Capa do Álbum: Antena 1
A Rádio Online mais ouvida do Brasil
Antena 1
    Veja todas as Notícias.

    Pink Floyd: Banda tentou realizar álbum sem instrumentos musicais há 48 anos

    Disco iria ser lançado após “The Dark Side of the Moon” em época sem inspiração dos artistas

    Placeholder - loading - news single img
    Pink Floyd: Da direita para esquerda – Richard Wright, Syd Barrett, Roger Waters e Nick Mason – Photoshoot/Divulgação

    Publicada em  

    Exatamente há 48 anos atrás, a banda inglesa de rock psicodélico, Pink Floyd, abandonava o que seria um dos projetos mais ambiciosos – e talvez esquisitos – da carreira do grupo. O disco “Household Objects” (Objetos de casa, em tradução literal) foi pensado como sucessor de uma das produções mais aclamadas na indústria fonográfica, mas infelizmente, foi engavetado. Conheça mais sobre a história deste álbum raro do grupo.

    Veja também: Pink Floyd é o Artista da Semana

    Assim que a era “The Dark Side of the Moon” acabou, os membros do grupo entraram em um bloqueio criativo gerado pela pressão de criar outro conceito tão genial quanto o anterior. Não atoa que uma grande ideia só iria surgir dois anos depois da realização do álbum. Porém, não foram poucas as tentativas de tentar criar uma ideia tão aclamada e autêntica como o disco que na época já era considerado um dos melhores na história da música.

    No documentário Wich One’s Pink? (2007), produzido pela BBC 1, o tecladista Richard Wright afirmou que a ideia foi completamente de Roger Waters, baixista e atual responsável por todo processo criativo da banda na época. "Eu acho que foi Roger que disse: 'Vamos fazer um álbum sem usar nenhum de nossos instrumentos, somente com objetos encontrados em casa'. Então nós passamos dias com um lápis e uma liga de borracha até que ele soasse como um baixo... passamos semanas e semanas fazendo isso. Nick (Mason, baterista da banda) pegava velhas panelas, coisas assim e batucava nelas tentando fazer soar exatamente como um prato de bateria. Eu lembro de sentar com Roger e dizer: 'Roger, isso é insano!'", afirmou o músico.

    Assim como Wright termina a citação, a ideia dos músicos realmente era ambiciosa demais para sair do papel. As canções eram consideradas estranhas até mesmo para uma banda com reputação de sair dos padrões industriais impostos no mercado musical na época. Porém, algumas sonoridades foram reaproveitadas para produções futuras, como a raríssima canção “Wine Glasses”, que se tornou a introdução de “Shine on You Crazy Diamond”, faixa que faz parte do sucessor oficial de “The Dark Side of the Moon”: “Wish You Were Here”.

    1. Home
    2. noticias
    3. pink floyd banda tentou …

    Este site usa cookies para garantir que você tenha a melhor experiência.