Capa do Álbum: Antena 1
A Rádio Online mais ouvida do Brasil
Antena 1
    Veja todas as Notícias.

    Primeiras remessas de vacina contra coronavírus nos EUA 'levam esperança' a milhões

    Placeholder - loading - news single img
    Caixas com vacinas contra Covid-19 da Pfizer na UPS Worldport, em Louisville, Kentucky 13/12/2020 Michael Clevenger/Pool via REUTERS/File Photo

    Publicada em  

    Por Lisa Baertlein

    (Reuters) - Aviões e caminhões de carga com as primeiras remessas de vacinas contra coronavírus dos Estados Unidos partiram de terminais da FedEx e da UPS no Tennessee e no Kentucky no domingo a caminho de pontos de distribuição de todo o país, iniciando um projeto de imunização de abrangência e complexidade inéditos.

    As inoculações, vistas como essenciais para se deter uma pandemia crescente que está cobrando mais de 2.400 vidas nos EUA por dia, podem começar já nesta segunda-feira.

    As primeiras provavelmente acontecerão em locais de vacinação próximos de qualquer um dos 145 destinos iniciais das remessas, ou naqueles mais próximos de centros de cargas da FedEx ou da United Parcel Service que estão encaminhando entregas da fábrica.

    Andy Beshear, governador do Kentucky, deu a entender que as primeiras injeções da vacina serão aplicadas em seu Estado, que abriga a instalação de triagem UPS Worldport em Louisville, um de dois centros de comando de distribuição – o outro é o terminal de cargas aéreas da FedEx em Memphis, no Tennessee.

    'Agora acreditamos que os primeiros indivíduos serão vacinados aqui na comunidade amanhã de manhã. Estamos a menos de 24 horas do começo do fim deste vírus', tuitou Beshear no domingo.

    A vacina contra coronavírus, desenvolvida pela Pfizer e sua parceira alemã BioNTech, obteve aprovação de uso emergencial das agências reguladores federais na noite de sexta-feira, abrindo caminho para que a distribuição comece meros 11 meses depois de os EUA documentarem suas primeiras infecções de Covid-19.

    O empreendimento monumental começou no domingo de manhã. Caminhões com embalagens refrigeradas da vacina – que precisa ser mantida em temperaturas sub-árticas – saídas da instalação da Pfizer em Kalamazoo, no Michigan, e destinadas a aviões da UPS e da FedEx foram a campos aéreos de Lansing e Grand Rapids.

    Dali, as aeronaves levaram as remessas para os respectivos terminais de carga da UPS e da FedEx em Louisville e Memphis para serem distribuídas em aviões e caminhões às primeiras 145 das 636 áreas de vacinação do país. Mais duas remessas de vacinas devem seguir para os outros locais na terça e na quarta-feira.

    'Hoje, não estamos levando carga, estamos levando esperança', disse Andrew Boyle, copresidente da Boyle Transportation, contratada pela UPS para ajudar a transportar a vacina da fábrica para um avião à espera em Lansing sob escolta de seguranças.

    (Reportagem adicional de Susan Cornwell e Richard Cowan em Washington e Peter Szekely em Nova York)

    Escrito por Reuters

    1. Home
    2. noticias
    3. primeiras remessas de vacina …

    Este site usa cookies para garantir que você tenha a melhor experiência.