alexametrics
Capa do Álbum: Antena 1
ANTENA 1A RÁDIO ONLINE MAIS OUVIDA DO BRASIL

    Bolsonaro toma posse com discurso voltado a temas de campanha e promete fortalecer democracia

    Por Thomson Reuters

    Placeholder - loading - news single img

    Por Ricardo Brito e Mateus Maia

    BRASÍLIA (Reuters) - O presidente Jair Bolsonaro fez nesta terça-feira um discurso de posse marcado por temas da campanha eleitoral que o levou à Presidência e com a promessa de fortalecer a democracia e trazer para a economia a marca da confiança por meio da realização do que chamou de reformas estruturantes para criar um 'círculo virtuoso' na economia.

    Bolsonaro também prometeu construir uma sociedade sem discriminações e divisões e, ao levantar bandeiras de sua campanha eleitoral, a mais polarizada da história, defendeu a posse de armas de fogo por 'cidadãos de bem' e disse que tirará o Brasil das 'amarras ideológicas'.

    'Reafirmo meu compromisso de construir uma sociedade sem divisão', disse Bolsonaro no discurso logo depois de fazer o juramento e ser empossado pelo presidente do Senado, Eunício Oliveira (MDB-CE), ao lado do general da reserva Hamilton Mourão, que tomou posse como vice-presidente.

    'O cidadão de bem merece dispor de meios para se defender. Contamos com o apoio do Congresso Nacional para os policiais fazerem seu trabalho', acrescentou, ao retomar dois temas caros que defendeu na campanha que o elegeu no final de outubro.

    Bolsonaro também fez uma sinalização aos parlamentares, convocando-os a aprovarem medidas econômicas importantes, como o que chamou de 'reformas estruturantes', sem, no entanto, nomeá-las.

    'Aproveito este momento solene e convoco cada um dos congressistas para me ajudarem na missão de restaurar e reerguer nossa pátria, libertando-a definitivamente do jugo da corrupção, da criminalidade, da irresponsabilidade econômica e da submissão ideológica', discursou Bolsonaro.

    'Vamos valorizar o Parlamento resgatando a legitimidade e a credibilidade do Congresso Nacional. Na economia, traremos a marca da confiança, do interesse nacional, do livre mercado e da eficiência. Confiança no cumprimento de que o governo não gastará mais do que arrecada e na garantia de que as regras, os contratos e as propriedades serão respeitadas', afirmou o novo presidente.

    Após ser empossado no Congresso, Bolsonaro segue para o Palácio do Planalto onde receberá a faixa presidencial do agora ex-presidente Michel Temer. O novo presidente também fará um discurso à população que acompanha a cerimônia no Planalto.

    (Reportagem adicional de Lisandra Paraguassu, em Brasília, e Eduardo Simões, em São Paulo)

    1. Home
    2. noticias
    3. bolsonaro toma posse com …

    Este site usa cookies para garantir que você tenha a melhor experiência.