Capa do Álbum: Antena 1
A Rádio Online mais ouvida do Brasil
Antena 1
    Veja todas as Notícias.

    Atividade econômica tem forte contração de 5,90% em março e cai 1,95% no 1º tri, aponta BC

    Placeholder - loading - Homem passa por barraca com máscaras à venda na praia da Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro 13/05/2020 REUTERS/Sergio Moraes
    Homem passa por barraca com máscaras à venda na praia da Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro 13/05/2020 REUTERS/Sergio Moraes

    Publicada em  

    Atualizada em  

    Por Camila Moreira

    SÃO PAULO (Reuters) - Os impactos das restrições devido às medidas de contenção do coronavírus pesaram com força sobre a economia brasileira e o índice de atividade do Banco Central sofreu em março a maior contração da série histórica, indicando recuo de quase 2% no primeiro trimestre.

    O Índice de Atividade Econômica do Banco Central (IBC-Br), considerado sinalizador do Produto Interno Bruto (PIB), teve queda em março de 5,90% na comparação com fevereiro, em dados dessazonalizados informados pelo BC nesta sexta-feira.

    Foi o resultado negativo mais intenso na série histórica do IBC-Br iniciada em 2003, ainda que melhor do que a expectativa em pesquisa da Reuters de recuo de 6,95%.

    O desempenho apagou o ganho de 0,32% em fevereiro, em dado revisado pelo BC após divulgar alta de 0,35% anteriormente.

    Com isso, os três primeiros meses do ano terminaram com perda de 1,95% sobre o trimestre anterior, pior resultado para um trimestre fechado desde o segundo trimestre de 2015 (-2,34%), mostrando que o coronavírus jogou por terra qualquer expectativa positiva que existisse no início do ano.

    O IBGE divulgará os dados do PIB do primeiro trimestre em 29 de maio.

    Na comparação com março de 2019, o IBC-Br apresentou perda de 1,52% e, no acumulado em 12 meses, teve avanço de 0,75%, segundo números observados.

    Embora o fechamento de indústrias e empresas no Brasil, além da determinação que as pessoas fiquem em casa, já tenham afetado a economia em março, os impactos devem ser ainda mais pronunciados em abril.

    Em março, o período de confinamento não compreendeu todo o mês e variou em todo o país, sendo intensificado no fim do mês.

    'O resultado da atividade real no primeiro trimestre de 2020 foi fraco, mas não representa o cenário para a economia já que o impacto do Covid-19 foi sentido principalmente durante a segunda metade de março', ressaltou Alberto Ramos, diretor de pesquisas econômicas para a América Latina do Goldman Sachs, calculando retração de 1,4% do PIB no primeiro trimestre sobre o período anterior.

    'Além disso, a atividade também será negativamente impactada pelo forte aperto das condições financeiras domésticas, rápido enfraquecimento da demanda externa e deterioração do comércio', completou.

    A produção industrial do Brasil despencou 9,1% em março na comparação com o mês anterior, indicando ainda mais perdas para o mês seguinte.

    Já o setor de serviços do Brasil apresentou em março o maior recuo na série histórica diante do isolamento social, de 6,9% em relação a fevereiro.

    Por outro lado, as vendas de supermercados e artigos farmacêuticos limitaram as perdas do varejo brasileiro no mês, que registrou recuo de apenas 2,5%.

    A atividade econômica do país chegou a dar sinais positivos no começo do ano, mas todo esse cenário foi desmantelado pelas consequências da pandemia em meio a férias coletivas, paralisações, menor demanda e isolamento social.

    Nesta semana, o Ministério da Economia passou a projetar contração do PIB em 2020 de 4,7%, contra alta de 0,02% vista em março. Esse seria o pior resultado da série história que começou em 1900.

    Por sua vez, o BC destacou que vê queda forte do PIB na primeira metade deste ano, seguida de uma recuperação gradual a partir do terceiro trimestre.

    Na semana passada, o BC reduziu a taxa básica de juros acima do esperado, à mínima histórica de 3% ao ano, e sinalizou um último corte à frente para complementar o estímulo monetário necessário em meio aos impactos da pandemia de coronavírus na economia.

    A pesquisa Focus mais recente do Banco Central mostra que o mercado já prevê contração de 4,11% para a economia este ano, indo a um crescimento de 3,20% em 2021.

    Escrito por Reuters

    Últimas Notícias

    Placeholder - loading - Imagem da notícia Global Citizen: festival online tem apresentações de Elton John e mais

    Global Citizen: festival online tem apresentações de Elton John e mais

    Neste sábdo, 25 de setembro, acontece mais uma edição do Global Citizen, um dos maiores festivais beneficentes do mundo da música. A transmissão online é totalmente gratuita e será feita pelo canal oficial do evento no YouTube, a partir das 14h. 
     
    O mais legal sobre esse festival é que ele acontece durante 24 horas seguidas, sem interrupções. Então, se você é fã de música internacional esse é o evento certo para você curtir no seu final de semana. 
     
    As apresentações serão transmitidas de diversas cidades ao redor do mundo, sendo: Nova York, Los Angeles, Paris, Londres, Lagos, Rio de Janeiro, Sydney e Mumbai.  
     
    Para o evento, foram confirmadas presenças de Ed SheeranElton JohnDuran DuranStevie WonderShawn MendesKylie Minogue e muitos outros. Todos os cantores e bandas que vão participar do Global Citizen estão doando o seu tempo e seu show em prol de causas humanitárias, como melhores condições de vida da população, mudanças climáticas e uma melhor distribuição da vacina contra a Covid-19 ao redor do mundo. 
     
    Confira o line-up completo do evento:
     
    De Nova York
    Coldplay, Billie Eilish, Camila Cabello, Jennifer Lopez, Lizzo, Meek Mill e Shawn Mendes, Alessia Cara, Burna Boy, Cyndi Lauper, Jon Batiste e Lang Lang, Amber Ruffin, Andy Cohen, Billy Porter, Bonang Matheba, Bridget Moynahan, Connie Britton, Deborra-lee Furness, Desus Nice e The Kid Mero, Dikembe Mutombo, Katie Holmes, Nomzamo Mbatha, Padma Lakshmi, Rachel Brosnahan, Skip Marley e Tan France.
     
    De Paris
    Ed Sheeran, Elton John, Black Eyed Peas, Christine e as Rainhas, Doja Cat e Måneskin, Angélique Kidjo, Charlie Puth e Fatma Said.

    De Los Angeles
    Stevie Wonder, Adam Lambert, Chloe x Halle, Demi Lovato, HER, Migos, ONEREPUBLIC, Ozuna, The Lumineers e 5 Seconds of Summer, JoJo, Joseph Gordon-Levitt, Michaela Jaé Rodriguez, Maggie Q e Scott Evans.

    De Londres
    Duran Duran, Kylie Minogue, Nile Rodgers e Chic e Rag'n'Bone Man.

    De Lagos
    Femi Kuti, Davido, Tiwa Savage e Made Kuti, Ebuka Obi-Uchendu e Nancy Isime.

    Para asisstir ao Global Citizen 2021, clique no player abaxio:

    Veja também:

     
    Elton John e Charlie Puth se unem para um novo single, 'After All'
     
    'Tonight United': Duran Duran lança música em parceria com Giorgio Moroder

    20 H
    Placeholder - loading - Imagem da notícia Aos 81 anos, Ringo Starr lança novo EP com quatro músicas inéditas

    Aos 81 anos, Ringo Starr lança novo EP com quatro músicas inéditas

    Nesta sexta, 22 de setembro, o cantor e baterista, Ringo Starr, lançou seu mais novo álbum, 'Change The World'. O disco conta com 3 faixas autorais e uma regravação, sendo: “Let’s Change the World”, “Just That Way”, “Coming Undone” e “Rock Around the Clock”, de Bill Haley & His Comets.
     
    O diferencial deste trabalho é que ele foi produzido inteiramente no estúdio caseiro do musicista, localizado em Los Angeles nos Estados Unidos. Mas, para isso, Ringo contou com a ajuda de diversos artistas, como o jazzista Trombone Shorty e a produtora Linda Perry. 
     
    Com a pandemia do coronavírus, a banda de Ringo, All-Star Band, foi impedida de realizar a turnê como haviam programado e, de acordo com o cantor, gravar e lançar músicas foi o que o ajudou a passar pelo isolamento social. “Ter um estúdio em casa foi a minha salvação”, declarou o ex-Beatle
     
    E, claro, desse escape surgiu um trabalho repleto de letras positivas e de melodias marcantes, que deixou um gostinho de quero mais nos seus fãs ao redor mundo.  
     
    Clique no player abaixo para ouvir 'Change The World' completo:
     
     
     
    Em março deste ano, o artista já havia disponibilizado em suas redes sociais o álbum 'Zoom In', também produzido por ele durante a quarentena. O EP conta com cinco faixas totalmente inéditas e com participações dos instrumentistas Nathan East, Steve Lukather, Bruce Sugar, Benmont Tench, Charlie Bisharat, Jacob Braun e Jim Cox.
     
    O single de divulgação desse disco foi 'Here's To The Nights', escrito pela cantora e compositora norte-americana Diane Warren, e é uma canção muito especial para Ringo, já que Paul McCartney, Lenny Kravitz, Joe Walsh, Corinne Bailey Rae, Jenny Lewis e Eric Burton também participam da versão final desta faixa. 
     
    O videoclipe oficial da música fez tanto sucesso que já conta com mais de 800 mil visualizações no YouTube. Confira: 
     
     
    Veja também:
     
    Ouça o dueto de Ray Charles com Steve Tyrell
     
    'Tonight United': Duran Duran lança música em parceria com Giorgio Moroder

    20 H
    Placeholder - loading - Imagem da notícia 'Tonight United': Duran Duran lança música em parceria com Giorgio Moroder

    'Tonight United': Duran Duran lança música em parceria com Giorgio Moroder

    Esta sexta-feira, 24 de setembro, já começou com várias novidades no mundo da música e isso inclui o lançamento de 'Tonight United', sendo esse o novo single de Duran Duran em parceria com o rei do disco, Giorgio Moroder. A canção faz parte de  'Future Past', décimo quinto disco de estúdio da banda. 
     
    Em nota, Simon Le Bond, vocalista do grupo, declarou: "Giorgio Moroder, Duran Duran ... isso é música para um mundo que está se reunindo”. 
     
    Um dos motivos para 'Tonight United' ter sido divulgada hoje, é que a canção é a música tema do festival 'Global Citizen' - que acontece neste sábado (25), em Londres, e será transmitido ao vivo pelo YouTube do evento. Clique aqui para acessar o canal do show.  
     
    Veja o vídeo oficial da música: 
     
     
    “Quando entramos em estúdio pela primeira vez no final de 2018, eu estava tentando persuadir os caras de que tudo o que precisávamos fazer era escrever duas ou três faixas para um EP. Quatro dias depois, com o núcleo de mais de 25 canções fortes, que todas mereciam desenvolvimento, percebi que estaríamos nisso por um longo tempo, mas isso foi antes de Covid-19. Então, aqui estamos nós em 2021 com nosso 15º álbum de estúdio e nos esforçando ao máximo", afirmou Le Bond.  
     
    As demais faixas do disco também contém parcerias com grandes artistas da indústria musical, como Mark Ranson, Lykke Li, To Love, CHAI, Graham Coxon do Blur e Mick Grason - tecladista de David Bowie. 
     
    'Future Past' estará disponível em sua versão completa a partir do dia 22 de outubro deste ano. Confira as músicas foram publicadas, até o momento:
     
     
    Veja mais:
     
    Shows lendários de Bruce Springsteen ganham data de lançamento
     
    Genesis inicia turnê de despedida 'The Last Domino Tour?' na Inglaterra

    1 D
    1. Home
    2. noticias
    3. atividade economica tem forte …

    Este site usa cookies para garantir que você tenha a melhor experiência.