Capa do Álbum: Antena 1
A Rádio Online mais ouvida do Brasil
Antena 1
    Veja todas as Notícias.

    Governo deve editar MP para pequenas e médias empresas, diz Maia

    Placeholder - loading - news single img
    Funcionários de funerária diante de comércio com as portas fechadas durante quarentena do coronavírus no Rio de Janeiro 17/05/2020 REUTERS/Ricardo Moraes

    Publicada em  

    BRASÍLIA (Reuters) - O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), afirmou nesta quinta-feira que o governo deve editar uma medida provisória destinada a ajudar pequenas e médias empresas diante dos impactos econômicos da pandemia de coronavírus.

    'Parece que o governo edita uma medida provisória nos próximos dias para garantir capital de giro para as pequenas e médias empresas', disse o deputado à rádio Bandeirantes.

    Maia também disse na entrevista que considerou a reunião de mais cedo nesta quinta entre o presidente Jair Bolsonaro e governadores, além dele próprio e do presidente d Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), um 'momento importante' e 'um bom recomeço'.

    Ao citar projetos já aprovados pelo Congresso como o auxílio emergencial de 600 reais a pessoas vulneráveis, o presidente da Câmara afirmou que o 'mais importante do que projetos é uma articulação do governo federal com Estados e municípios, para que a gente possa ter uma estratégia em conjunto, um protocolo conjunto, para que a gente possa enfrentar bem o vírus agora, perder o menor número possível de vidas e depois a gente conseguir reconstruir a nossa economia'.

    Na reunião, a maioria dos 27 governadores pediu o veto à possibilidade de reajuste salarial a categorias de servidores públicos, corroborando a intenção do governo de não manter a autorização aprovada pelo Congresso, enquanto Bolsonaro anunciou que pretende sancionar a ajuda a Estados e municípios o mais breve possível.

    A proposta que dá um aporte de 60 bilhões de reais para Estados e municípios fazerem frente à crise provocada pela pandemia de Covid-19 foi aprovada no início de maio pelo Legislativo com permissão para reajustes de algumas categorias, com apoio do presidente. No entanto, com a resistência da equipe econômica liderada pelo ministro da Economia, Paulo Guedes, Bolsonaro voltou atrás.

    (Reportagem de Maria Carolina Marcello)

    Escrito por Reuters

    1. Home
    2. noticias
    3. governo deve editar mp para …

    Este site usa cookies para garantir que você tenha a melhor experiência.