alexametrics
Capa do Álbum: Antena 1
ANTENA 1A RÁDIO ONLINE MAIS OUVIDA DO BRASIL

    NOTÍCIAS SOBRE aids

    Veja essas e outras notícias da Antena 1

    Placeholder - loading - Imagem da notícia Medicamentos para Aids evitam transmissão de HIV em homens gays, aponta estudo

    Medicamentos para Aids evitam transmissão de HIV em homens gays, aponta estudo

    Por Kate Kelland

    LONDRES (Reuters) - Um estudo europeu com quase 1 mil casais de homens gays que fizeram sexo sem camisinha, e nos quais um parceiro tinha HIV e estava tomando medicamentos antirretrovirais para inibi-lo, descobriu que o tratamento pode evitar a transmissão sexual do vírus.

    Depois de oito anos de acompanhamento dos chamados casais serodiferentes, o estudo não encontrou nenhum caso de transmissão de HIV.

    O estudo prova, disseram os pesquisadores, que usar uma terapia antirretroviral para inibir o vírus da Aids a níveis indetectáveis também significa que ele não pode ser transmitido pelo sexo.

    'Nossas descobertas oferecem indícios conclusivos para homens gays de que o risco de transmissão de HIV com inibidor ART é zero', disse Alison Rodger, professora da Universidade College de Londres que coliderou a pesquisa.

    Ela disse que a 'mensagem poderosa' poderia ajudar a acabar com a pandemia de HIV evitando a transmissão do vírus em populações de risco alto. Só neste estudo, por exemplo, os pesquisadores estimam que o tratamento antirretroviral inibidor evitou cerca de 472 transmissões de HIV durante os oito anos.

    O estudo, publicado no periódico médico Lancet na quinta-feira, avaliou o risco de transmissão de HIV entre casais de homens gays serodiferentes --em que um parceiro é HIV positivo e um é HIV negativo-- que não usam camisinha.

    As conclusões se somam a uma fase anterior do estudo que analisou o risco de HIV entre casais heterossexuais serodiferentes nas mesmas circunstâncias, e que também encontrou um risco zero.

    Embora 15 homens dos 972 casais gays desta fase tenham se infectado com HIV durante os oito anos de acompanhamento, testes genéticos mostraram que suas infecções foram com cepas de HIV recebidas de outro parceiro sexual.

    Desde o início da epidemia de Aids nos anos 1980, mais de 77 milhões de pessoas foram infectadas pelo HIV. Quase metade delas, ou 35,4 milhões, morreram em decorrência da Aids.

    Especialistas globais de saúde dizem que a luta contra o HIV está em um estágio precário, uma vez que o número anual de mortes ligadas à Aids está diminuindo e o número de pessoas recebendo tratamento antirretroviral está aumentando, mas o número de novas infecções se mantém teimosamente alto na casa dos 1,8 milhão por ano em todo o mundo.

    37

    1 M

    Placeholder - loading - Imagem da notícia ONU diz que luta global contra Aids está em 'situação precária'

    ONU diz que luta global contra Aids está em 'situação precária'

    Por Kate Kelland

    LONDRES (Reuters) - A complacência tem prejudicado a luta contra a epidemia global da Aids, uma vez que o ritmo de avanço não corresponde ao que é necessário, alertou a Organização das Nações Unidas (ONU) nesta quarta-feira.

    A Unaids, agência de combate ao HIV/Aids da ONU, disse em um relatório de atualização que a luta está em uma 'situação precária' e que, embora as mortes estejam diminuindo e os índices de tratamento aumentando, os índices de novas infecções de HIV ameaçam os esforços para derrotar a doença.

    'O mundo está saindo dos trilhos. As promessas feitas aos indivíduos mais vulneráveis da sociedade não estão sendo cumpridas', disse o relatório. 'Há muito a se avançar na jornada para acabar com a epidemia da Aids. O tempo está acabando'.

    Michel Sidibé, diretor-executivo da Unaids, observou no prefácio do relatório que houve um grande progresso na redução das mortes decorrentes da Aids e no encaminhamento de um número recorde de pessoas para tratamentos com antirretrovirais.

    Segundo o relatório, estimadas 21,7 milhões das 37 milhões de pessoas que têm o vírus da imunodeficiência humana (HIV), que causa a Aids, estavam em tratamento em 2017, cinco vezes e meia a mais do que uma década atrás.

    Esse aumento rápido e contínuo ajudou a reduzir em 34 por cento as mortes relacionadas à Aids entre 2010 e 2017. Neste último ano elas foram as menores deste século -- menos de um milhão de pessoas, disse o relatório.

    Mas Sidibé também disse que hoje existem pontos de 'crise' na prevenção da disseminação do HIV --particularmente entre populações de alto risco e vulneráveis-- e na obtenção de financiamento contínuo.

    'O sucesso no salvamento de vidas não está se equiparando a um sucesso igual na redução de novas infecções de HIV', explicou. 'As novas infecções de HIV não estão diminuindo com rapidez suficiente. Os serviços de prevenção de HIV não estão sendo supridos em escala adequada... e não estão alcançando as pessoas que mais precisam deles'.

    Sidibé disse que a incapacidade de impedir novas infecções em crianças é uma grande preocupação.

    'Estou perturbado com o fato de que, em 2017, 180 mil crianças foram infectadas com HIV, longe da meta geral de 2018 de eliminar novas infecções de HIV em crianças', escreveu.

    27

    11 M

    Fique por dentro

    de tudo o que acontece nos bastidores do mundo da música, desde lançamentos, shows, homenagens, parcerias e curiosidades sobre o seu artista favorito. A vinda de artistas ao Brasil, cantores e bandas confirmadas no Lollapalooza e no Rock in Rio, ações beneficentes, novos álbuns, singles e clipes. Além disso, você acompanha conosco a cobertura das principais premiações do mundo como o Oscar, Grammy Awards, BRIT Awards, American Music Awards e Billboard Music Awards. Leia as novidades sobre Phil Collins, Coldplay, U2, Jamiroquai, Tears for Fears, Céline Dion, Ed Sheeran, A-ha, Shania Twain, Culture Club, Spice Girls, entre outros. Aproveite também e ouça esses e outros artistas no aplicativo da Rádio Antena 1, baixe na Apple Store ou Google Play e fique sintonizado.

    1. Home
    2. noticias
    3. tags
    4. aids

    Este site usa cookies para garantir que você tenha a melhor experiência.