alexametrics
Capa do Álbum: Antena 1
ANTENA 1A RÁDIO ONLINE MAIS OUVIDA DO BRASIL

    Dados de políticos alemães são publicados na internet; Merkel não é afetada

    Placeholder - loading - news single img

    Publicada em  

    Atualizada em  

    Por Tassilo Hummel e Hans-Edzard Busemann

    BERLIM (Reuters) - Dados pessoais e documentos de centenas de políticos e figuras públicas da Alemanha foram publicados na internet, informou o governo alemão nesta sexta-feira, acrescentando que nenhuma informação sensível do gabinete da chanceler Angela Merkel foi divulgada.

    A agência nacional de defesa cibernética da Alemanha, BSI, se reuniu na manhã desta sexta-feira depois de receber a notícia das invasões virtuais, disse um porta-voz à Reuters.

    De acordo com a mídia alemã, hackers publicaram dados, incluindo detalhes de cartão de crédito e números de telefones celulares, de políticos de todos os principais partidos, menos da legenda de direita Alternativa para a Alemanha (AfD).

    'Dados pessoais e documentos pertencentes a centenas de políticos e figuras públicas foram publicados online', disse a porta-voz do governo, Martina Fietz, em entrevista coletiva.

    A julgar por uma revisão inicial, nenhuma informação sensível da chancelaria havia sido publicada, 'e isso inclui da chanceler', acrescentou.

    Políticos do partido de extrema-esquerda Linke estão entre os afetados, inclusive Dietmar Bartsch, líder do grupo na câmara baixa do Parlamento, segundo um porta-voz.

    A identidade dos hackers e seu motivo são desconhecidos, segundo a mídia.

    Citando fontes da BSI, o jornal Bild relatou que a rede interna segura do governo alemão não foi invadida.

    Um porta-voz da BSI disse à Reuters que a agência se reuniu para coordenar a reação das agências do governo federal, incluindo as de inteligência interna e externa.

    A agência cibernética começou a se reunir 'assim que tomamos conhecimento disto -- portanto hoje de manhã', disse o porta-voz, sem dar qualquer detalhe sobre o alcance da invasão.

    A ARD disse que, após uma primeira análise dos dados, jornalistas não detectaram nenhum conteúdo incriminador.

    (Por Tassilo Hummel e Hans-Edzard Busemann)

    Escrito por Thomson Reuters

    1. Home
    2. noticias
    3. dados de politicos alemaes …

    Este site usa cookies para garantir que você tenha a melhor experiência.