Capa do Álbum: Antena 1
A Rádio Online mais ouvida do Brasil
Antena 1
Ícone seta para a esquerda Veja todas as Notícias.

Tropas ucranianas resistem a ataque da Rússia em Sievierodonetsk

Placeholder - loading - Morador caminha perto de prédio destruído por ataque russo na cidade de Bakhmut, na região ucraniana de Donetsk 29/05/2022 REUTERS/Serhii Nuzhnenko
Morador caminha perto de prédio destruído por ataque russo na cidade de Bakhmut, na região ucraniana de Donetsk 29/05/2022 REUTERS/Serhii Nuzhnenko

Publicada em  

Atualizada em  

Por Pavel Polityuk e Max Hunder

KIEV (Reuters) - Forças ucranianas ainda estavam resistindo em Sievierodonetsk nesta terça-feira, suportando o ataque da Rússia para capturar um local que Moscou definiu como objetivo principal de sua invasão nos últimos dias.

Ambos os lados disseram que as forças russas agora controlam entre um terço e metade da cidade. Os representantes separatistas da Rússia reconheceram que capturá-la estava demorando mais do que o esperado, apesar de um dos maiores ataques terrestres da guerra.

Analistas militares ocidentais dizem que Moscou retirou pessoal e poder de fogo do resto do front para se concentrar em Sievierodonetsk, esperando que uma grande ofensiva na pequena cidade industrial produza algo que a Rússia possa chamar de vitória em um de seus objetivos declarados no leste.

'Já podemos dizer que um terço de Sievierodonetsk está sob nosso controle', disse Leonid Pasechnik, líder do grupo separatista República Popular de Luhansk, pró-Moscou, segundo a agência de notícias estatal russa Tass.

Os combates estavam acontecendo na cidade, mas as forças russas não estavam avançando tão rapidamente quanto se esperava, disse ele, alegando que as forças pró-Moscou queriam 'manter a infraestrutura da cidade' e estavam se movendo lentamente por causa da cautela em torno das fábricas de produtos químicos.

O chefe ucraniano da administração municipal, Oleksandr Stryuk, afirmou que os russos agora controlam metade da cidade.

'Infelizmente... a cidade foi dividida ao meio. Mas, ao mesmo tempo, a cidade ainda se defende. Ainda é ucraniana', disse ele, aconselhando aqueles que ainda estão presos no interior a ficarem em porões.

A Ucrânia diz que a Rússia destruiu toda a infraestrutura crucial da cidade com um bombardeio implacável, seguido de onda após onda de ataques terrestres em massa envolvendo um grande número de vítimas.

Milhares de moradores continuam presos. As forças russas estão avançando em direção ao centro da cidade, mas lentamente, e não conseguiram cercar os defensores ucranianos que se mantinham lá.

O governador regional, Serhiy Gaidai, disse à televisão ucraniana que não parece haver risco de as forças ucranianas serem cercadas, embora possam ser forçadas a recuar através do rio Siverskiy Donets até Lysychansk, a cidade gêmea na margem oposta.

Stryuk, chefe da administração da cidade, disse que a retirada de civis não é mais possível. As autoridades cancelaram os esforços para retirar os moradores após um ataque na segunda-feira que matou um jornalista francês.

Jan Egeland, secretário-geral da agência de ajuda do Conselho Norueguês para Refugiados, que há muito operava em Sievierodonetsk, disse estar 'horrorizado' com a destruição.

'Tememos que até 12.000 civis permaneçam no meio do fogo cruzado na cidade, sem acesso suficiente a água, comida, remédios ou eletricidade. O bombardeio quase constante está forçando os civis a buscar refúgio em abrigos antiaéreos e porões, com poucas oportunidades para aqueles que tentam escapar.'

Escrito por Reuters

Últimas Notícias

Placeholder - loading - Imagem da notícia “ABBA Gold”: 30º aniversário do álbum é celebrado com edição especial

“ABBA Gold”: 30º aniversário do álbum é celebrado com edição especial

Após de três décadas do lançamento do projeto de grandes sucessos do ABBA, o quarteto anuncia a nova versão que celebra o aniversário do disco. A coleção dos grandes hits, “ABBA Gold” está prevista para ser divulgada no dia 23 de setembro e conta com canções como 'Dancing Queen', 'Take A Chance On Me', 'Mamma Mia', 'Super Trouper', 'Fernando', 'Waterloo' e 'The Winner Takes It All'.

O disco da banda sueca é uma das produções mais bem sucedidas na indústria da música, tendo vendido mais de 32 milhões de unidades ao redor do mundo. Outro marco impressionante, é o álbum ter sido o segundo mais vendido de todos os tempos no Reino Unido passando mais de 1.055 semanas no Official UK Albums Chart. Com isso, tornou-se o álbum mais antigo no Official Albums Chart Top 100 de todos os tempos.

Originalmente, o trabalho de 19 faixas foi lançado em 21 de setembro de 1992, e já foi reeditado diversas outras vezes. Um exemplo disso foi a remasterização do disco em 2010, que também foi reembalado para coincidir com o lançamento do filme musical inspirado no ABBA, “Mamma Mia!”

Para marcar a primeira divulgação desse álbum tão emblemático, sua edição comemorativa virá em múltiplos formatos, que serão: 2 novos LPs Picture Disc de vinil pesado, alojado em capa dobrável cortada; novo cassete dourado – também disponível em preto; e ouro 2LP – vinil dourado 2 x 180g. A nova edição limitada do ABBA também já está disponível para pré-encomenda aqui.



O grupo, composto por Björn Ulvaeus, Benny Andersson, Agnetha Fältskog e Anni-Frid Lyngstad, lançou sua última obra em novembro do ano passado. Intitulado “Voyage”, o nono disco de estúdio rendeu muita visibilidade à banda – já que estreou na segunda posição da Billboard 200. Além disso, o primeiro single do álbum, "I Still Have Faith in You", rendeu ao grupo sua primeira indicação ao Grammy.

11 H
  1. Home
  2. noticias
  3. tropas ucranianas resistem a …

Este site usa cookies para garantir que você tenha a melhor experiência.