atrasados do que outros. Enquanto os indivíduos diurnos tendem a levantar da cama cedo, mas lutam para ficar acordados até tarde, os notívagos são o oposto, preferindo acordar mais tarde e permanecem ativos até altas horas da noite.

    O grande problema que muitos destes “corujões” enfrentam é se encaixar em um mundo baseado num horário diurno, com o despertador tocando cedo, horas antes de seu corpo estar pronto. Pesquisas recentes mostram que ser notívago está associado a um risco maior de morrer de forma prematura, assim como de desenvolver doenças físicas ou mentais.

    Mudança de hábitos

    Os cientistas analisaram o comportamento de "notívagos extremos" que costumavam ir dormir às 2h30 e só acordavam depois das 10h. As instruções dadas a eles foram:

    Acorde 2 a 3 horas mais cedo que o habitual e pegue sol ao ar livre pela manhã; tome café da manhã assim que possível; pratique exercício físico apenas pela manhã; almoce na mesma hora todos os dias e não coma nada depois das 19h; corte a cafeína depois das 15h; não tire cochilos depois das 16h; vá para a cama 2 a 3 horas mais cedo que o habitual e reduza a iluminação à noite; mantenha os mesmos horários de sono e vigília todos os dias.

    Após três semanas, os participantes adiantaram com sucesso seus relógios biológicos em duas horas, conforme revelam as análises feitas pelas universidades de Birmingham e Surrey, no Reino Unido, e a Universidade Monash, na Austrália.

    Os resultados foram publicados na revista científica "Sleep Medicine" e mostraram que estabelecer rotinas simples pode ajudar os notívagos a ajustar seus relógios e melhorar sua saúde física e mental.

    Para ler mais notícias, curta a página Antena 1 News no Facebook!

    1. Home
    2. noticias
    3. estudo revela habitos que …

    Este site usa cookies para garantir que você tenha a melhor experiência.