alexametrics
Capa do Álbum: Antena 1
A RÁDIO ONLINE MAIS OUVIDA DO BRASILANTENA 1

    Principal autoridade do governo francês para reforma da Previdência renuncia

    Placeholder - loading - news single img
    Alto comissário para Pensões do governo da França, Jean-Paul Delevoye 10/12/2019 REUTERS/Benoit Tessier

    Publicada em  

    PARIS (Reuters) - O alto comissário para Pensões do governo da França, Jean-Paul Delevoye, renunciou nesta segunda-feira, depois que a mídia local noticiou que ele não declarou publicamente os cargos que ocupava paralelamente à sua posição na administração pública.

    A renúncia, antecipada pelo jornal Le Monde, ocorre em um momento crucial para o presidente Emmanuel Macron, cujo governo está em um impasse com sindicatos que vêm intensificando os protestos contra a reforma da Previdência e que exigem o abandono da proposta.

    A Presidência francesa disse em um comunicado que aceitou a renúncia de Delevoye, que ele apresentou para não prejudicar o trabalho do Executivo.

    'O presidente louva seu comprometimento pessoal e seu trabalho na reforma da Previdência', disse o texto. 'Sua saída permite o esclarecimento da situação'.

    A pressão pela demissão aumentou na semana passada devido ao conflito de interesse em potencial, uma vez que Delevoye não revelou ocupar 13 postos, incluindo o de administrador voluntário de um instituto de treinamento de seguros -- um setor que poderia ser beneficiado pela reforma da Previdência.

    Delevoye já havia dito que foi um erro não divulgar os cargos. No domingo, porém, vários ministros o defenderam, dizendo que ele agiu de boa fé.

    A renúncia é uma perda para Macron, não somente porque Delevoye era o principal articulador da reforma, mas um de seus aliados mais confiáveis e um dos poucos com experiência ministerial.

    (Por Caroline Paillez e Michel Rose)

    Escrito por Reuters

    1. Home
    2. noticias
    3. principal autoridade do …

    Este site usa cookies para garantir que você tenha a melhor experiência.