Capa do Álbum: Antena 1
A Rádio Online mais ouvida do Brasil
Antena 1
    Veja todas as Notícias.

    Richard Marx é o Artista da Semana

    Estrela da década de 1980, cantor norte-americano ficou popular por hits como ‘Right Here Waiting’

    Placeholder - loading - news single img
    Photoshoot/Divulgação

    Publicada em  

    Nascido em Chicago no dia 16 de setembro de 1963, Richard Marx popularizou-se nos anos 1980 com a canção ‘Right Here Waiting’. O hit entrou para a primeira posição da Billboard Hot 100, além de ter alcançado o 2º lugar no Reino Unido e o título de 47ª música mais tocadas nas rádios brasileiras em 1989. 

    Veja também: Novo Letra e Tradução: Hazard, de Richard Marx

    Filho de Ruth, uma ex-cantora, e Dick Marx, um músico de jazz, o artista começou a carreira cantando jingles comerciais escritos pela empresa de seu pai e atuando nos vocais de apoio de Lionel Richie, que admirava o talento do jovem. 

    Em 1987, lançou seu primeiro álbum. Autointitulado, o disco fez com que Richard se tornasse o primeiro artista solo masculino na história da música a alcançar o top 3 da lista Billboard Hot 100, com quatro singles de um álbum de estreia, incluindo o popular ‘Don’t Mean Nothing’.

    Nos próximos seis anos, entre 1989 e 1993, o cantor lançou os álbuns ‘Repeat Offender’, ‘Rush Street’ e ‘Paid Vacation’. Da última obra, a faixa “Now and Forever” foi a que obteve maior sucesso, mas o álbum foi mal-sucedido comparado aos anteriores, o que levou Marx a entrar em um hiato, voltando em 1997 com o disco “Flesh and Bone”.

    No mesmo ano, o cantor produziu o CD “Greatest Hits”, uma compilação dos maiores sucessos de sua carreira, incluindo singles como “Should’ve Known Better”, “Satisfied”, “Take This Heart” e “Hazard”.

    Ao mesmo tempo, ele fez um dueto com Donna Lewis, dando origem à faixa “At The Beginning”, mais tarde usada como música tema do filme de animação “Anastácia” (1997). 

    A partir de 1999, Richard também produziu canções para artistas como Laura Pausini, Sarah Brightman, Barbra Streisand e Vince Gill

    Em 2000, co-escreveu a canção “Angel On My Shoulder” para a cantora Natalie Cole e “To Where You Are” para a ópera do cantor Josh Groban, além de “Crazy Me” e “I Do It For Your Love” em parceria com Kenny Rogers.

    No mesmo ano, Marx também lançou seu sexto álbum de estúdio, “Days in Avalon”, inaugurado no Japão dois anos depois, em 2002.

    Uma parceria com o cantor de R&B e soul Luther Vandross na faixa “Dance With My Father” rendeu ao artista o Grammy de 2004 na categoria de canção do ano. 

    Ainda em 2004, ele lançou o álbum “My Own Best Enemy”, um trabalho com 12 canções inéditas, caracterizadas pelo cantor à época como um retorno aos gêneros que marcaram o início de sua carreira, quando foi fortemente influenciado pela R&B music e pela música country.

    Em 2008, Marx lançou os álbuns “Duo”, “Emotional Remains” e “Sundown”. No mesmo ano, o cantor também decidiu encabeçar uma campanha de arrecadação de fundos para a pesquisa de fibrose cística “Newsapalooza”, patrocinada pelo programa WLS-AM, onde Marx executou vários de seus sucessos.

    Em março de 2010, o artista lançou “Stories To Tell”, seu primeiro álbum integralmente acústico, que teve a faixa “When You Loved Me” chegando ao Top 20 na parada adulto contemporâneo dos Estados Unidos

    O ano de 2010 também foi a data que marcou a primeira visita do artista ao Brasil, onde se apresentou na capital paulista junto ao cantor e parceiro musical de longa data Matt Scannell.

    No final do ano seguinte, em 2011, Marx lançou um EP com cinco canções de Natal, expandindo a ideia para um álbum com 17 faixas natalinas em outubro de 2012, quando publicou o “Christmas Spirit”.

    Em julho de 2014, o cantor lançou seu décimo primeiro álbum de estúdio, o “Beautiful Goodbye”. Um mês antes, a faixa “Whatever We Started”, lançada como single digital, alcançou a vigésima nona posição na parada adulto contemporânea da Billboard.

    O próximo álbum de Marx viria em fevereiro de 2020. Intitulado “Limitless”, seu primeiro single, “Another One Down”, atingiu a 14ª posição também na parada adulto contemporânea da parada norte-americana.

    Em meio à pandemia do novo coronavírus, Marx decidiu lançar duas séries digitais em seu canal oficial no YouTube. Em uma delas, o cantor grava versões acústicas de alguns de seus maiores hits. 

    Na outra, ele convida artistas que fazem parte do seu círculo de amizades para conversar por videoconferência. A série, que já acumula 24 episódios, foi aberta com a presença de Matt Scannell, passando por artistas como o showrunner Brian Koppelman, a cantora Chely Wright e o ator Steven Weber.

    Ao lado da esposa Daisy Fluentes, Marx também lançou o podcast “Tequila Talk”, onde os dois simulam uma conversa de bar, explorando tópicos diversos em episódios que variam de dez a cinquenta minutos. 

    Em entrevista recente, o cantor disse que criou esses projetos numa tentativa de manter a mente ocupada e evitar o medo em relação ao futuro e à saúde de seus três filhos e sua mãe de 84 anos. 

    O que posso fazer para não ficar pensando no quanto estou com medo?”, lembrou de ter perguntado a si mesmo à época. 

    Marx também chamou esse período de quarentena como uma “fase de limbo”, enquanto o setor de música ao vivo encara uma série de incertezas em meio ao cancelamento de shows e turnês.

    Até que o cantor volte a se apresentar mundo afora, você pode ouvir os seus principais hits no Podcast do Artista, clicando aqui.

    1. Home
    2. noticias
    3. richard marx e o artista da …

    Este site usa cookies para garantir que você tenha a melhor experiência.