Capa do Álbum: Antena 1
A Rádio Online mais ouvida do Brasil
Antena 1
    Veja todas as Notícias.

    Neil Young: Novo disco é lançado!

    Homegrown finalmente está entre nós

    Placeholder - loading - news single img
    Neil Young – Photoshoot/Divulgação

    Publicada em  

    Depois de anos de 46 anos guardando a produção, o cantor e compositor canadense Neil Young finalmente lançou o disco perdido “Homegrown”. O artista já estava divulgando singles há algum tempo, ganhando de novo espaço e confiança entre os fãs mais antigos, principalmente pela produção carregar um estilo de rock bastante nostálgico. Neil chegou a pedir desculpas por ter postergado tanto a postagem do disco.

    Veja também: Vacancy é o novo single de Neil Young

    Este álbum ‘Homegrown’ deveria estar lá para você alguns anos após a ‘Harvest’. É o lado triste de um caso de amor. O dano causado. A mágoa. Eu simplesmente não conseguia ouvir. Eu queria seguir em frente. Então eu guardei para mim, escondido no cofre, na prateleira, no fundo da minha mente...”, disse o artista há algum tempo. Você pode ouvir o disco na íntegra clicando aqui.

    O disco segue a mesma linha de “Harvest”, disco que seria seu antecessor, mas com sons mais “conceituais” por se tratar de um álbum inspirado na relação complicada de Young com a atriz Carrie Snodgress. Por enquanto, o álbum ficará disponível apenas no site oficial do cantor, mas amanhã (19) será lançado oficialmente. O escritor do site de Young, Bill Bentley, chegou a classificar o que seria “Homegrown” segundo a percepção do ouvinte.

    Homegrown, como todas as músicas atemporais, é um quebra-cabeça cheio de promessas, que combina memórias com visões, e é um som confiável a ser usado no momento em que cada um de nós ainda compartilha essa vida com outras pessoas. É um álbum para se escutar no chão, encostado na parede, enquanto suas músicas tocam à noite no escuro, sabendo que ele – e espero que nós – esteja lá de manhã. É, como Neil Young, um amigo para toda a vida”, finaliza Bentley.

    Vulcão Nyiragongo: Crianças esperam reencontrar famílias

    Transcrito: 
    Centenas de milhares de pessoas fugiram após a erupção do vulcão Nyiragongo. Naomi perdeu de vista a família no meio do caos. Ela jamais esquecerá o momento em que o céu ficou vermelho.
     
    Naomi (criança deslocada): ”Disse à minha mãe: ’Olha, mãe, o vulcão entrou em erupção.’ Nós saímos e muitos estavam a fugir. Foi aí que nos perdemos uns dos outros. Eu estava apavorada. Estava a tremer. Não conseguia sequer correr para casa.”
     
    Muitas das 400 mil pessoas que fugiram vieram para a cidade de Sake. De acordo com a ONU, há quase mil crianças desaparecidas. Bahati Batitsie trabalha como voluntário para a Cruz Vermelha. Ate agora, ele e os colegas conseguiram encontrar as famílias de 700 crianças. Bahati tem 6 filhos e acolhe outras 3 crianças. São muitas bocas para alimentar.
     
    Bahati Batitsie Fidel (Voluntário da Cruz Vermelha): “Eu sacrifico o pouco que tenho, o que Deus me deu. É assim que alimento as crianças, mas é uma luta.”
     
    Muitas pessoas estão desesperadas. Bebem a água do lago que pode causar cólera. A equipe humanitária tenta oferecer o básico, como farinha.
     
    Bahati Batitsie Fidel (Voluntário da Cruz Vermelha): “As condições de vida são muito más. Não há comida nos mercados. Pessoalmente, não estou a ganhar nada, sou pobre.”
     
    Naomi acha que sabe onde podem estar os seus pais. Mas esse sítio fica longe e o transporte é caro.
     
    Naomi (criança deslocada): ”Depois de encontrar a minha mãe e o meu pai, gostaria de me mudar para cá, porque gosto de aqui estar."

    A brincar sobre a lava de uma antiga erupção. As crianças esperam rever as suas famílias em breve. 
    Veja também:

    4 H

    1. Home
    2. noticias
    3. neil young novo disco e …

    Este site usa cookies para garantir que você tenha a melhor experiência.