alexametrics
Capa do Álbum: Antena 1
ANTENA 1A RÁDIO ONLINE MAIS OUVIDA DO BRASIL

    UE diz que não irá mais negociar termos do Brexit com Londres, risco de saída sem acordo aumenta

    Placeholder - loading - news single img

    1539

    Publicada em  

    Por Gabriela Baczynska e Jan Strupczewski

    BRUXELAS (Reuters) - A União Européia não negociará novamente o Brexit, disse a UE na terça-feira, depois que o Parlamento britânico rejeitou o pacote de divórcio pela segunda vez em uma votação que tornou mais provável um cenário caótico de saída sem acordo.

    “A UE fez tudo que pôde para ajudar o Acordo de Retirada a cruzar a linha de chegada”, disse o principal negociador do bloco para o Brexit, Michel Barnier, após a votação britânica.

    “O impasse só pode ser resolvido no Reino Unido. Nossas preparações para um (Brexit) sem acordo são agora mais importantes do que nunca.”

    Em comunicados coordenados, o presidente do Conselho Europeu, Donald Tusk, e a Comissão Europeia também disseram que o bloco fez “todo o possível para alcançar um acordo... é difícil ver o que mais podemos fazer”.

    A UE insiste em afirmar que o conturbado acordo de separação --já rejeitado em janeiro-- não será aprimorado novamente e espera que a primeira-ministra britânica, Theresa May, solicite um adiamento do Brexit para evitar a turbulência econômica que será desencadeada caso o Reino Unido deixe o bloco sem um plano em vigor.

    “Com apenas 17 dias para 29 de março, a votação de hoje aumentou significativamente a probabilidade de um Brexit sem acordo”, disse a União Europeia.

    “Caso haja um pedido de prorrogação por parte do Reino Unido, os 27 membros da UE irão considerá-lo e decidir por unanimidade. Os 27 membros da UE irão esperar uma justificativa crível para uma possível prorrogação e sua duração”, disse, acrescentando que qualquer adiamento do Brexit não deverá interferir com as eleições parlamentares da UE marcadas para os dias 24 a 26 de maio.

    Escrito por Thomson Reuters

    1. Home
    2. noticias
    3. ue diz que nao ira mais …

    Este site usa cookies para garantir que você tenha a melhor experiência.