Capa do Álbum: Antena 1
A Rádio Online mais ouvida do Brasil
Antena 1
    Veja todas as Notícias.

    Em meio a desespero e tiros, vizinhos abrigaram alunos de escola em Suzano

    Placeholder - loading - news single img

    Publicada em  

    Por Laís Martins

    SUZANO (Reuters) - Quando os primeiros tiros foram disparados dentro da escola estadual Raul Brasil, em Suzano, nesta quarta-feira, muitos vizinhos abriram seus portões, deparando-se com estudantes que pulavam o muro da escola e corriam desesperados.

    Foi na casa de alguns desses vizinhos que alguns alunos da escola se refugiaram --muitos em estado de choque-- do massacre realizado dentro do colégio por dois ex-alunos e que deixou 9 mortos --incluindo os dois agressores que cometeram suicídio. Uma décima vítima foi morta em uma locadora de carros da cidade antes de os criminosos entraram na escola. Outras 10 pessoas ficaram feridas.

    'Escutei muita gritaria, abri o portão no momento e me deparei com a cena das crianças pulando o muro”, contou a dona de casa Marilene Gonçalves, de 51 anos.

    Marilene, que estava no quintal de sua casa na hora dos primeiros disparos, abrigou na sua casa um estudante que foi baleado no queixo depois de vê-lo pulando o muro.

    “Ele não conseguia falar nada, mas eu dei o celular na mão dele e ele digitou, todo trêmulo, todo sujo, para falar com a mãe dele”, explicou, acrescentando que o jovem estava desesperado pela namorada, que não conseguiu pular o muro.

    Foi também no fundo da oficina de pintura de carros de José Santana, na mesma rua da escola, que outras oito jovens buscaram refúgio.

    “Ouvi o primeiro, o segundo e o terceiro tiro. Foram muitos, muito altos”, disse o pintor de carros de 68 anos.

    Segundo relataram os vizinhos, a polícia chegou rapidamente, cerca de cinco minutos após os primeiros tiros. Eles estimam que o tiroteio não durou mais de 10 minutos.

    Muitos outros moradores do quadrilátero ao redor da escola tiveram a mesma ação de abrigar os estudantes. A escola, explicam, ocupa um lugar de carinho no bairro.

    Além de ser uma escola referência de Suzano, cidade que fica a cerca de 50 quilômetros de São Paulo, muitos moradores também estudaram ali, há muitas décadas.

    “Eu cresci ali, estudei ali minha vida toda. Tem uma parte de mim ali, uma parte da minha história”, disse o publicitário Igor Ribeiro, de 42 anos.

    Ele, que mora a uma quadra da escola, correu para o local assim que ouviu os primeiros disparos e chegou ainda em tempo de ver os estudantes correndo.

    Os autores do massacre estudaram na escola e, segundo o secretário de Educação de São Paulo, Rossieli Soares, o mais novo deles, o de 17 anos, estava em processo de retornar.

    O fato de ser conhecido por funcionários, avaliou Soares, pode ter facilitado sua entrada na escola.

    'Tem algo na origem que precisa ser analisado. Precisamos pensar o que estamos fazendo com os nossos jovens', disse Rossieli.

    O prefeito de Suzano, Rodrigo Ashiuchi (PR), anunciou que disponibilizou um ginásio esportivo da cidade caso os familiares da vítima optem por realizar um velório coletivo para as vítimas do massacre.

    (Edição de Eduardo Simões)

    Escrito por Thomson Reuters

    Últimas Notícias

    Placeholder - loading - Imagem da notícia 6 músicas internacionais que têm samples de outras canções

    6 músicas internacionais que têm samples de outras canções

    Sample é um termo bastante conhecido no mundo da música, especialmente por compositores, cantores e gravadoras. Mas a verdade é que isso talvez seja algo que esteja guardado apenas para os profissionais da área. Sendo assim, esta matéria foi preparada para informar o leitor, com uma linguagem fácil para todos tenham conhecimento.

    A criação de uma música é muito mais complicada e detalhada do que o ouvinte comum acha. O glamour para os cantores e bandas, como premiações, discos de ouro e platina são apenas o final de um trabalho longo e extenso. Como, sabemos que para uma produção de música, uma equipe com vários profissionais é acionada.

    Para entender o sample, devemos voltar lá na origem do artificio, que teve notoriedade na década de 80, justamente com o crescimento das músicas eletrônicas e os arranjos, em versões de remix.

    Por mais moderno que possa parecer, uma técnica de samplear as faixas musicais são muito mais antigas do que pensamos. As primeira tentativas e estudos originaram o termo, surgiram na década de 40.

    Os franceses teóricos da música Pierre Schaefer e Pierry Henry, foram os pioneiros na preparação da chamada Musique Concrèt, que em resumo é arte de modificar um som.

    Como o próprio diz, o significado de Sample, do inglês para o português é basicamente “amostra”, e essa amostra é uma forma utilizada pelos produtores, em uma criação musical. Diferente do remix, o sample é uma base de um faixa já existente. Para deixar mais fácil para o entendimento.

    Quando um musico pega um violão para compor as primeiras notas de uma obra, ele levará para uma gravadora e produtor musical, e incluir aquele curto trecho instrumental na canção. Essa gravação do violão é uma amostra fica gravada, para o inicio da criação.

    O Sample não está limitado apenas nas gravações instrumentais, mas as vozes são muito presentes também. Muitos produtores usam de uma musica já existente para a elaboração de uma nova.

    Por isso, em algumas situações, é notório quando o ouvinte aprecia uma canção, e assemelha a mesma com outra. Assim, ‘samplear’ pode ser considerado uma forma de homenagear o criador.

    Músicas que utilizam sample

    Madonna - 'Hung Up'

    Do ritmo conhecido e apreciado por muitos, o single ‘Gimme ,Gimme, Gimme’ da banda aclamada ABBA, a diva Madonna, não economizou na homenagem ao grupo sueco. ‘Hung Up’ virou de fato um sucesso em 2005, e talvez poucos sabiam dessa similaridade.



    Confira a versão do ABBA:



    Beyoncé - 'All Night'

    A base feita pela estrela Beyoncé em ‘All Night’ foi de fato uma bela combinação com ‘Spottieottiedopaliscious’. A canção original veio da dupla de rappers americanos, Outkast.



    Confira a versão da dupla Outkast:



    Jennifer Lopez - 'Jenny From The Block'

    O grupo americano de hip hop, The Beatnuts, emprestou um de seus exemplares, ‘Watch Out Now’, para a cantora, compositora e atriz Jennifer Lopez. A batida presente na canção da J.Lo é mais um exemplo da utilização do sample. E vale ressaltar que isso não falta de criatividade, e sim uma admiração e homenagem.



    Confira a versão do grupo The Beatnuts:



    Ariana Grande - '7 Rings'

    Ariana Grande voltou ao passado e utilizou 'My Favorite Things', do clássico 'A Noviça Rebelde' em sua música "7 Rings".    

    16 H
    1. Home
    2. noticias
    3. em meio a desespero e tiros …

    Este site usa cookies para garantir que você tenha a melhor experiência.