alexametrics
Conectando

    Segundo especialistas, se exercitar deveria ser tão natural quanto o hábito de escovar os dentes.

    Rotina de exercícios físicos reverte risco cardíaco causado por sedentarismo

    Por Redação, antena 1

    Placeholder - loading - news single img

    De acordo com estudo recente publicado no periódico científico Circulation, pessoas de meia idade podem reduzir e até mesmo reverter o risco cardíaco causado por décadas de sedentarismo através da atividade física. Esse objetivo, no entanto, é alcançado com um comprometimento de longo prazo. Por isso, é necessário praticar exercício aeróbico de quatro a cinco vezes por semana, por cerca de dois anos.

    Para chegar à conclusão, pesquisadores analisaram o coração de 53 adultos saudáveis com idade entre 45 e 64 anos que não se exercitavam regularmente. Em seguida, os participantes foram divididos em dois grupos: em um, os voluntários seguiram uma rotina de exercícios aeróbicos que foi aumentando de intensidade ao longo de dois anos e, no outro, as pessoas deveriam praticar yoga, musculação e exercícios de equilíbrio, três vezes por semana, pelo mesmo período.

    De acordo com os resultado, os participantes do grupo de exercícios aeróbicos apresentaram uma melhora de 18 por cento na
    sua ingestão máxima de oxigênio durante o exercício e uma melhora de mais de 25 por cento na “plasticidade” do músculo ventricular esquerdo do coração – ambos marcadores de um coração mais saudável. Por outro lado, esses benefícios não foram vistos nos participantes do segundo grupo.

    “A chave para um coração mais saudável na meia idade é a dose certa de exercícios, no momento certo da vida. […] O resultado foi a reversão do risco cardíaco causado por décadas de um estilo de vida sedentário, para a maioria dos participantes.”, disse Benjamin Levine, principal autor do estudo e diretor do Instituto de Exercício e Medicina Ambiental.

    A rotina seguida pelos participantes consistia em sessões de 30 minutos de exercícios, mais aquecimento e resfriamento. Nos primeiros três meses, eles praticaram apenas três sessões de exercícios moderados. Após esse período, foi incluída uma  sessão de atividade aeróbica de alta intensidade. Também foi recomendado pelo menos uma sessão semanal de treinamento de força e uma sessão de treinamento aeróbico longo, o que corresponde a uma hora de tênis, ciclismo, corrida, dança ou caminhada rápida.

    No entanto, é válido ressaltar que esse regime de exercícios aeróbicos deve ser iniciado antes dos 65 anos, quando o coração parece manter a “plasticidade” e a capacidade de se remodelar. Após essa idade, provavelmente os resultados não serão tão promissores.

    Para ler mais notícias, curta a nossa página Antena 1 News no Facebook!

    Este site usa cookies para garantir que você tenha a melhor experiência.