alexametrics
Capa do Álbum: Antena 1
A RÁDIO ONLINE MAIS OUVIDA DO BRASILANTENA 1
    Veja todas as Notícias.

    Venda de drones aumenta 50%

    O crescimento é consequência do uso do equipamento em ambientes corporativos

    Placeholder - loading - news single img
    526 mil drones chegarão ao mercado empresarial. Crédito da imagem: iStock

    Publicada em  

    A venda de drones para uso em empresas de todo o mundo deve crescer 50%, em 2020.

    De acordo com a estimativa da empresa mundial em pesquisa e aconselhamento corporativo, o Gartner, as vendas globais podem atingir 1,3 milhão de unidades até o ano de 2023.

    O crescimento é decorrente do uso do drone em ambientes corporativos que são integrados às redes de IoT (Internet das Coisas). Este tipo de rede é um conceito referente à interconexão digital de objeto com a Internet, ou seja, uma ligação de objetos físicos que transmitem e reúnem dados.

    Neste ano, 526 mil drones chegarão ao mercado empresarial. De acordo com a Analista Principal do Gartner, Kay Sharpington, o setor de construção foi um dos primeiros a adotar a técnica para monitorar obras e construções.

    Além disso, os drones são usados para mapear terrenos e gerenciar terraplanagens. A estimativa é que sejam pedidos cerca de 210 mil drones, somente neste ano, para este segmento. Até 2023, o número deve dobrar.

    No entanto, o número de funcionários na área de construção deve diminuir cerca de 26%.

    A previsão é que em 2020, os drones sejam mais utilizados para monitorar serviços de incêndios e investigar seguros.

    O segundo setor que mais utiliza o equipamento é o de Segurança Pública. Polícia e agências de combates a incêndios implantaram o veículo aéreo com o objetivo de investigar cenas de crimes, operar buscas e gerenciar incêndios florestais.

    Segundo o Gartner, os drones utilizados pelos bombeiros possuem câmeras e imagens térmicas para identificar fogos, áreas de calor e pessoas presas.

    O terceiro maior segmento de implantação de drones é o de seguros. A expectativa do Gartner é que o setor utilize pelo menos 46 mil equipamentos, em 2020. O número deve chegar a 136 mil, em 2023.

    Na área de seguros, o objeto realiza inspeções em edifícios e estruturas, além de avaliar as causas de danos. Dessa forma, é possível avaliar a condição da edificação e, até mesmo, fornecer um valor de seguro.

    O investimento nesse setor é lucrativo, pois reduz o custo de andaimes, escadas e tempo de serviço dos funcionários.

    1. Home
    2. noticias
    3. venda de drones aumenta 50

    Este site usa cookies para garantir que você tenha a melhor experiência.