alexametrics
Conectando

    “Sexual Healing” rendeu ao artista dois prêmios Grammy

    Marvin Gaye é o Artista da Semana

    Por Redação, antena 1

    Placeholder - loading - news single img

    De voz inesquecível e aveludada, o Artista da Semana é Marvin Gaye. Nascido na cidade de Washington, no dia 2 de abril de 1939, o cantor atingiu a fama internacional entre os anos 60 e 70 com o estilo de Soul e R&B.

    A música surgiu cedo em sua vida. O músico começou a cantar no coral aos 3 anos de idade, além de tocar instrumentos. Marvin afirmava que usava o mundo musical como válvula de escape por apanhar de seu pai diariamente durante a infância.

    Após terminar o colegial, alistou-se na Força Aérea dos Estados Unidos e, em 1957, foi dispensado por ter se recusado a seguir ordens.  

    Foi nessa época que Gaye deu início à sua carreira musical. "Stubborn Kind of Fellow", "How Sweet It Is (To Be Loved By You)" e "I Heard It Through the Grapevine" foram seus primeiros singles de sucesso, lançados pela gravadora Motown em 1961.

    Durante sua passagem pela gravadora, o artista gravou muitos duetos com cantoras, como Mary Wells e Kim Weston. Sua parceria mais notável, no entanto, foi com Tammi Terrel, com quem lançou um disco em dupla, nomeado United, em 1967. O material traz hits como "Ain't No Mountain High Enough", "Your Precious Love", "If I Could Build My Whole World Around You" e "If This World Were Mine".

    Após o falecimento de Terrel, Gaye entrou em profunda depressão e pensou em abandonar sua carreira musical. Três anos depois do ocorrido, em 1970, o cantor começou a produzir o álbum What’s Going On em sua própria gravadora.

    Lançado em 1971, o LP trouxe uma nova tendência na soul music norte-americana. Com letras introspectivas sobre o abuso nas drogas, a pobreza e a Guerra do Vietnã, o disco é considerado um dos maiores álbuns de todos os tempos. Em 1973, alcança o topo das paradas com as faixas “You Are Everything” e “Let’s Get It On”, feitas em parceria com Diana Ross.

    Midnight Love, o sétimo e último álbum de Gaye, chegou às lojas em outubro de 1982, após o rompimento com a gravadora Motown. O material conta com um dos maiores hits do cantor, a faixa ”Sexual Healing", que lhe rendeu seus primeiros dois prêmios Grammy de Melhor Performance R&B Masculina e Melhor R&B Instrumental.

    Marvin foi assassinado por seu pai após uma briga familiar em 1 de abril de 1984, um dia antes de completar 45 anos.

    Confira “Sexual Healing” a seguir:


     

    Este site usa cookies para garantir que você tenha a melhor experiência.