alexametrics
Capa do Álbum: Antena 1
ANTENA 1A RÁDIO ONLINE MAIS OUVIDA DO BRASIL

    Ouvir música durante atividade física ajuda no desempenho

    O cérebro pode liberar analgésicos naturais, diminuindo a sensação de cansaço

    Placeholder - loading - news single img

    Publicada em  

    Um artigo publicado no jornal The Independent revelou que ouvir música enquanto se pratica exercícios físicos faz com que substâncias químicas sejam liberadas no cérebro. Elas exercem a função de analgésicos e ajudam a reduzir a dor e a sensação de cansaço no corpo. O resultado disso é um maior desempenho na hora de praticar as atividades.

    Robin Dunbar é professor de psicologia na Universidade de Oxford e estudioso do assunto. Sobre o tema, ele explica: "Quando ouvimos música, o cérebro libera analgésicos naturais que agem no corpo, como a morfina. Se interagimos com a música, seja cantando ou dançando, a liberação destes compostos é ainda maior".

    Outro fato comprovado é o de que, quando a faixa é escolhida sob medida para um treino específico, o exercício passa a ser mais fácil de ser praticado por qualquer pessoa. Isso porque a música age de forma a desviar a atenção da dor física.

    Alguns estudos científicos apontam que seis minutos de música são suficientes para que o esforço feito na atividade física caia de forma brusca. "Já sabíamos que a música tinha um papel revigorante. Mas agora estamos entrando em uma nova fase de pesquisas científicas para avaliar as transformações biológicas causadas por ela", declarou o pesquisador do departamento de Biologia Cognitiva da Universidade de Viena, Daniel Bowling.

    Além de todas as vantagens acima, as melodias são também importantes para ativar a área responsável pelo prazer, no cérebro. Essa região libera dopamina – composto associado à sensação de bem-estar.

    Portanto, sempre vale a pena aproveitar o momento de exercícios físicos para ouvir uma boa música!

    Escrito por Sabrina Laranjeira

    1. Home
    2. noticias
    3. ouvir msica durante atividade …

    Este site usa cookies para garantir que você tenha a melhor experiência.